Kosé Sekkisei Sun Protect Essence Gel SPF 50= PA++++

21 mai

Sekkisei é uma marca da japonesa Kosé com um segmento de cosméticos Bihaku,voltados para quem busca uma pele mais “clear” (translúcida): tom de pele uniforme e prevenção de manchas ocasionadas pelo sol.

kose+sekkisei+sun+protect+essence+gel1

É uma linha típica oriental, como vocês poderão observar melhor pelo site. Há cleansers, loções, máscaras, emulsões e cremes. É bastante popular no Japão por ser vendida em farmácias. A identidade visual remete a algo invernal, porque a promessa de, ao usar os produtos, ter uma pele clara como a neve“:

kose+sekkisei

Linha típica para uma pele bihaku.

No mês de Fevereiro dois protetores solares da marca foram renovados e sobre um deles que teremos a resenha de hoje: Kosé Sekkisei Sun Protect Essence Gel SPF 50= PA++++:

kose+sekkisei+sun+protect+essence+gel3

Frasco de 35g.

 Alegações: filtro solar em gel serum (essence), mas com sensação leve e refrescante de uma lotion (loção/ tônico), com acabamento sedoso, sem viscosidade e transparente (sem deixar resíduo branco). Tem ingredientes micro encapsulados que “explodem” durante a aplicação e confere umidade à pele.

Promete uma pele mais translúcida, no sentido que previne danos solares e hipercromias; hidratação e maciez por um longo período, graças aos extratos botânicos orientais e ingredientes minerais presentes na fórmula.

Indicado para exposições diárias, rosto e corpo, inclusive como makeup base. Resistente ao suor, ao sebo e a água. Não precisa de limpador específico (demaquilante).

Release do produto aqui.

A embalagem em bisnaga maleável que permite melhor dosagem e aproveitamento do produto:

kose+sekkisei+sun+protect+essence+gel4

Pode ser encontrado em frascos de 35 e 80g

Textura: que já usou filtros em base essence vai entender melhor (ex: Bioré UV Aqua Rich Watery Essence). Inicialmente lembra um gel-creme, amarelado, mas ao espalhar, micro cápsulas de água estouram sobre a pele tornando o produto mais aquoso e refrescante:

kose+sekkisei+sun+protect+essence+gel6

Texttura inicial, em essence gel.

É a textura ideal para peles sensíveis ou sensibilizadas, porque requer menos atrito e facilita no espalhamento. Por causa disso, ele renda bastante. A mesma dosagem que eu costumo usar com os outros filtro solares, com o Sekkisei Sun Protector Essence GeL consigo aplicar quase três camadas por causa da consistência aquosa:

kose+sekkisei+sun+protect+essence+gel7

Durante o espalhamento, o produto se torna mais aquoso.

Imediatamente ele dá um aspecto “úmido” à pele. E esse acabamento perdura pelo menos por uns 4 minutos, tempo que a pele absorve um pouco mais, mas esse “glow” continua. Logo, quem procura um filtro solar mais opaco/ mate, não encontrará isso com o Sekkisei Sun Protector Essence Gel. É diferente do Bioré UV Aqua Rich Watery Essence, que, embora não matifique dá um aspecto de não ter passado protetor solar sobre a pele:

kose+sekkisei+sun+protect+essence+gel8

Minutos após. Na primeira vez que eu usei, diante do espelho, pensei: “Parece que eu corri a São Silvestre!”.

É uma sensação hidratada, tanto na aparência quanto no toque, e talvez possa incomodar um pouco. Mas, volto sempre a afirmar, é diferente de oleosidade, gordura, sebo. É conceito muito asiático a preferência por peles, que eu costumo brincar, “orvalhada”. Uma pele saudável não é opaca, sem brilho algum. Por trauma de passar anos usando, ou melhor, tolerando, filtros solares com acabamento grosseiro e gorduroso, ocorre um estranhamento inicial ao usar um produto úmido.

Na minha avaliação (subjetiva), o sentimento sedoso é mais pelo efeito final dele sobre a pele (suavizar. amaciar) que obtido por textura/ silicones, entendem?. A empresa alega que se pode aplicar camadas generosas sobre a pele sem que “pesa”, eu acredito que possa ficar ainda mais úmido/ brilho, claro, diferente de ficar gordurosa.

Porém, nem todos os meus leitores têm pele oleosa ou procura filtros solares matificante, logo, queria conhecer outros tipos de textura. Conversei com a Makie sobre isso e ela comentou que no Japão os vendedores ensinam que cream, gel, essence nenhum deixa mate só os milk (quando alegam na embalagem). Toque seco os “milk” e alguns essence e gel deixam também, mas cream não.

Também já notei que filtros solares com função whitening/ bihaku são mais “glow” que neutros.

Uma dica é aplicar um produto mais “úmido” e “selar” com outro mais mate.

É completamente transparente, como se utilizasse uma loção mesmo, então, perfeito para qualquer fototipo de pele.

Achei o Sekkisei Sun Protector Essence Gelbem interessante para ser usado agora com o frio chegando (espero…) porque no verão ficaria complicado de utilizar.

Mas observei os benéficos: quando aplico , suaviza esse brilho e deixa um efeito muito mais natural que um filtro seco. A pele não entra em colapso ao longo do dia, quando parece que os poros ficam mais evidentes pelo efeito matficante. E, no caso deste produto, além de não ressecar, a pele fica macia como se tivesse aplicado não apenas um protetor solar, mas um produto de tratamento skin carealegado isso também).

Percebi também que ele suaviza no aspecto de prevenir aumento da sensibilidade. A minha pele, durante e após retirar o produto, fica mais “clear“. Embora eu não tenha hipercromias, sofro esporadicamente de pequenas placas avermelhadas na face, e reduziram com cinco dias de utilização. Adorei esse efeito e penso até em comprar a lotion – tem os mesmos extratos botânicos que comentarei a seguir e diversos fãs -da marca para substituir a SK-II Facial Treatment Essence (economicamente inviável… rs).

O perfume é um caso e amor à parte. Muito agradável, aliás, jamais pensei que fosse elogiar tanto um perfume em cosmético, porque é um ingrediente que deve ser evitado por causa do potencial irritante. No geral, perfumes são usados em protetor solar mascarar odores indesejáveis na fórmula (o álcool, por exemplo, fica imperceptível).

Mas é gostoso, algo como floral botânico – uns falam que parece “talco da vovó” de tão aprazível e sutil – embora possa ser um pouco acentuado. O odor fica na pele, porque horas depois ainda sinto. Além disso, parece que ele dá um sensorial de “leveza”… rs

O Pedro estava comentando que é uma tradição da Kosé investir nos odores dos produtos, mesmos os que não levam fragrância, têm um odor natural bastante agradável e discreto, provenientes, talvez, dos extratos botânicos utilizados na manufatura.

Que acha que todo protetor solar tem cheiro de praia irá se surpreender.

A lista de ingredientes conta com a assinatura da linha Sekkisei: vários extratos vegetais usados na medicina oriental:

kose+sekkisei+ervas

Extratos botânicos usados na linha Sekkisei.

Conta com Lágrimas de Job (Coix seed extract, ou Lágrima de São Pedro, no Brasil), encontrado na Malásia e China, tem ação calmante, suavizante e anti-inflamatória; Extrato de Angélica (Angelica extract), que tem ação anti-inflamatória e estimula a circulação sanguínea; Extrato de Melothria (Melothria extract), ingrediente encontrado em todos os produtos da linha Sekkisei, pelo o que eu entendi, atua como antioxidante e tem efeito whitening; Extrato folha de Pêssego (Peach extract), hidratante e calmante.

De modo geral, extratos vegetais podem ter ação antioxidante, embora nem todos suportados por estudos para uso tópico sobre a pele, mas vejo nesta fórmula que é um blend de extratos com propriedades antioxidantes e “suavizantes”, que ajudam a prevenir que a pele fique “inflamada” diante dos raios solares – quem, como eu, fica vermelho só pelo calor do sol sabe o que eu estou escrevendo – tenha aumento de manchas.

Sabem que o estresse oxidativo aumenta a expressão de mediadores pró-inflamatórios, com isso, a pele pode ter reações adversas, como hiperpigmentações e maior sensibilidade? O Sol é um desses desencadeadores. 

Mais detalhes sobre os compostos botânicos, há informações no site americano da marca.

Conta com o absorvente UV-B, Octinoxate; Uvinul A-Plus, excelente filtro UV-A 100% foto estável e atua contra os raios UV-A 1 ou  longo (340-400nm).

A Dra. Cynthia Bailey publicou recentemente um artigo  explicado o porquê de se proteger contra os raios UV-A longo.

Ainda, Tinosorb S, absorvente UV de amplo espectro e com alta estabilidade; Parsol SLX, um polímero (silicone) absorvente UV-B (); conta apenas com um filtro físico, o Dióxido de Titânio (UV-B).

Podemos concluir que o produto tem ótima proteção para um filtro solar diário. Referências: Basf.

Tem vários silicones, emolientes, talco, silica e conta também com Mica, mineral usado para dar um efeito “glow” ou de pele “iluminada”.

A textura “leve”, como alegada, previne oclusão dos poros. No final do dia, além de tudo já comentado, sinto que a pele fica mais livre de comedões comparado com filtros solares mais físicos.

- Lista Completa de Ingredientes:

Water, ethanol, ethylhexyl methoxycinnamate, diethylamino hydroxybenzoyl hexyl benzoate, isotridecyl isononanoate, dicaprate PG, polysilicone -15, BG, bisethylhexyloxyphenol methoxyphenyl triazine, angelica root extract, coix extract, Merosuria root extract, peach leaf extract, BHT, EDTA-2Na, PEG-30 phytosterol, PEG-5 phytosterols, acrylates/ acrylic acid alkyl (C10-30)) crosspolymer, dimethicone/ phenyl vinyl dimethicone crosspolymer, vinyl dimethicone/ dimethicone silsesquioxane crosspolymer, carbomer, glycerin, silica, diphenylsiloxy phenyltrimethicone, dimethicone, dilauroyl glutamic acid lysine Na, glyceryl stearate, cetearyl alcohol, talc, hydroxide K, phenoxyethanol , methylparaben, fragrance, mica, titanium dioxide - frasco de 35g e 80g.

Finalizando, o Kosé Sekkisei Sun Protect Essence Gel é ideal para quem prefere manter a pele mais hidratada e prevenir desordens pigmentares provenientes do Sol. No me caso, senti hidratação e o efeito de “calmante” na pele.

Não tem toque seco (nem se propõe), pelo contrário, permite um “glow” de umidade. Pode ser usado por qualquer tipo de pele porque não dá white cast.

Conta com altíssima proteção UV-A e UV-B (FPS 50+ e PA ++++) num produto para fotoproteção diária e veículo similar a sensação de um tônico.

- Onde encontrar: a minha versão, de 35g, foi adquirida com a Makie Cosmetics na faixa de R$ 41,00 + frente. Como se trata de um produto de farmácia, os preços são mais convidativos, por volta de 13 dólares (35g) e 25 dólares (80g). Pode ser encontrado na Rakuten . A linha Sekkisei também é encontrada nos EUA, mas não achei a linha solar.

Mandom Lúcido Ageing Care Oil Control Lotion

14 mai

A Lúcido é uma marca da japonesa Mandom Corporation. Ela tem como target os homens na faixa dos 40 anos que buscam cuidados com a pele e o cabelo.

mandom+lucido+age+care+oil+control5

A linha é bastante diversificada, tem desde produtos para a face (incluindo barba), corpo, banho, cabelo – com uma linha profissional para salões – e higiene pessoal (gente, tem produtos para o suor forte exalado na área da nuca, nunca reparei nisso!).

mandom+lucido+age+care+oil+control4

Uma linha que abrange todas as necessidades.

No público-alvo destinado, temos um tipo de pele que, embora ainda tenha uma produção ativa das glândulas sebáceas, já demonstra sinais de desidratação e envelhecimento.

A perda de água transepidérmica começa por volta dos 25 anos, tornando as linhas dinâmicas mais aparentes com o passar do tempo  A desidratação e ressecamento podem também tornar a pele mais áspera e sem elasticidade. Logo, é preciso equilibrar o excesso de óleo, hidratar – volto afirmar sobre a integridade da barreira cutânea- e prevenir que as rugas se instalem de forma progressiva.

Mas alguém pode questionar: eu não tenho 40 anos, logo não preciso deste produto. Bom, não gosto muito de “rotular” cosméticos por faixa etária e gênero, estamos analisando teoricamente, porque sabemos que cada pele é singular.

Há várias classificações para as rugas, como a do Dr. Richard Glogau, que elaborou uma categorização que avalia a pele conforme o fotodano (linhas/ rugas, distúrbios pigmentares, querotoses/ alterações vasculares…).  Podemos incluir ainda a ptose (flacidez da pele).

Um indivíduo de 20 anos já pode demonstrar sinais de desidratação, manchas e linhas enquanto que uma pessoa com o dobro pode ter uma pele radiante e equilibrada. Inúmeros fatores intrínsecos e extrínsecos, grosso modo, genéticos e ambientais, afetam a funcionalidade da pele e podem levar a alterações nos processos fisiológicos de cada um.

Existe um marketing – ultrapassado – que a pele masculina é mais espessa e oleosa ou que a pele oleosa não precisa de hidratação. São conceitos que já foram revistos e atualizados.

Neste estudo, mostra como o uso de hidratante, em especial, com ceramidas, pode ajudar no processo de combate à acne. E deve ser considerado em pacientes tratados com essae distúrbio.

Algo que eu observo bastante é que os homens preferem produtos mais multifuncionais, devido à praticidade e o tempo, e que tenha um sensorial agradável.

A marca Lúcido foi uma agradável surpresa porque responde as expectativas acima. Pelo menos o produto desta resenha: Mandom Lúcido Ageing Care Oil Contron Lotion:

mandom+lucido+age+care+oil+control1

Frasco de 120 mL.

Alegações: manter a pele hidratada e oleosidade controlada. Possuo um de alta absorção do sebo para um toque sedoso por longo período. Contém Coenzima Q-10 e aminoácidos para repor umidade no estrato córneo e permitir uma pele saudável. Livre de corantes, conservantes e perfume. Contém álcool (etanol).

Indicações: prevenir o de o excesso de oleosidade, ressecamentos, infamações pós-barba (foliculite), acne e queimaduras.

mandom+lucido+age+care+oil+control2

Tampa Flip-top para melhor dosagem do produto.

A textura é incrível, embora seja uma lotion (loção), a sua consistência lembra um gel siliconado, levíssimo, incolor, viscosidade similar à lágrima, que ao espalhar sobre a pele se desfaz como uma água, parecendo, então, uma loção:

mandom+lucido+age+care+oil+control3

O produto sai em “gotas” e seis são suficientes para toda a face.

Espalha fácil e absorve incrivelmente rápido, em questão de segundos, a pele fica com o toque que eu mais amo em alguns produtos japoneses: sedoso e atalcado.

Mas para que não gosta de sensação de “esfriamento”, por causa do Hamamelis e Mentol, pode não apreciar.  Geralmente associam essa percepção à limpeza (frescor). É imediata a aplicação e não perdura, sinto mais na área onde fiz a barba. Outro, porém é a presença de álcool  na fórmula, que pode não ser indicado para peles sensíveis. Incluo-me nesse grupo e não tive problemas, mas fica como observação.

Como citado, não tem perfume, mas o odor natural de Mentol. Diria que lembra produtos masculinos mesmo – um pós-barba.

Quanto mais quantidade você aplica, mais esse sensorial aparece, podendo ser usado até como primer, entretanto não tem efeito de “esconder” imperfeições (poros dilatados, por exemplo). Mas é esse sensação, pele macia e sem óleo, minutos após que se apresenta.

O acabamento final facilita o “deslizamento” de filtros solares e pós, por isso, poderia ser utilizado como primer.

A sua praticidade combina com qualquer tipo de produto: já usei após um tônico; depois do serum antioxidante; como balm pós-barba; hidratante; pré-make; até mesmo como uma loção.

Não entra em “conflito” com nenhuma outra textura. Porém, prefiro usá-lo após um serum ou cosméticos mais leves/ líquidas,  porque, como ele tem silicone/absorvente, conferindo essa sensação sedosa, talvez interfira na absorção de outros produtos.

Na lista de ingredientes temos o Dipotassium Glycyrrhizinate – um quasi-drug no Japão  – que proporciona ação anti-irritante e anti-inflamatória. O ativo é bastante utilizado em fórmulas para peles sensíveis, acnepós-barba, etc., inclusive está presente na nova linha da Cetaphil, DermaControl.

Outro ingrediente destacado é a Ubiquinone (Coenzima Q-10) que teria ação preventiva contra os males da radiação solar.  Como neste estudo onde a Q10 demonstrou suprimir a expressão de colagenase em fibroblastos dérmicos após exposição aos raios UV-A. Neste outro, há indícios que a ativo poderia melhorar o aspecto do foto envelhecimento.

Há também Ascorbyl Glucoside, derivado da Vitamina C, também considerado um quasi-drug,com vários efeitos benefícios à pele: antioxidante, clareador, hidratante

Ainda, o aminoácido Acetyl Hydroxiproline, que poderia aumentar a síntese de ceramidas na pele, melhorando a função da barreira e prevenindo ressecamentos e alívios em sintomas de dermatite atópica.

Este ingrediente é encontrado em quase toda a linha da Astalift como o nome de Pico-Collagen: “um colágeno muito menor que o normal, ele pode penetrar na pele por meio de espaços entre as células córneas, atuando dentro da pele para restaurar a elasticidade da pele”.  Aqui vocês poderão ler melhor sobre as pesquisas da empresa.

Na linha Infinesse, da Albion, a Hydroxipropiline é destinada a ajudar no processo de produção de colágeno por meio das células fibroblásticas.

Podemos citar os benefícios do extrato de Soja, como prevenção dos males causados pela radiação solar, entre outros, O Pedro fez um ótimo artigo sobre o ingrediente e eu sugiro como leitura.

O polímero que dá o aspecto “elegante” à pele (macio, sedoso, levemente opaco, sensação de pó… ), é o Methicone Silsesquioxane Crosspolymer. Aliás, recentemente li que a D’altomare, empresa que atua no mercado de soluções em matérias-primas, trouxe ao Brasil o portfólio da alemã Basf, entre eles, novos tipos de silicones, como Dow Corning ES-9801 Hydro Cosmetic Powder: “elastômero de silicone em pó, fácil de usar em diferentes meios, dispersível em água e óleo. Confere sensorial suave e talcado, efeito “soft focus”, absorção da oleosidade da pele e de óleos e fluidos diversos”.

Será que num futuro próximo poderemos contar com filtros solares e outros cosméticos com texturas similares aos asiáticos?

- Lista Completa de Ingredientes:

Dipotassium glycyrrhizate, ubidecarenone, n-acetyl – l-hydroxyproline, l-Ascorbic acid 2-glucoside, hamamelis extract, soy extract, purified water, ethanol, cross-linked silicone-type silicone block copolymers/ Methicone Silsesquioxane Crosspolymer, trimethylglycine, silicic acid, dipropylene glycol, glycosyl trehalose and water hydrogenated starch hydrolysates of mixture, maltitol solution, polyoxyethylene hydrogenated castor oil, polyvinylpyrrolidone, carboxyvinyl polymer, l-menthol, Potassium hydroxide, acrylic acid and methacrylic acid alkyl copolymer, edetate disodium, 1.3-butylene glycolfrasco de 120 mL.

Lúcido Ageing Care Oil Control é um produto multifuncional (hidrata, protege, previne) para homens que buscam conforto e praticidade. Textura única, agradável e que permite um acabamento sedoso à pele. Pode ser usado como uma loção, hidratante, pós-barba…

Embora indicados para homens, nada impede das mulheres usarem, no @Cosme tem dois comentários de mulheres que “testaram” a lotion.

O efeito oil-control é sutil, como eu uso outros produtos (filtro e pó) tenho melhores resultados. Entretanto, à noite, aplico ele e deixo por umas três horas, sem usar meus ácido noturno e pude observar que nesse meio tempo, o brilho tarda a aparecer. Só de poder usar um cosmético com ótima espalhabilidade, excelente absorção e com bons ingredientes, sem “afetar” os outros produtos, compensa.

O preço é ainda mais convidativo, por volta de sete dólares!

- Onde comprar:

O meu foi adquirido na Makie Cosmetics e custa  R$20,00 + frete. Na Rakuten está por $ 6.24. Que preferir no Brasil, a Vânia Cosmetics aceita encomendas.

AHA by Cleansing Research Oil Cleansing N

2 mai

AHA by Cleansing Research é uma marca japonesa da BCL Company. É uma linha especifica de limpeza com Alpha-Hidroxiácidos (AHAs) e indicado para quem busca uma pele mais fresca e refinada.

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil1

São várias séries de produtos recomendadas para cada tipo de necessidade: regular, acne, sensitive, formada por limpadores em barra, óleo, gel, espuma, mousse, creme e .

Vocês poderão mais detalhes no site japonês da marca.

O AHA utilizando na composição dos produtos é o Ácido Málico, encontrado em frutas como maçã e pera (olhem o ícone da marca: uma maçã). Ele atua reduzindo a queratinização da pele, melhorando a superfície córnea, mas também pode ser utilizado como regulador de pH e aromatizador. Alguns produtos podem ter também Ácido Lático e Cítrico.

O produto que estou usando é um óleo bem diferente dos que eu já testei: AHA by Cleansing Research Oil Cleansing N:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil2

Frasco de 145 mL.

Embalagem em frasco com válvula pump que permite melhor economia do produto. Utilize dois “pumps” para toda a face:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil3

Saída dosadora pump.

Alegações: óleo de limpeza indicado para higienização profunda e renovação da pele. Remove maquiagem, mesmo rímel à prova d’água, células mortas e o sebo oxidado dos poros, prevenindo a formação de comedões.

Pode ser usado sobre a pele seca ou úmida, inclusive durante o banho.

Como afirmei acima, é um óleo diferente, porque tem uma textura mais espessa, amarelada, alguns comentam que lembra um “soro” – sabe a densidade de um mel? – e espalha suavemente sobre a pele, sem precisar esfregar o produto. O melhor é que também não escorre durante a aplicação:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil8

Um “pump” do produto e vejam como rende.

Utilizo dois “pumps” como indicado e consigo perfeitamente massagear toda a face.

Outra diferença é que pode ser utilizado com a pele úmida como se fosse um sabonete em gel ou líquido. É exatamente assim que parece.

Durante a execução, pode-se perceber o óleo “dissolvendo” o protetor solar e maquiagem, criando uma aparência de emulsão, mas isso é a mistura dos cosméticos com o óleo, porque praticamente não emulsiona quando umedecido com os dedos – não de formar uma consistência mais leitosa – e, após o enxágue, sai completamente da pele, sem deixar resíduos oleosos.

A leitora Makie, por exemplo, usa este produto com a pele úmida, no chuveiro.

Outra característica é que eu não sinto a necessidade de utilizar uma espuma após o enxágue do produto. No site eu não vi a indicação de dupla limpeza. Mas eu aplico um gel de limpeza para concluir a higienização, e ainda, assim, não sinto ressecar a pele.

Como eu já tinha lido resenhas da versão soap, que atua como um peeling químico, fiquei com receio de usar o óleo, prevendo ardência ou repuxamento, mas nada disso aconteceu

O que eu observei foi que, além de remover bem o suor, sebo e cosméticos (filtro e ), também percebi que suaviza a camada mais superficial da pele: meu nariz costuma ficar mais áspero no final do dia, com uma textura mais grossa (células mortas, sebo e protetor solar), e após a limpeza, sinto que a pele fica mais lisa. Porém, é bem sutil, mas para um óleo de limpeza, já considero um quesito positivo.

Para melhor resultado, seria indicado após o óleo, utiliza a espuma ou barra de limpeza da marca.

Não uso maquiagem, mas resolvi fazer um pequeno teste usando alguns produtos da minha mãe (batom, , lápis, sombras, rímel…):

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil4

Alguns itens de maquiagem: batom, pó, sombra…

Apliquei um “punp” de óleo:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil5

Produto antes de emulsionar.

Em seguida, massageei com a pele úmida:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil6

Durante a massagem com a pele úmida todo os produtos de maquiagem já se foram.

E, após o enxágue:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil7

Bastante eficiente, não?

Observem que retirou praticamente tudo. Claro que eu usei pouca quantidade de alguns itens, mas acredito que deu para mostrar a eficiência do produto. No @Cosme, comunidade virtual de cosméticos, o AHA Oil Cleansing N está com boa cotação (4.6) e tem 447 reviews. Muitos confirmam o “poder” dele em remover produtos à prova d’água.

Alguns podem não apreciar o perfume de maçã, mas eu achei bem suave e agradável (adoro odor de maçã!).

O produto não leve óleo mineral, mas óleo de girassol e derivado de óleo de coco. Já utilizei um óleo demaquilante à base de óleo de coco e gostava, o Etude House Real Art Moisture, mas óleo de girassol ainda não tinha experimentado.

A empresa alega que utiliza um óleo híbrido de girassol para facilitar a a combinação com o Ácido Málico, ajudando na remoção de células mortas (queratinócitos) escurecidos e maquiagem mais resistentes.

O óleo de girassol é rico de ácido linoleico, um dos lipídios que compõe o manto hidrolipídico, e excelente emoliente. Este ingrediente pode ajudar na reparação do barreira epidérmica, além de outros benefícios, como ação bactericida, cicatrizante, anti-inflamatório  e até mesmo anticancerígena.

A dermatologista americana Leslie Baumann corrobora que a aplicação tópica de óleo de girassol aumenta os níveis de ácido linoleico na pele (sendo necessário níveis adequados para a manutenção  da saúde da pele), reduz a perda de água trans epidérmica e diminui os sintomas de ressecamento da pele.

Além dele, o produto conta com outros ácidos graxos essências proveniente do óleo de coco, Glicerina (umectante), Ácido Málico, etc.

Na introdução comentei sobre a função do Ácido Málico, Alpha-Hidroxiácido oriundo da maçã. Os AHAs são ácidos orgânicos, extraídos de frutas, leite, cana de açúcar e do arroz. O mais popular e comumente usado é o Ácido Glicólico.

De modo geral, dependendo da concentração e pH, podem agir como agentes hidratantes ou renovador celular e são solúveis em água (hidrófilas).

Como renovadores, agem para que ocorra um aumento de novas células, tornando o estrato córneo mais liso e flexível. Podem também atuar nas camadas profundas para que haja aumento de fibroblastos e síntese de colágeno.

Obviamente não podemos esperar todos esses efeitos destacados num mero limpador. Avaliando a lista de ingredientes, pode-se notar que ambos os princípios (óleo de girassol e ácido málico) estão bem no final da lista, longo, em concentrações menores. Entretanto, o produto cumpre apenas para que a pele tenha uma higienização adequada, desvanecendo impurezas e a camada escurecida ao longo do dia.

Para concluir, é livre de óleo mineral, corantes e álcool.

- Lista Completa de Ingredientes:

Water, coconut oil fatty acid PEG-7 glyceryl, ethylhexyl palmitate, DPG, tetraisostearic acid sorbet -30, Cyclopentasiloxane, glycosyl trehalose, tocopherol, apple juice, hydrolysis hydrogenated starch, carbomer, glycerin, hybrid sunflower oil, polysorbate 60, malic acid, hydroxide K, butyl paraben, propyl paraben, methyl paraben, fragrancefrasco de 145 mL.

AHA Oil Cleansing N é óleo interessante para retirar protetor solar, maquiagem e remover o excesso de sebo e sujeiras da pele. Textura espessa, agradável, sem escorrer, boa espalhabilidade e não deixa filme oleoso após o enxágue.

Quem gostou do Etude House Real Art Moisture, talvez goste mais deste pela eficiência na limpeza, sem ressecar a pele.

E o mais interessante: pode ser usando na pele úmida durante o banho.

- Onde comprar: o meu AHA Oil Cleansing N foi adquirido com a Makie Cosmetics, custando R$ 29,00+ frente. Toda a linha AHA by Cleansing Research também está disponível no site Ichibankao, saindo por volta de R$ 45,70 (convertido para a nossa moeda).

Bioré UV Bright Face Milk SPF 50+ PA++++

18 abr

O primeiro filtro solar asiático que eu usei foi o Bioré UV Perfect Face Milk e, como todos sabem, foi o estopim para conhecer o universo dos cosméticos do outro lado do continente.

biore+uv+bright+face+milk7

Depois desse protetor, nunca mais usei uma versão ocidental. Ganho amostras de filtros solares vendidos aqui mas não consigo sequer testar, de modo geral, já descarto por não terem a textura incrível de um Bioré.

E se passaram três anos que eu usei o primeiro e agora venho mais uma vez testar a nova versão.

Observei que eu nunca resenhei o Bright anterior, então, não será apenas uma texto comparativa., mas uma resenha completa como todas as que eu já fiz: Bioré UV Bright Face Milk SPF 50+ PA++++

biore+uv+bright+face+milk2

Embalagem da nova versão, agora com PA++++ (PPD no mínimo 16 ou superior).

Alegações: filtro solar com extrema proteção UV-A e UV-B, pó absorvente da oleosidade, permitindo acabamento muito sedoso, Levemente tingido para proporcionar efeito iluminador (glow) e cobrir imperfeições (poros e tom desigual).

Indicado para a face e pode ser usado como make up base. Muito resistente à água, ao suor e ao sebo. Necessita de removedor especifico (demaquilante ou óleo).

As novas fórmulas seguem um marketing de “alta proteção UV” aliada ao  “conforto de uso” que explicarei no decorrer da resenha.

A embalagem continua a mesma, frasco de 30 ml com  saída dosadora:

biore+uv+bright+face+milk3

Frasco com esfera interna para que você possa agitar antes de usar.

A textura continua líquida e leitosa, um pouco mais espessa que o Nivea Sun Protect Mild:

biore+uv+bright+face+milk4

É recomendando aplicar uma camada generosa para atingir o FPS/ PPD indicados na embalagem.

Espalha fácil, mas deve ter cuidado para não deixar resíduos esbranquiçados na raiz dos cabelos e laterais da face. Continua “zero” em efeito pegajoso:

biore+uv+bright+face+milk5

Espalhabilidade prática.

O produto tem uma leve coloração rosada (a marca diz que é cereja) que pode proporcionar um efeito mais “glow”. Só que durante o espalhamento, praticamente some:

biore+uv+bright+face+milk6

O acabamento segundos após a aplicação. No detalhe, a cor sugerida pela empresa.

No meu tom de pele, não observo nenhum efeito “iluminador” durante a aplicação. Até imaginava que fosse mais rosado como outros produtos destinados a dar um aspecto luminoso (glow), talvez numa pele mais pálida tenha melhor efeito.

Comparado ao anterior, percebi pouquíssima diferença entre as texturas, só diria que está um pouco – pouco mesmo – mais espesso e pode levar alguns minutos para secar totalmente na pele.

Depois, a pele ganha um aspecto mais opaco e sedoso, efeito final similar à antiga versão.

Esse tempo de total “assentamento” do produto na pele parece demorar um pouco mais que a antiga fórmula. Na verdade, seria similar a todos os outros filtros solares que eu uso (uns 5 minutos), mas os Biorés eram quase que rapidamente, apenas isso.

Você perceberá o resultado final observando a sua pele após 8 minutos, parece ainda mais incrível , sem aspecto pegajoso e brilho excessivo. Depois disso, já posso completar com uma camada de fotoprotetor em .

O Bioré UV Bright Face continua com o leve odor alcoólico, sem perfume. Quem usou a versão atual do Bioré UV Perfect Face Milk SPF 50+ PA++++ comenta que a sensação de álcool aumentou, entretanto, no produto desta resenha, isso não teve diferença.

Eu sinto mais pelo “esfriamento” que necessariamente pelo odor e, independente disso, não causou nenhum tipo de irritação à minha pele sensível.  Contudo, é bom frisar que pode não ser adequado para peles secas ou extremamente reativas.

A nova formula manteve todo o aspecto da anterior, com ele é possível combinar vários produtos e completar com uma generosa camada de protetor e a pele ficar intacta de possível viscosidade ou esfarelamento.

Comentei que estou cortando um dobrando para aliar protocolos de tratamento com fotoproteção?? Gente, é quase certo acreditar que os filtros daqui são elaborados para uso isolado.

Eu atuo com uma linha de farmácia/empresa muito conceituada entre o mercado de estética e de dermatologia, após todo o procedimento com os produtos da mesma, finalizar com o filtro solar é impossível: não adere, esbranquiça, esfarela e invalida até o protocolo.

Imaginem fazer um protocolo de peeling combinado e não conseguir concluir com excelente fotoproteção? Tem vezes que eu até penso em usar o meu próprio filtro solar para isso.

Matificação e resistência: a pele fica por horas com o brilho controlado, mas, comprado com o anterior, achei que agora o tempo de duração é menor.

Na primeira impressão que eu tenho, ele é bem mais matificante que o Nivea Sun Protect Mild, mas horas depois, percebo que se igualam no acabamento. Achei isso ótimo.

Assim, por causa disso, a nova versão está mais agradável, digo, não esturrica de matificar nem deixa a pele muito opaca. Isso já era um diferencial entre o UV Perfect face Milk e o UV Bright Face Milk, mas agora ficou mais destacado.

Até posso sentir um leve repuxamento no final do dia com ele – discretamente a ponto de não me incomodar – e também diria que é o menos oclusivo da linha, ainda que possa ocasionar comedões (cravos) em peles com tendência.

Eu, até agora, usando há duas semanas, não tive aquelas pústulas que surgem quando eu uso o Bioré Perfect Face Milk.

A minha sugestão é alternar filtros. Sim, gosto de ter dois a três excelentes protetores e uso por dois dias cada ou conforme a minha exposição solar.

Já tinha percebido que meus cravos aparecem por uso continuo do mesmo protetor, e agora, seguindo desta forma, percebo que alternando tenho bem menos.

O produto mantém o nível de impermeabilidade que é uma das características da linha Bioré: bastante aderente ao suor, não escorre ou se desfaz. Mas, vocês poderão observar na ilustração abaixo as indicações dele para uso urbano:

biore+uv+bright+face+milk1

Como podem observar também, pode ser usado com  tranquilidade como make up base. Achei que o fica ainda mais integro, não permitido que o sebo interfira no resultado. O efeito mate dele está de bom tamanho.

Como citei no início, a função “rosada” não fica muito evidente. A fórmula em si, já é um excelente primer, logo, o filtro solar pode melhorar alguns inconformidades, como esconder os poros aparentes.

Também poderia escrever que o efeito esbranquiçado (white casté similar ao Nivea Sun Protect Mild. O acréscimo na proteção não potencializou isso. Talvez, num fototipo mais alto, precise usar alguma base/pó para normalizar o tom.

E afirmo mais, tenho utilizado no curso protetores solares com pouco ou quase nada de filtro físico e o efeito “white cast” é desastroso. Sou obrigado a reduzir a aplicação para não assustar o cliente.

Sobre os ingredientes: se antes o UV Bright Face Milk  já contava com grande concentração do excelente Óxido de Zinco ultra-fino, além de outro filtro físico (Dióxido de Zinco) e Octinoxate, agora, foram acrescentados dois  filtros fotoestáveis, Uvinul-A Plus (Diethylamino Hydroxybenzoyl Hexyl Benzoate) e Tinosorb S (Bis-Ethylhexyloxyphenol Methoxyphenyl Triazine).

Chutaria por alto que se ele fosse comercializado no Brasil, seguindo as normas do orgão regulador e padrão de rótulo da Anvisa, ele teria, no mínimo, um FPS superior à 70. Não por menos, quem já usa há certo tempo a linha Bioré, em especial os Milk, comprova que obteve melhor gradual no controle do melasma e até um “desbronzeamento”.

Continuando, foi acrescido de água entre os primeiros ingredientes, também foi adicionado Ácido Hialurônico (umectante, para prevenir ressecamento), talvez tenha reduzido o potencial matificante, mas permitindo maior conforto de uso.

A empresa alega que agora utiliza um novo pó sara sara desenvolvido para permitir um acabamento ainda mais sedoso, desta forma, o consumidor terá uma “agradável sensação e desejará utilizar todos os dias”.

Acho muito válido essa preocupação em oferecer, além de um excelente produto, um sensorial digno, mesmo por que é muito chato ter que usar um produto para uso diário com textura desagradável e até antiestético. (oi Episol!), comprometeria até a aplicação.

Destacando também alguns silicones que permitem melhor aplicação e acabamento; Mica e Óxido de Ferro, que são usados para camuflar a pele e dar um efeito mais “glow”.  Talco e silica vão proporcionar o feito sebo-regulador.

Uma seleção de ingredientes simples e eficaz. Por favor, marcas nacionais, façam um estudo da fórmula para – um dia – termos algo similar aqui.

- Lista de Ingredientes Completa:

Cyclopentasiloxane, water, ethanol, zinc oxide, ethylhexyl methoxycinnamate (lauryl methacrylate / methacrylic acid Na) crosspolymer, benzoic acid alkyl (C12-15), talc, titanium oxide, diethylamino hydroxybenzoyl hexyl benzoate, polymethyl silsesquioxane, bisethylhexyloxyphenol methoxyphenyl triazine, mica, dimethicone, PEG-12 dimethicone, dimethicone, PEG-3 dimethicone, silicone poly -9, PEG-32, alumina, silica, iron oxide, aluminum hydroxide, barium sulfate, aluminum dimyristate, sodium hyaluronate, red 226, phenoxyethanol, BHTfrasco de 30 mL.

Sempre gosto de deixar claro que as minhas resenhas são baseadas em opiniões (subjetivas) e e acordo com meu biotipo de pele, estilo de vida, clima de onde resíduo, etc.

Considero o Bioré UV Bright Face Milk um excelente produto e pode ser uma opção para quem deseja extrema proteção, sensorial agradável/mate, mantendo a pele com uma textura mais bonita.

Mais uma vez comento que é impossível compará-lo com qualquer – digo e enfatizo – qualquer filtro nacional.

Os contras? O fato de ocasionar white cast? Bom, já comentei sobre meu engodo.

O uso de um removedor especifico? Acho mais seguro retirar protetor solar, um cosmético oclusivo, com produtos assim. Eu vivia tendo comedões e pápulas no meu tempo de filtros solares nacionais e hoje percebo que poderia ser por causa da limpeza.

A maioria dos nossos produtos de fotoproteção é recomendado retirar apenas com água e sabão, mas, observem como fica o algodão após a limpeza. No geral, é aplicado um tônico para complementar a higiene e normalizar a pele.

Sinto a resistência de leitores em fazer uma dupla limpeza à moda japonesa, com receio de sensibilizar a pele, mas acho ainda mais irritante, para quem tem pele sensível, retirar resquícios de sujidades passando algodão com movimentos ascendentes. E, de modo geral, não deia de ser uma dupla limpeza?

Eu só não indicaria para quem tem pele seca ou tenha intolerância a algum componente da fórmula, como o álcool.

Por fim, tem ótima relação custo  benefício, pois pode ser comprado por 750 Ienes no Japão (por volta de R$ 16,49). Mesmo com acréscimo de frete ainda sai bastante em conta.

Agora vou iniciar os testes com filtros de função mais “neutra”. Aguardem.

- Onde comprar: o meu foi adquirido com a Makie Cosmetics e custa em torno de RS$ 23,00. Ela envia diretamente do Japão. No Brasil, a Vânia Imports tem o produto para pronta-entrega. Além desses, pode ser encontrado na Cosméticos Japan ou em outros sites que enviam ao Brasil, como a Ichibankao, por exemplo. Ficou tão popular por aqui que não é difícil mais achá-lo.

Gift Review: D program Smoothing Sun Block SPF 40 PA+++

2 abr

D Program é uma marca da Shiseido voltada para peles sensíveis. O foco principal é reequilibrar a função da barreira da pele. Um bom estrato córneo se reflete na sua função integra, mas esta pode ser afetada pelo ambiente e o stress do dia a dia.

Shiseido+dProgram_1Assim, todos os produtos da marca são formulados de modo que não ocasionem nenhum tipo de irritação ou desequilibre a função do manto hidrolipídico. A saber: sem álcool, fragrâncias, parabenos, óleo mineral e corantes; num pH de uma pele “saudável” (entre 4.5 a 6.0, levemente ácido); fabricados em método “limpo” (alto padrão de controle de qualidade, higienização e embalagens ecológicas).

D Program tem linhas específicas para cada tipo de “problema” e condição da pele, como Acne Care, Vital Care (Revitalização), Balance Care ( Hidratação balanceada) e Moist Care (alta hidratação). Além de uma linha de maquiagem hipoalérgica:

Shiseido+dProgram_2

D Program: linha completa para todos os tipos de pele.

Há bastante tempo eu estava querendo testar alguns produtos da linha e recebi amostras do filtro solar, o D program Smoothing Sun Block SPF 40 PA+++:

Shiseido+dProgram+Smoothing+SunBlock03

Sachê duplo com 2.0 mL cada e frasco original com 30 mL.

Alegações: indicado para peles sensíveis. Fórmula hipoalérgica, não-comedogênica e livre de absorventes UV químicos. Resistente à água e ao suor. Não precisa de removedor especifico.

A textura é de uma emulsão levemente espessa,  excelente deslizamento sobre a pele – isso é ótimo porque evita massagear muito a pele na hora da aplicação e gerar vermelhidão -, absorve em alguns minutos. Lembra bastante uma loção hidratante:

Shiseido+dProgram+Smoothing+SunBlock02

Textura: emulsão com fácil espalhamento.

Acabamento, inicialmente, um pouco (pouco mesmo) úmido, sem ser pegajoso. Essa sensação de reflete num leve “glossy” que, após se “assentar”, torna-ase mais “neutro“.

Como falei, é como se aplicasse um hidratante e é assim que, após o filtro assentar na pele, ficará: toque hidratado.

Por ter apenas proteção física, deixa pele levemente esbranquiçada nos primeiros minutos de aplicação, mas algo muito sutil, desaparecendo logo após.

Diria que, de todos os filtros inorgânicos que usei, o D Program Smoothing é o que permite textura mais “clear“, acredito que até num fototipo mais alto não fique artificial. Por exemplo, não deixa rastros esbranquiçados na raiz do cabelo e pouquíssimo na barba.

Achei excelente para usar na área dos olhos e fica como sugestão para quem já me perguntou sobre dicas de filtro solar físico para usar nessa área. Não ardeu ou repuxou.

Não matifica e nem se propõe a isso. Identifiquei como um acabamento mais “neutro”, podendo até ficar levemente mate numa pelenormal“. Porém, numa pele mais lipídica, pode permitir que o sebum natural apareça um tempo depois, mas sem nenhum problema, pois nada que um não resolva.

Sempre enfatizo que um protetorneutro” não interfere na produção de oleosidade, ou seja, não ocasionará brilho após a aplicação.

Como aplico um , fica um acabamento suave. Sinto que fica bem natural, macia, sem opacidade, brilho acentuado ou “pesado” na aparência. Até o toque, com pó, ficou leve. Gostei.

Eu não consegui analisar o aspecto de resistência/aderência, mas num contexto final, o resultado foi muito parecido com o Nivea For Men Oil Control: pele integra.

Eu usei o conteúdo todo do sachê (2.0 ml) na aplicação, deu um pouco mais que a colher dosadora, aplicando várias camadas generosas (quase três camadas, isso mostra como tem uma textura agradável para espalhar). Ainda assim, absorveu muito bem e ficou natural na pele, sem ocasionar white cast e não irritou a minha pele.

Ainda apliquei o restante no dorso da mão e como eu seria eternamente feliz se existisse uma emulsão assim para o corpo, em quantidades generosas!

Como não tem fragrância, ocorre um odor natural de produto cosmético durante a aplicação, entretanto, bastante agradável e nada comparado com “cheiro” de protetor solar típico.

Ingredientes: ele é 100% filtro físico: Óxido de Zinco e Dióxido de Titânio. Com tem FPS 40, fica mais leve, sem causar sensação de oclusão.

Além de ser uma fórmula minimalista para não causar irritações. Apenas alguns silicones, glicerina (previne ressecamento), e como mencionado no começo, sem perfume, álcool, parabenos e pigmentos.

Poderia ser ainda melhor se tivesse o Ácido Tranexâmico, ingrediente-chave usado em quase todos os produtos da D Program.

Quem acompanha o blog sabe que eu sempre falo sobre ele, mas poderia citar o seu efeito clareador e anti-inflamatório, sendo benéfico para quem tem uma pele reativa.

Cada dia mais observo que as empresas de cosméticos nacionais já estão utilizando o Ácido Tranexâmico em suas formulações, bacana, não?

Recentemente fui numa feira de cosméticos voltados para área de estética e vi um peeling profissional, da Cosmobeauty, com o ativo.

A lista completa de ingredientes vocês podem acessar aqui.

Finalizando, D Program Smoothing Sun Block é um excelente filtro solar destinado a quem tem pele sensível, podendo ser usado até em crianças acima de 6 meses, gestantes e quem não tolera proteção solar com absorventes orgânicos (químicos).

Tem um acabamento suave, neutro, sem proporcionar sensação pegajosa ou seca; pouquíssimo ou nenhum aspecto esbranquiçado, porém (lá vem) com um valor um pouco custoso.

Pessoalmente achei um excelente protetor solar para uso diário.

Aguardem que estou preparando resenha do novo Bioré UV Bright Face Milk SPF 50+ PA++++….

- Onde comprar: no site Ichibankao tem toda os produtos da D Program e o Smoothing Sun Block custa 4100 Ienes, algo em torno de R$ 89,00. Na Makie Cosmetics também há vários itens da marca, não achei o produto desta resenha, mas acredito que ela possa encomendar.

SK-II: o milagre da Pitera

26 mar

SK-II é uma das muitas marcas da americana Procter & Glambe, presente em quase todos os países. Acredito que qualquer um aqui já tenha usado algum produto da P&G, seja de higiene pessoal, limpeza ou alimentos.

Só para citar entre mais de 300 marcas, como Gillete, Koleston, Oral B, Blondor, Pantene, Hipoglós, Duracell, Vick, Ariel, etc. Ela pode ser comparada à outra grande, a L’Oréal.

Claro que um conglomerado como a P&G teria uma marca japonesa, como a SK-II:

SK-II+produtos1

Haruka Ayase, atriz japonesa e ícone de beleza-mor é a “cara” da SK-II no Japão.

Mas, para apresentar a SK-II, temos que conhecer a seu ingrediente exclusivo e assinatura: a mítica Pitera.

Na busca de uma substância natural de skincare que pudesse proporcionar uma pele mais translúcida, os pesquisadores da marca encontraram algo diferente nesta jornada, após observarem as mãos macias e jovens das operárias numa fábrica de saquê, apesar de já serem idosas e enrugadas.

SK-II+produtos2Como alguns devem saber, o saquê é feito pelo processo de fermentação do arroz. O contato constante das mãos dessas senhoras sobre a água de arroz durante a técnica de fermentação foi a “chave” para tal descoberta.

A título de curiosidade, o ácido Kójico, usando como despigmentante em cosméticos, é uma substancia produzida por um cogumelo e usada na fermentação do arroz durante a manufatura do saquê. Uma receita caseira no Japão para clarear a pele consistia em passar o vinho de arroz no corpo e face. Aliás, no tempo da “vovó”, usar água de arroz também era uma “fórmula” para uniformizar a pele. Mas nem vamos entrar em detalhes porque não vejo embasamento para isso.

E assim, após muitas pesquisas, os cientistas da SK-II encontraram e isolaram a levedura – entre mais de 350 tipos – responsável pela “pele cristalina” e a batizaram de Pitera.

O primeiro produto para a pele da SK-II foi a Facial Treatment Essence, que contém mais de 90% de Pitera, e  mantém a mesma fórmula há mais de 30 anos. O primeiro frasco foi lançado no Japão em 21 de Dezembro de 1980.

Um filme institucional feito pelo cineasta Tom Hooper (“oscarizado” pelo filme O Discurso do Rei) narra tal “descoberta”:

O que seria este líquido milagroso?

Segundo Takashi Yoshii, gerente sênior de Marketing da P&G, Pitera não é um simples extrato, mas uma solução metabólica gerada no processo natural de fermentação, ingrediente único que pode aumentar o ciclo natural de renovação da pele. Aliás, são sete os benefícios da Pitera:

- Aumentar o metabolismo e restabelecer o funcionamento “normal” da pele,

- Repor e reter umidade,

- Corrigir a textura da pele,

- Balancear o nível de pH,

- Controlar a produção de hipercromias e proporcionar uma tez mais clara,

- Equilibrar a secreção de sebo natural,

- Suavizar a pele após exposição solar.

SK-II+beneficios

De acordo com a P&G, a Pitera contém componentes que similares à nossa pele, como Fatores de Hidratação Natural (compostos higroscópicas que atraem água para nossa pele e tem, entre eles, a uréia), proteínas, vitaminas, açucares, ácidos orgânicos, aminoácidos e minerais. Devido a tal característica, a Pitera seria um ingrediente biocompativel, neste caso, por se integrar com a matriz extra-celular da pele. Ela é encontrada em todos os produtos da SK-II.

SK-II+produtos3

A extrato fermentado seria natural até no odor, que não é mascarado sinteticamente com perfume e nem álcool.

Pitera é o nome comercial do Saccharomycopsis Ferment Filtrate/ Galactomyces Ferment Filtrate. Por que dois nomes?

O primeiro nome científico da Pitera foi Saccharomycopsis Ferment Filtrate, mas o atual nome científico é Galactomyces Ferment Filtrate. Cabe destacar isso porque vocês poderão ainda encontrar informações sobre os produtos da SK-II com o primeiro nome e acreditar que se trata de outro fermentado.

De acordo com informações obtidas neste blog, durante esforços contínuos da SK-II para entender melhor o fermento que é utilizado para fazer a Pitera, o ingrediente foi analisada por uma empresa européia e, durante análise genética da levedura, descobriu-se que a mesma pertencia ao gênero Galactomyces e não ao Saccharomycopsis. Por isso ocorreu uma atualização na nomenclatura na rotulagem. Mas, ainda segundo a empresa, o ingrediente continua inalterado até hoje.

Enquanto estava pesquisando sobre o ingrediente fermentado, encontrei informações de estudos com ambos os nomes.

Neste primeiro estudo, Pitera (Galactomyces Ferment Filtrate) pode ajudar a fortalecer a função de barreira da pele.

Segundo a presente pesquisa, ela teria vários efeitos benéficos, como, por exemplo, efeitos antioxidantes e indução da produção de Ácido Hialurônico nas células epidérmicas, concluindo que poderia proteger a pele contra danos, como ressecamento e estresse ambiental.

Neste outro estudo, Pitera (Saccharomycopsis Ferment Filtrate) teria ação anti-inflamatória e citoproterora, mostrando capacidade para bloquear a resposta inflamatória, tal como a produção de óxido nitrico inflamatório em macrófagos, que são células fagocitárias. Na pele, elas atuam na cicatrização, digerindo células e proteínas estranhas, para restabelecer o funcionamento.

A grosso modo, o fermentado poderia “acalmar” e proteger a pele de ações oxidativas e inflamatórias ocasionado por agentes externos (danos induzidos pelos raios UVs, ações climáticas, etc…) recuperando, inclusive a pele, de queimaduras solares ou securas ocasionadas pelo frio extremo.

Na verdade, essas evidências não suportam tudo que a SK-II alega para o “milagre” da Pitera. Um ingrediente multifuncional como Niacinamida; ou um anti-irritante como Pantenol e Alantoina poderiam ter resultados iguais? Talvez. Além do fermentado, a marca também trabalha com outros ativos que se assemelham à outra marca da P&G, Olay.

A Sônia Abrão dos cosméticos, ops, Paula Begoun, acredita que é extremamente marketeiro o glamour da Pitera/ SK-II. Ela “detona” os produtos em várias reviews.

Porém, como qualquer “milagre”, é preciso ver para crer, ou melhor, experimentar.

Quem usa há bastante tempo comprova tudo que se fala da SK-II. São depoimentos apaixonados e apaixonantes. Quando me deparei com esse mundo SK-II, pensei: “por que só agora fui conhecer?”.

Não obstante, a marca oferece vários trial-sets para que o consumidor possa conhecer e observar os resultados entre 7 a 14 dias.

Cada set pode trazer a Facial Treatment Essence (75 mL), a Clear Lotion (40 mL), uma peça de máscara e um pacote com 30 algodões:

SK-II+produtos5

Outros:

SK-II+produtos4

A empresa alega que, durante esse curto período, é possível mediar à eficácia da Pitera, sugerindo o uso da sua principal fórmula, a Facial Treatment Essence: melhora na hidratação, textura e maciez, proporcionando um brilho mais saudável e translúcido.

Have you started on your Miracle Journey yet?

SK-II+produtos6

Prateleira da SK-II.

SK-II Facial Treatment Essence:

SK-II+facial+treatment+essence

Frasco: 30 mL.

É o bestseller da marca e tem a maior concentração de Pitera, logo, as alegações são tudo que vocês leram  até aqui sobre o extrato fermentado: ajuda a equilibrar o ciclo de renovação natural da pele, nutrir, hidratar e controlar o sebum.

Recomenda-se usar a quantidade de uma colher de chá e espalhar, com as mãos, sobre toda a face e pescoço ou com algodão embebido com o produtoSK-II+essence1

Pode ser usada sozinha, duas vezes ao dia, aplicado até na área dos olhos, ou em conjunto com a Clear Lotion, para melhores resultados.

SK-II+algodão

Almofadas de algodão: macia, não se desfaz durante o uso e não “arranha” a pele.

Indicado para todos os tipos de pele, sem diferença de idade.

É tão líquida, incolor e suave (quase zero de viscosidade que seria desnecessário fotografar), sem proporcionar nenhum tipo de sensação pegajosa, alguns poderiam associar a sua característica como a de uma água termal.

Perfeita absorção, mas ao tocar a pele você percebe uma maciez única. O primeiro registro do produto na pele é esse toque, seja durante ou depois.

Os produtos posteriores deslizam melhor. Aliás, foi uma comparação acima infeliz, porque eu não vejo nada demais na pele quando aplico água termal – opinião subjetiva – em comparação com a Essence, é um sentimento visível.

Como comentei, não tem perfume, apenas o odor natural do produto, algo fermentando, mas incrivelmente suave e sutil.

Não causou nenhum tipo de irritação. Eu aplico até ao redor do orbicular dos olhos. Talvez porque a Pitera tem a capacidade de se adaptar à pele.

A Essence é a chave de entrada para os outros produtos, dependendo de cada problema (manchas, desidratação, rugas…).

Pode parecer “placebo”, mas é uma água que parece ocasionar algum tipo de efeito sensorial. Até uma sensação refrescante eu sinto quando aplico. Deve ser toda essa “mítica” por trás do produto. Eu uso como uma lotion, logo após a higienização. Algumas vezes na semana eu aplico após a Clear Lotion.

Comecei a usar no final de Novembro e continuei, conforme fui ganhando gifts. O que me chamou a atenção foi como “recuperou” a minha pele após uma limpeza profunda. De cara, senti que a mesma, com um aspecto mais áspero, ganhou maciez.

Também tenho ouvidos elogios por causa da face mais clara, mas não posso afirmar que foi por causa da Essence, pois no mesmo período eu descontinuei o uso de Retinoides na minha pele.

Teve uma noite de carnaval que eu “preparei” a pele usando a Essence e a Clear Lotion e, após uma virada turbulenta de festa, a pele não estava nem um pouco fadigada. É uma “água benta”, gente.

- Lista de ingredientes:

Galactomyses ferment filtrate (Pitera), Butylene Glycol, Pentylene glycol, water, sodium benzoate, methyl paraben, sorbic acidFrascos de 75 mL/ 150 mL/ 215 mL/ 325 mL.

SK-II Facial Treatment Clear Lotion:

SK-II+clear+lotion2

Frasco: 30 mL.

Indicado para ser usado como um “tônico”, antes da Essence, pois potencializa a absorção. Como ele tem, além da Pitera, AHAscido Málico, Cítrico e Láctico) e Ácido Salicílico, ajuda a refinar o estrato córneo, removendo as células mortas. É como uma loção “wipe-off”, como, por exemplo, a “clarifying” da Clinique (Passo 2).

Textura líquida, transparente, inodora. Ainda menos viscosa que a Essence. Absorve rapidamente, sem deixar vertígio pegajoso, “some” na pele.

Indicação de uso: umedecer um algodão e aplicar sobre a face e pescoço. 2 vezes ao dia:

SK-II+clear+lotion1

O ideal seria usar todos os dias para observar os resultados de uma pelecristal clear” em suas cinco dimensões: clara, firme, suave, radiante e fina, ou seja, cristalina.

Mas eu prefiro usar em dias que não aplico outros ácidos. Porque, apesar de ter uma porcentagem baixa de ácidos, a loção esfolia suavemente a pele. Acredito que usando conforme indicação do produto, o resultado deve ser incrivel.

Vamos lá:  a pele fica com um toque suave, percebi redução de comedões, ou melhor, amoleceu alguns que foram por água abaixo durante a higienização matinal.

O Pedro, do Cosme Asiacomentou num tweet que o mesmo ocorreu com um milium após o uso diária com a Clear Lotion.

Outro efeito notado é o controle da oleosidade. Quando aplico, percebo que o brilho tarde a aparecer, mas pela manhã, ainda observo o efeito e sem gerar rebote. Fiquei impressionado, porque é uma “água” de produto, sem álcool ou ingredientes que absorvem o sebum.

Não resseca ou irrita a minha pele, mas, como afirmei, não uso combinado com meus ácidos noturnos. Confesso que a combinação dela com o Essence já bastaria na minha rotina noturna, porque gera um equilíbrio de oleosidade e hidratação. Diria que é assim que eu cuido da minha pele para qualquer ocasião onde desejo aparecer com a pele notável.

Além de uma boa concentração de Pitera, tem agentes umectantes (Butylene Glycol , Glicerina e Ácido Hialurônico) que ajudam a prevenir a perda de água para om meio externo, além do mix de ácidos queratolíticos (AHAs e BHA), aumentando a capacidade da pele de absorver ativos.

Excelente, prático e eficaz produto.

- Lista de Ingredientes:

Water, Galactomyses ferment filtrate (Pitera), Butylene Glycol, Polysorbate 20, Glycerin, Sodium Hyaluronate, PEG-150, Cellulose Gum, Disodium EDTA, Citric Acid, Salicylic Acid, Lactic Acid, Malic Acid, Sodium Citrate, Sodium Benzoate, MethylparabenFrasco de 150 mL.

E ainda não acabou. Eu avisei que a postagem de hoje seria longa e eloquente.

SK-II Skin Signature Mask 3-D Redefining Mask:

SK-II+mask+3d2

Embalagem com duas peças.

A melhor máscara hidratante que eu já usei. Apenas!

Eu ainda não tinha experimentado as máscaras 3D, que se ajustam perfeitamente à pele. Diferentes das que eu resenhei, esta é dividida em duas partes: superior e inferior de face. Outra diferença é que, ao invés de soro líquido, a máscara SK-II é rica em gel-serum.

A SK-II foi uma das primeiras marcas do mundo a lançar máscaras faciais e a inovar com o conceito de máscaras com duas peças, visando atender diferentes necessidades e particularidades do rosto e a introduzir máscara de material elástico para dar efeito lifting, inclusive, especificas para o contorno dos olhos.

Alegações: ajuda a melhorar a textura da pele e proporcionar firmeza e brilho radiante.

SK-II+mask+3d3

Embalagem aberta: peça envolta em serum.

Modo de usar: higienizar a pele, aplicar a Clear Lotion e a Essence. Logo em seguida, utilizar a máscara por 15 minutos.

Como comentei nesta resenha, as mascaras asiáticas complementam o ritual de skincare, usadas após as etapas de limpeza e tonificação, e completadas com agentes mais umectantes e anti-age.

Você não precisa retirar o excesso com limpador, pelo contrário, basta massagear o resíduo que ainda não foi absorvido e pronto.

SK-II+mask+3d4

Duas peças: superior e inferior de face.

Primeiro usei a parte superior e justei na face. Depois conclui posicionando a outra metade:

SK-II+mask+3d1

É feito de um tecido similar a um plástico que você “abre” sobre a pele. Tem que esticar levemente para fixar no rosto. O fato de ser dividido em duas partes permite melhor ajuste. Tecido confortável e que aderiu melhor que as outras máscaras:

sk-iimask3d61

Selfie macabro.

Tem um gel-serum levemente espesso. O bacana que, diferente das máscaras que são “embebidas” em loções ou soros líquidos – que podem escorrer – está não requer tanto cuidado para aplicar:

SK-II+mask+3d5

Textura: gel-serum rico em Pitera, Niacinamida, óleo de Oliva e Jojoba.

E quando retira a máscara? Senhor, mesmo após grande parte ter sido absorvido durante o uso, a pele ainda está bastante úmida e precisa massageá-la – por vários minutos – para complementar a sua função.

Fica uma sensação agradável, como se tivesse uma película hidratante sobre a pele.

Vejam, como ainda sobre bastante conteúdo na embalagem. E o que eu fiz? Aproveitei para hidratar a área dos olhos e pescoço:

SK-II+mask+3d7

Conteúdo interno permitiu aplicar na área dos olhos e pescoço.

É tratamento de “choque”, porque, nossa, nunca tinha usado uma máscara incrivelmente hidratante (“gorda”,entendem?). Imediatamente a pele ganha maciez e viço. O efeito tensor sugerido pela empresa eu não observei, mas eu não tenho flacidez tissular.

No dia seguinte, a pele ainda se manteve muito, mas muito macia mesmo.

Não sofro de ressecamento, no máximo, imediatamente após a higienização, a pele fica com as funções “normais”: oleosidade e hidratação equilibradas.

Minutos após, aumenta só a oleosidade. Se eu tivesse uma pele desidratada, com linhas visíveis de ressecamento, poderia ter um resultado mais expressivo.

Vocês podem complementar com outros cosméticos, mas eu preferi não interferir no resultado e mantive apenas o “básico” para manter a pele com um toque sedoso.

E, como os produtos anteriores, não irritou em nada a minha pele reativa.

Já tinham me alertado que, após experimentar essa “iguaria”, eu ia me tornar mais exigente com produtos similares. É verdade, (ainda) não consigo imaginar nada superior à SK-II Skin Signature Mask 3-D. Já pode desejar para sempre?

Além da “assinaturaSK-II, Pitera, ela tem Niacinamida; vários ingredientes umectantes (Glicerina, Butyleneglycol e Pantenol); extratos e óleos vegetais (Jojoba e Oliva). Ou seja, é uma máscara que vai proporcionar hidratação tanto por efeito oclusivo quanto umectante. Perfeita porque pode fortalecer a função da barreira e melhora a capacidade da pele de atrair e reter umidade. Hidratação intensa.

- Lista de Ingredientes:

Water, Galactomyses ferment filtrate (Pitera), Glycerin, Dipropylene Glycol, Niacinamide, Pentylene Glycol, Butylene Glycol, Acetyl Glucosamine, Isopropyl Isostearate, Isohexadecane, Panthenol, Tocopheryl Acetate, Phytosteryl/Behenyl/Octyldodecyl Lauroyl Glutamate, Olea Europaea (Olive) Fruit Oil, Simmondsia Chinensis (Jojoba) Seed Extract, Sodium Lauroyl Glutamate, Tocopherol, Polysorbate 20, Acrylates/C10-30 Alkyl Acrylate Crosspolymer, Pvp, Sodium Peg-7 Olive Oil Carboxembalagem com seis unidades.

O que posso escrever além de uma mega resenha apaixonada? Que a SK-II salvou o meu verão, pois nunca vivenciei essa estação com uma pele tão “tranquila” e bonita.

Recebo elogios diários de estranhos e clientes no curso sobre a pele clara e lisa. E num perídio onde o meu regime de cuidados foi o mais minimalista possível.

Endosso tudo que eu i sobre a “água milagrosa“, desejo que a Paula Begoun caia num tonel de Pitera e tenha uma Epifania assim como eu. De certo vou entrar no clube “lunáticos SK-II“.

Para ter uma ideia, na @Cosme, a Make up Alley japonês, a Facial Treatment Essence está, até agora, com 4.5 de cotação e tem 7.117 reviews. Tem relatos de pessoas que usam há 8, 10 anos e afirmam que os resultados são progressivos.

Contudo, já informo, são produtos dispendiosos. A SK-II ($K-II?) é uma marca  high end da Procter & Glambe

E os relatos apaixonados viram decepções quando não se consegue manter nos cuidados de skin care. Apostos que muitos leitores vão reagir igual

Todos os produtos podem ser comprados em países do ocidente, ou seja, para quem tem dificuldades com compras asiáticas, todas as informações são encontradas em sites em inglês. São encontrados na Sephora.

Cate Blanchett (não preciso apresentar) é a embaixadora global da marca. Dizem que  a pele dela “pré-Oscar” foi preparada com SK-II:

Cate+Blanchett+SK-II

A dica da estrela: colocar a Essence num spray e borrifar sobre a pele, mesmo com make up. E ela gosta também de manter o frasco no refrigerador para aliviar a pele (nota: tenho observado que várias japonesas amam colocar suas loções na geladeira e eu, agora, faço o mesmo).

E se vocês acham que terminei, esperem até eu apresentar outra marca que também já me conquistou: Lunamer.

Agradeço à Makie por ter me enviado generosas gifts dos produtos – e generosas também são as amostras, sem puxa-saquismo, mas a SK-II sabe como agradar o cliente ou futuro cliente – e digo que ela “criou um monstro” por causa disso…. rs

Gostaria muito de ler outros depoimentos se vocês já usaram algum produto da SK-II.

- Onde Comprar:

Na Makie Cosmetics tem a Facial Treatment Essence e outro produtos da SK-II, inclusive um trial-set. Os preços podem varias conforme a quantidade do produto. Tem na Sephora americana, como já comentei. Podem ser adquiridos também no próprio site da SK-II,disponível nos EUA, Reino Unido, Japão, Malásia, Ásia, Austrália, etc. No Amazon e Ebay há inúmeros vendedores anunciando o “universoSK-II, a ponto de comercializarem até gifts, como samples com frascos de 10, 30 mL.

- Preços:

Facial Treatment Essence pode variar conforme a quantidade por frasco, entre U$ 100.00 (75 mL) a  U$ 275.00 (325 mL). Facial — Treatment Clear Lotion tem o valor médio de U$ 60.00 (150 mL). Skin Signature Mask 3-D Redefining Mask custa U$ 145.00 (seis unidades).

Mais alguns protetores solares asiáticos…

14 mar

Como breve receberei um novo “lote” de filtros solares, todos recém lançados, precisava dar um feedback dos outros que eu usei no verão.

biore+uv+aqua+rich+sunscreen

Comentei sobre o Nivea for Men Oil Control, o Nov UV Shiedl EX, o Shiseido Sea Breeze UV Cut e o Isehan Sunkiller Perfect Water Essence.

Contados os dias para receber:

biore+sunplay+sunscreen

“..oh, my precious, my precious…!!!”

Vamos lá:

O protetor que uso para reaplicações é o Bioré UV Aqua Rich Watery Cream Whitening SPF 50+ PA+++

7

Uma das minhas primeiras resenhas foi com outro protetor solar da linha Aqua Rich, o Watery Mousse. Então, eles são pouco similares.

Proteção solar enriquecida com “cápsulas de água” para proporcionar suavidade durante a aplicação, além de agentes hidratantes e clareador para reter água e inibir a produção de melanina na pele.

Pode ser usado como base de maquiagem e necessita de limpador específico (demaquilante).

Frasco de plástico maleável que permite apertar o mesmo e retirar o produto sem desperdiçar e saída dosadora com bico fino:

biore+uv+aqua+rich+whitening1

A textura cremosa, mas sem a sensação de aquosa (proveniente das microcápsulas de água) durante a aplicação, como na versão Mousse. É levemente espesso e de fácil espalhamento:

biore+uv+aqua+rich+whitening2

Permite boa cobertura, leva alguns minutos para absorção. Não é mate e nem se propõe a ser.

Sensorial de pele hidratada e sedosa, sem aspecto pegajosa. Perfume levemente cítrico que desaparece durante a aplicação.

Funciona muito bem como base, aliás, lembra uma base em aspecto de cobertura, porém, se for usado com uma make up base, prefira esta mais mate.

Deixa a pele com uma aparência bonita. Alguns afirmar que pode ficar imperceptível na pele.

Como citei, não é matificante, mas não cobre com sensação úmida, pelo contrário, é bem agradável. Pode deixar um brilho ou “glossy“, que é muito bem-vindo entre os sul-coreanos.

Só não indicaria para quem procura um filtro sebo-regulador.

O white cast é pouquíssimo comparado com a versão Mousse. No primeiro instante a pele fica esbranquiçada, porém, dura só até a absorção. Só com várias aplicações. Também não senti sensação de oclusão, sufocamento, nada.

Como eu uso: reaplico no meio do dia, por cima de filtro e (sim, ele cobre perfeitamente). O que eu destaco é a sua textura cremosa que melhora o aspecto de pele “desidratada” quando usamos muito filtro físico ou mate.

Os ingredientes são os filtros físicos Óxido de Zinco e Dióxido de Titânio, e o absorvente UV químico Octinoxate. Vários tipos de silicones que dão um acabamento elegante.

Tem um derivado de Ácido Hialurônico (Sodium Hyaluronate), Escaleno e um mix de Extratos cítricos (limão, toranja e laranja) para proporcionar hidratação e amaciamento da pele.

E para concluir, tem um quasi-drug whitening, o Extrato de Camomila, que, segundo a empresa, ajuda a suprir a produção de melanina decorrente da exposição solar: os queratinócitos, células presentes na epiderme, quando expostos a radiação UV-B, secretam uma citocina inflamatória que aumenta a atividade dos melanócitos (células responsáveis pela produção de melanina). O Extrato de Camomila mostrou-se como inibidor desse citocina e, como consequência, supre a síntese de melanina.

Como meu foco não são hipercromias, o que eu gosto neste Extrato de Camomila – lembrando que se trata de um ingrediente patenteado pela Kao Corporation, não sendo similar a camomila encontrada em vários outras marcas – é que pode reduzir inflamação, leia, rubor, causado pelo Sol e até mesmo o bronzeado.

lista Completa de Ingredientes:

Chamomile ET (others), water, methyl cyclopolysiloxane, zinc oxide low tempeture, ethanol, methyl polysiloxane, p-methoxy cinnamic acid – ethylhexyl, zinc oxide, N- propionyl polyethylene imine ・ methyl polysiloxane copolymer (30 % ), polyoxyethylene methyl polysiloxane copolymers, isoparaffin, glycerol methacrylate, lauryl – ethylene glycol dimethacrylate ・sodium methacrylate copolymer, silicon zinc oxide (S), magnesium sulfate, polyoxyethylene methyl glucoside, methylpolysiloxane, methyl hydrogen polysiloxane, hydrated aluminum oxide , silica treated titanium oxide, dextrin palmitate, squalane, palmityl dimethyl polysiloxane, sodium hyaluronate, grapefruit extract, lemon extract, orange extract, 1,3 – butylene glycol, d-δ- tocopherol, PG, fragrancefrasco com 33 g.

Concluindo: filtro solar quase 100% físico, com função clareadora, boa textura e acabamento hidratado. Não indicaria para quem busca proteção com efeito matificante.

Outra marca que eu usei foi da Isehan (relembrando aqui):IsehanSunkiller Perfect Strong Plus SPF 50+ PA++++

Isehan+sunkiller+perfect+strong+plus1

Este protetor foi o primeiro que usei já com a nova reformulação de fotoproteção, onde os produtos passaram para a categoria de Alta proteção UVA (PA++++).

Alega ser o filtro solar da linha mais “stronger“, não só pela extrema proteção como também pela resistência à água, sebo e suor.

Promete formar uma película estável e uniforme, sem acabamento pegajoso. Indicado para rosto e corpo, pode ser usado como base de maquiagem e deve ser retirado com limpador específico (demaquilante):

pd_ico_strongplus_p Frasco com bico dosador e esfera interna para agitar o produto antes de usar. Infelizmente não consegui achar a foto que tirei da embalagem aberta, mas vocês poderão observar nesta imagem.

Textura leitosa, levemente espessa. Bom espalhamento, mas que leva alguns minutos para absorver:

Isehan+sunkiller+perfect+strong+plus2

Apesar de ter um pó híbrido que o torna mais aderente e não-pegajoso, o acabamento final dele é bem diferente dos produtos da Bioré ou Sofina. Achei mais siliconado a ponto de  deixar a pele com aparência artificial, com brilho aparente – diferente do efeito “glossy“.

É transparente mas não achei matificante – também não há alegação disso. Seria perfeito para usar na praia ou práticas esportivas, mas num aspecto geral, não gostei tanto.

Tolerável em termos de oclusão, pois não senti incomodo com ele. Sozinho, não achei que ele segura bem a oleosidade natural, mas com um pó, melhora. Digamos que ele seria mais “ocidental” de todos que eu testei.

Todos os filtros da marca Sunkiller são repleto de filtros UV-A e UV-B (seis ingredientes), o que acaba, na minha opinião, “pesando” na textura.

Tem os filtros físicos Dióxido de Titânio e Óxido de Zinco e os filtros químicos Octinoxate, Uvinul A Plus e Avobenzone. Este último eu não gosto por causa da instabilidade dele, mas com excelentes filtros estáveis associados, fico mais tranquilo.

Não tenho como negar que tem extrema proteção e, numa análise atual, tenho percebido que outras empresas estão incluindo mais absorventes UV químicos na fórmula para potencializar a proteção UV-A (PPD/ PA) dos produtos reformulados.

Há também alguns ingredientes hidratantes (derivado de Ácido Hialurônico, Colágeno Solúvel e Extrato de Hibiscus) e Licorice (anti-irritante).

Tem álcool e perfume, uma fragrância cítrica suave.

- Lista Completa de Ingredientes:

Water, Cyclopentasiloxane, zinc oxide, ethanol, BG, isononyl isononanoate, ethylhexyl methoxycinnamate, methyl methacrylate crosspolymer, methyl trimethicone, trimethyl siloxy silicate, PEG-9 polydimethylsiloxyethyl dimethicone, titanium dioxide, glycyrrhizin acid 2K, hibiscus flower extract, hyaluronic acid Na, water-soluble collagen, bisethylhexyloxyphenol methoxyphenyl triazine, diethylamino hydroxybenzoyl hexyl benzoate, octocrylene, dimethicone, t-butyl methoxydibenzoylmethane, stearic acid, aluminum hydroxide, Hydrogen dimethicone, disteardimonium hectorite, EDTA-2Na, fragrance, BHT, methyl parabenfrasco com 30 ml.

Optei por usar o Sunkiller Perfect Strong quando ia para a academia ou exposições ao sol prolongadas. Também aplicava no pescoço e colo, funciona muito melhor.

Concluindo: filtro solar com extrema proteção e indicado para exposições solares demasiadas. Apesar das alegações, não curti o acabamento final dele.

Indicaria, como citei, para proteção do corpo,  ir à praia, caminhadas, academias, porque, apesar de não ter a textura que eu gosto em filtros asiáticos (apenas gosto pessoal), é superior, neste quesito, às formulações nacionais.

Digo isso porque estou “cortando um dobrado” no curso para conseguir finalizar atendimentos com os filtros solares disponíveis.

Não pretendo citar marcas, mas é praticamente impossível associar fotoproteção com algum outro cosmético. Esfarela tudo, não adere. Eu já comentei que anteriormente ao “evento Bioré“, era inviável usar algum hidratante ou serum e aplicar filtro solar.

Agora, vamos ao Isehan Sunkiller Clear Water SPF 50+ PA+++:

Isehan+sunkiller+clear+water1

Este já foi uma questão de amor e ódio. Explico: eu apostava mais na versão anterior e quando usei o Clear Water, de início, não gostei da textura aguada demais. Sabem que eu fico muito inseguro com filtros extremamente leves, porém… acompanhem.

Alegações: protetor indicado para exposições prolongadas, contém complexo hidratante (Ácido Hialurônico, Colágeno Marinha e Algas Marinhas), indicado para o rosto/corpo, pode ser usado como base de maquiagem e não necessita de limpador específico (demaquilante):

pd_ico_clear_water

Frasco com saída dosadora (também deve-se agitar antes de usar):

Isehan+sunkiller+clear+water2

Tem uma textura leitosa, fluida, bastante aquosa. Um veículo que escorre pelos cantos dos dedos e requer cuidado para não desperdiçar o produto. Relembrando a resenha do Nivea for Men Oil Control: eu precisava um pouco mais que uma colher dosadora para proporcionar uma dupla camada:

Isehan+sunkiller+clear+water3

Quando eu percebi que demandava pouquíssimo tempo para aplicá-lo, passei a idolatrá-lo..rs

Em pouco tempo a pele o absorve e deixa um sensorial atalcado e sedoso. Some rapidamente, mesmo com várias camadas. Sem pegajosidade.

É um filtro tão leve, tão “clear“, que, por maior quantidade usada, absorvia muito bem e não pesava na face.

Nenhum  white cast ou oclusão. Eu definiria ele como “neutro“, pois não achei que hidrata ou matifica, porém, não exacerbou a oleosidade natural da minha pele, mesmo nos dias escaldantes.

Porém, percebi que, conforme fui usando, ele poderia se tornar semi-mate conforme o clima.

Achei excelente também para reaplicar. Não acumula nos poros ou fica artificial.

Assim, digamos que a função “clear water” me cativou e tenho buscado filtros solares similares, principalmente para usar em áreas mais comedogênicas

Funcionou muito bem como base, por baixo do , permitindo um acabamento final mais natural. O que eu poderia citar também é o seu efeito levemente permeável, não escorre com suor e fica integro no final do dia.

Dos ingredientes, posso destacar o Óxido de Zinco, Octinoxate Uvnul T (ethylhexyl triazone).

Como nada é perfeito, ele tem Benzofenona-3 (Oxibenzone) filtro orgânico com grande potencial irritante.

A segurança com o uso de Benzofenona-3 ainda é muito questionada, há estudos (aqui, aqui e aqui) que mostram que o ele é absorvido pela pele, acumulado e excretado pela urina dias depois. Porém, não há nada ainda relevante mostrando que isso traria prejuízo à saúde.

Por precaução, evitaria o uso de fórmulas com o absorvente em peles de crianças e gestantes.

No meu caso, ele costuma irritar, principalmente se utilizado na área dos olhos e sempre evito protetores com o mesmo. Estranho, apesar de ter o absorvente na fórmula, não apresentei nenhum tipo de ardência ou desconforto.

Benzofenona-3 é facilmente encontrados nas fotoprotetores nacionais, entretanto, nunca tinha visto em fórmulas asiáticas.

Extrato de Hamamelis, que pode ter ação adstringente. O produto reivindica ser leve e refrescante como água, mas a segunda eu não percebi isso na pele. Além de umectantes como Ácido Hialurônico, Colágeno Solúvel e Algas Marinhas. E vários tipos de silicones para proporcionar um bom acabamento.

Tem fragrância leve e álcool.

- Lista Completa de Ingredientes:

Cyclomethicone, water, zinc oxide, ethanol, ethylhexyl methoxycinnamate, methyl methacrylate crosspolymer, octyl dodecanol, DPG, PEG-9 dimethicone, trimethylsiloxy silicate, dimethicone, glycyrrhizin acid 2K, witch hazel extract, brown algae extract, hyaluronic acid Na, water-soluble collagen, oxybenzone -3, ethylhexyl triazone, (dimethicone / methicone) copolymer, disteardimonium hectorite, fragrance, (dimethicone / vinyl dimethicone) cross polymer, EDTA-2Na, BHT, BG, methyl paraben - frasco com 27 ml.

Concluindo: o Clear Water foi o que eu mas gostei de utilizar, pela praticidade e leveza dele na pele. Só aconselho a aplicar várias camadas para melhor segurança na fotoproteção (o frasco dura poucas semanas por causa disso).

Realmente é leve e suave, sem deixar resíduos gordurosos ou pigmentos sobre a pele. Dependendo do biotipo de pele, pode proporcionar um acabamento de neutro a semi-mate.

Aprovei e pretendo, em breve, testar um similar, da Sunplay. Aguardem!

Eu tardo, mas não falho…. três “reviews” de uma vez. Na verdade, iria comentar de outro filtro solar, mas tive uma gastura:

No meado do ano passado, eu resenhei o Menturm Sun Bears Super SPF 50+ PA+++. Porém, logo em seguida foi lançado (Set/ 2013) uma reformulação do produto, o Menturm Sun Bears Strong Super SPF 50+ PA++++, com a novos ingredientes que aumentaram  a proteção UV-A dele.

Achei a textura e leveza dele similar ao anterior, na verdade, gostei ainda mais. Eis que estava rascunhando sobre o produto quando mais uma vez ele foi reformulado: Menturm Sun Bears Strong Super Plus SPF 50+ PA++++.

A minha pauta “caiu” porque estava descrevendo algo que foi descontinuado. Senhor, como faz para ser fiel a um filtro solar asiático? Pretendo testar, futuramente, e se Deus quiser – e não ocorrer outra reformulação “mega plus?” – eu publico..

- Onde Comprar: os dois Sunkiller foram cortesias da Cristina Semanaka, do Cosméticos Japan, mas ela também vende a linha Aqua Rich, da Bioré. Também podem ser adquiridos pela Makie Cosmetics e, no Brasil,  com a Vânia Cosmetics. Quem prefere pelo Ebay, há vários vendedores.

- Preços: 

Bioré UV Aqua Rich Watery Cream Whitening SPF 50+ PA+++ -entre R$ 25,00 a 47.00, dependendo do ponto de venda e frete. Média em dólar: US$ 17,00. No Brasil, o valor tende a ser mais alto, mas com a comodidade de receber rapidamente – dependendo da pronta-entrega.

IsehanSunkiller Perfect Strong Plus SPF 50+ PA++++ e Isehan Sunkiller Clear Water SPF 50+ PA+++ – entre R$ 20,00 a 40,00, dependendo do ponto de venda e frete. Média em dólar: US$ 9,50.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 608 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: