Minha experiência com o Laser Light Sheer Duet

2 ago

Eu nunca gostei de ter barba, não pela estética, mas pela cuidado com a pele. Como eu uso protetor solar todos os dias, em grandes camadas, quando eu fico um ou dois dias sem me barbear, os pelos (após a reforma ortográfico, o acento diferencial de pêlo caiu) atrapalham a aplicação, principalmente porque eu faço uso de filtro físico, deixando os pelos levemente esbranquiçados.

Meus pelos são grossos, rentes e o uso diário com lâmina de barbear machuca a minha pele, criando pequenas feridas e ocasionando inflamações, como foliculites. Eu mantenho alguns cuidados, como o uso de esfoliantes químicos ou físicos para reduzir a queratinização, que dificulta a saída dos pelos à superfície.

Mantenho o hábito de barbear só após a limpeza facial, pois deixa a pele mais suave e amolecem os pelos Por favor, se você, rapaz, que alega não ter tempo de se barbear em casa e deixa para fazer isso no banheiro do trabalho, tenho o hábito de higienizar a pele de forma correta para evitar contaminações e use produtos para amaciar os pelos ao invés daquele sabonete líquido exposto na pia.

Eu uso loções com ação anti-inflamatória e pomadas com antibiótico quando há foco de infecção. E minha dermato sugeriu trocar de lâmina todos os dias, mas eu esterilizo após cada barbear e faço a troca de 4 a 5 dias.

No mês passado, a Folha de São Paulo publicou uma matéria com o dermatologista Jeffrey Benabio, onde ele diz que fazer a barba todos os dias “aniquila a pele”, mas outra especialista, a dra. Denise Steiner, diz que homens com pelos finos e retos podem fazer a barba todos os dias e aqueles com pelos grossos e encaracolados, com tendência ao encravamento, sofrem mais problemas no barbear diário, recomendando espaçar as sessões ou o uso de terapia com laser para enfraquecer os pelos.

No início deste ano eu ganhei de presente de aniversário um pacote de depilação a laser – sim, meus amigos queridos me dão presentes assim, ganho de filtros solares a cremes para os olhos! – e, claro, fiquei radiante. Já tinha feito algumas pesquisas de preços e os valores não combinavam com o meu orçamento.

Algumas clínicas de estética e centros dermatológico cobram, em média, 300 a 500 reais por sessão, dependendo do tipo de aparelho. E as sessões são cobradas por áreas, no caso da barba completa, há clínicas que cobram como duas ou três sessões. Ou seja, para um tratamento com resultados mais satisfatórios, são necessários acima de 5 sessões completas. Não é um tratamento barato.

Mas ai entram os pacotes promocionais dos sites de compras coletivas, que chegam a oferecer 20 sessões com 80% de descontos. É uma economia absurda.  A Sociedade Brasileira de Dermatologia não observa com bons olhos a proliferação de promoções deste tipo. Há determinados protocolos para seguir, como ter um profissional capacitado (aqui explica melhor), respeitar o tipo de pele do paciente (peles negras, propensas a queloides, devem ter cautela; peles bronzeadas não podem passar pelo procedimento; peles fototipos I, com pelos claros também não respondem bem ao tratamento…), a densidade da energia deve ser o suficiente para atingir o tecido alvo ( densidade baixa pode ocasionar resultados ineficientes; altas, acarretar lesões..), entre outras recomendações que você precisa se informar na hora de procurar o tratamento.

Atente para as informações corretas, pois eu recebo muitas promoções de depilação a laser, mas que na verdade, são com Luz Intensa Pulsada. Embora tenham a mesma indicação e ambas atinjam a raiz dos pelos, onde o calor causa lesão parcial ou definitiva dos folículos pilosos. Mas há distinções: o laser tem ação concentrada  e atua em apenas um comprimento de onda enquanto que a Luz Intensa Pulsada tem ação difusa e atua em todos os comprimentos de onda. Em termos de resultados, parecem semelhantes, embora a depilação com Luz Intensa Pulsada necessita de um maior número de sessões e tem um custo menor.

Neste estudo comparativo, “houve menor dor e incidência de efeitos colaterais com o uso do Laser de diodo em comparação à luz intensa pulsada, e eficácia semelhante entre as duas técnicas”. Mas os pacientes foram avaliados na depilação das axilas, então, não me serviu como parâmetro para analisar na área da barba.

Como atua: “destruição térmica seletiva de um alvo específico constituído pelas células germinativas do folículo piloso. Como a melanina é o principal cromóforo dos folículos pilosos, comprimentos de onda de luz entre 600-1100nm podem ser utilizados para fototermólise seletiva dos mesmos com eficácia e segurança.

A dra. Denise Steiner corrobra que:

“Para atingir a raiz do folículo piloso (escuro) o laser tem que atravessar as camadas mais superficiais da pele. E, nesse trajeto, ele pode ter afinidade por outras estruturas pigmentadas (escuras), como é o caso da célula da pigmentação, denominada melanócito e que produz a melanina.

Por isso, é mais difícil a depilação definitiva em paciente de pele morena ou negra. Em contrapartida, quanto mais contraste houver entre a pele (branca) e o pelo (escuro), melhor será o resultado geral da depilação. Peles muito claras, com pelos grossos e escuros, apresentam resultados mais satisfatórios com a depilação a laser.”

Eu fiquei bastante animado por ter pele clara (fototipo III) e pelos grossos e escuro e após algumas pesquisas, conclui que para depilação da barba, o laser de diodo, em especial o Light Sheer Duet, da Lumenis, pareceu-me mais promissor. O laser de diodo possui comprimento de onda entre 800-810 nanômetros, que o torna excelente para atingir o cromóforo alvo (melanina) do folículo piloso.

O aparelho Light Sheer até 20098 era a versão AT e tinha apenas uma “ponteira” (handpiece) com 9mm x 9 mm de comprimento. A sua ação era bastante reduzida, dolorosa e demorada. Em áreas menores como buço e axilas, era mais eficaz, mas para depilação das pernas demandava muito tempo. A nova versão, Duet, ganhou uma nova ponteira com 22m x 35 mm, que aumentou a extensão do disparo, cobrindo áreas maiores e redução do tempo de aplicação.

Outro porém é o mecanismo de vácuo que “suga” a pele e permite um feixe menor de energia como um método menos dolorido. A repetição dos disparos tornaram-se mais rápidas. Assim, o tratamento, por exemplo, nas pernas que antes durava 60 minutos fora reduzido em quase 67% do tempo. Para saber mais e ver vídeos sobre o aparelho, acesse a pagina em português da empresa.

A primeira coisa que eu fiz foi marcar uma visita para conhecer a clinica de estética, o aparelho usado e conversar com o profissional responsável. Como fiz o meu “dever de casa”, eu banquei o leigo para saber se me informariam corretamente ou tentariam me ludibriar. A conversa seguiu as expectativas e o aparelho era o Light Sheer. Porém, confesso que não me senti seguro em iniciar um tratamento com laser numa clínica que não fosse dermatológica.  A responsável era uma fisioterapeuta, mas, segundo ela, não havia um dermatologista que prestasse assistência. E também não existia nenhum preparo precedente no tratamento, como o uso de compressas de gelo ou aparelho de criôgenio em spray para resfriar a epiderme e evitar futuros edemas. Por fim, respondi a um questionário e fui informado que crostículas e manchas escuras poderiam ocorrer após o tratamento e persistir por 1 ou 2 semanas.

Dor? Imagina… um aparelho que precisa, no mínimo, chegar a 60º para atingir a raiz do pelo, aquecer e destruí-lo. Ainda assim, marquei a minha primeira sessão.

Como faço uso e ácidos, eu suspendi 5 dias antes da primeira sessão e na véspera, fiz a barba com lâmina, pois é indicado não ir com os pelos crescidos. Alguns especialistas sugerem o uso de pomada anestésica para amenizar o desconforto, mas fui informado que deveria ir com a pele sem nada. Na sala, a responsável fez a assepsia com álcool e usei os óculos de proteção.

- O tratamento, ou seria, medo, agonia e suplício:

A primeira coisa que eu penso: dor!! A antiga ponteira, menor, é terrível, eu não sei descrever se é como um choque, um fósforo sendo apagado na pele ou uma pistola de grampos, mas é uma dor e pronto! Nas matérias e informes afirmam que é uma “dor suportável”, “desconfortável” ou “menor que com depilação com cera”. É uma dor medonha. Só é “suportável” porque dura pouquíssimo tempo. Vai depender muito da sensibilidade da pele, da potência usada e área depilada (virilha, buço e queixo são as mais sensíveis).

A primeira parte foi executada com a ponteira maior, pois ela adere nas áreas com mais pele, como pescoço e bochechas. A dor foi menor, mas não menos incômoda pela ação de “sugar” a pele pelo vácuo do aparelho. Cada emissão de som eu torcia para acabar. Claro que a fisioterapeuta iniciou com a ponteira maior só para evitar de correr da cadeira. Quando ela comentou que usaria a ponteira menor nas áreas que a anterior não conseguia cobrir, como queixo, buço e contorno da face, eu pensei: “ferrou”. E vi estrelas em cada disparo.

Durou menos que 5 minutos, mas o suficiente para sair da sala com o rosto quente, ardendo demais, parecia que tinha enfiado o mesmo num vespeiro. E um odor desagradável de pelo queimado subindo pelas narinas.

Fui ao banheiro já abrindo a mochila e tirei meu “kit-socorro”: pomada com calamina e filtro solar. Nesta clinica não tinha assistência para o pós-laser, outro fator negativo (além de não ter um cuidado pré-laser com gelo). Eu levei tudo de casa, princialmente por que as minhas sessões foram marcadas ao meio-dia, então, em pleno verão de Janeiro, eu não iria me expor ao sol com a pele naquele estado.

Coberto com uma grossa camada de creme e filtro físico, em poucos minutos eu estava mofando num ponto de ônibus esperando minha condução. Passei 35 minutos no ponto e mais 45 para chegar em casa. Agradeço ao meu santo protetor asiático por proteger imediatamente a minha pele.  Em casa, a pele estava intacta, nada do vermelho ou desconforto - que perdurou por 40 minutos após a sessão.

Fiquei mais dois dias sem me barbear e não percebi nenhum colateral. Ledo engano. Quando me barbeei pela primeira vez, a lâmina, nova, não parecia cortar os pelos. Ela ia falhando, parecia lâmina velha. Muitos pelos encravados e o rosto com várias manchas avermelhadas. Alguns folículos pareciam entupidos, volumosos. Ainda não dava para verificar o resultado em termos de depilação, pois isso só ocorre semanas depois, quando o pelo é expelido. Abaixo, a primeira impressão:

Fique ciente que não ocorre depilação definitiva na primeira aplicação, melhor dizendo, o pelo não é arrancado durante o ato como uma depilação convencional. Os bulbos são destruídos aos poucos e alguns são apenas danificados, porque o laser só atua nos pelos em crescimentos e os que estão em repouso serão eliminados na próxima consulta Desta forma a necessidade de sessões regulares mensais para observar os resultados.

No dia seguinte, a área depilada estava tomada de inflamações, pontos de foliculites. O barbear estava difícil e continuei usando uma pomada anti-inflamatória sobre a área. Retornei aos meus ácidos 5 dias após a depilação. Em média, as manchas e crostas duraram 1 a 2 semanas e a foliculite é bem controlada com gel de clindamicina. Sol? Não precisa avisar que deve ser evitado e sempre com proteção, pois a sua pele estará muito sensível.

Minha pele reagiu com todos os colaterais previstos, e a cada sessão, é sempre a mesmo agonia durante e depois. Informo que não é um tipo de tratamento que você se acostuma, pelo contrário, como a potência de emissão de luz é aumentada aos poucos, cada sessão torna-se mais suplicante; os dias seguintes, piores. Não é de espantar que eu conversei com rapazes que desistiram após a quinta sessão, porque é uma etapa que costuma-se usar a ponteira menor para extinguir de vez os pelos remanescentes.

Mais uma para a “galeria do terror”, em várias situações – com sério risco de ir parar no “Shame on you, blogueira!”. Acho que dá para notar a redução de pelos, as falhas, e as “ecas”:

Produtos que eu uso para melhorar o estado da pele: Bepantol Derma Solução, Aqualabel White Lotion, além de clindamicina (Clindoxyl) e Desonida (laboratório Medley). A Desonida tem excelente textura, pois é uma pomada que não confere oleosidade à pele, e sua ação anti-inflamatória e anti-alérgica tem indicação para dermatites atópicas, dermatite alérgica, dermatite de contato e como pós-sol e pós-depilatório para evitar eritemas.

- Sobre os resultados:

Só passei a ver algum na segunda sessão, mesmo assim eram pequenas falhas em algumas áreas. Na quarta sessão, dava para perceber “buracos” ou “inhos de rato” na área. Por isso, se você pensa em iniciar um tratamento assim, fique ciente que a sua barba vai apresentar falhas e é melhor prosseguir até o final.  Leia o que diz na matéria da Folha de São Paulo:

“O laser destrói primeiro os pelos mais fracos, por isso fazer poucas sessões só é recomendável para quem não tem planos de deixar a barba crescer”, afirma Carolina Marçon, dermatologista membro da Academia Americana de Dermatologia.

Concordo. Se antes eu fazia barba apenas por ser mais cômodo na hora de cuidar da pele, agora é por necessidade mesmo. Qualquer crescimento, mesmo aquele cerrado, deixa um visual estranho devido aos buracos. E olhares estranhos para a sua barba se tornarão corriqueiros. Esta foto – que não sou eu – mostra como a barba fica, cheio de “falhas”:

Ainda na quarta sessão, notei os pelos mais finos ao barbear, mas nada muito satisfatório. Há uma resistência enorme nos meus pelos do buço e queixo, o que me desanima, pois são áreas mais doloridas para o tratamento. Sem contar que há áreas que tenho a impressão que os pelos voltaram em locais antes “devastados”.

Na semana passada fiz a sétima sessão, muito intensa e dolorosa, acho que a responsável se apiedou de mim e resolveu exterminar para valer. Passei da metade do tratamento e tenho uns 50% de resultado. Outros rapazes, que eu esbarro na sala de espera, estão com 80% de extensão sem pelos, com 5 sessões apenas. Então, cada tratamento, uma sentença.

Eu faço o acompanhamento de tudo, observo a minha ficha para saber se estão mantendo ou aumentando a potência. Para quem prefere a Luz Pulsada, é bom acompanhar a frequência, pois fluências baixas podem estimular o crescimento ao invés de extingui-lo.

Afirmar que é uma depilação definitiva seria uma falácia, pois leva a acreditar que será para sempre. Há a destruição do folículo, mas decorrente da própria natureza, não tem como impedir o nascimento de novos pelos. Rapazes que malham e fazem uso de precursores de testosteronas podem ter o retorno dos pelos. Assim, após a conclusão do tratamento, é necessário fazer manutenção anual, para reduzir possíveis folículos imaturos que irão surgir na pele.

Inerente ao me testemunho, vejo pessoas que aprovaram a depilação com laser como método satisfatório. Ainda tenho mais três etapas para concluir o meu plano e, supostamente, devo precisar de mais outras sessões para ter êxito.

About these ads

129 Respostas para “Minha experiência com o Laser Light Sheer Duet”

  1. Vanessa Sial 2 de agosto de 2012 às 1:01 #

    Oi Nando,
    O artigo vai com certeza ajudar muitos homens a decidirem ou não pelo procedimento. Tenho planos para as axilas e só. Estou muito satisfeita com sistema satinelle.
    Fiquei com peninha de você. Seu rosto ficou com muitas lesões.
    Espero que já estejas melhor. bjs

    • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 1:17 #

      Nossa, já leu? Eu, quando escrevo em demasia fico achando que ninguém irá ler..

      A depilação das axilas até que é tranquila, pelo menos as meninas na clínica não reclamam de dor, com a ponteira maior não leva nem 1 minuto. Os rapazes que sofrem, porque o buço e o queixo são as áreas mais dolorosas, a ponteira maior não consegue aderir. Eu me “poupei” nas fotos, por hoje estou com mais espinhas. Eu gosto de registrar tudo para avaliar melhor. Confesso que não estou muito satisfeito, quando vejo os outros rapazes que conseguiram melhor êxito, fico frustrado. Porque é uma agonia durante e depois.. sua pele toda esquisita, nos primeiros dias, não consigo nem dar “bom dia” ao porteiro. Você fica com uma cara de desleixo, tipo quem não sabe se barbear. E eu não anuncio para ninguém que eu faço, então, cada um pensa uma coisa. O pior é ouvir: “Você que usa tantos produtos na pele está com ela toda ferrada!”

      • Luís Felipe Melhado 12 de novembro de 2012 às 15:01 #

        Caro amigo, fiz o mesmo procedimento que você há uns 8 anos na onodera mas não na barba inteira, pois não tenho muito. Tinha mais no buço propriamente e na parte entre o queixo e buço, o famoso “sujeirinha” que está na moda deixar hoje, sendo que nessas partes tinha uma concentração maior de pêlos mesmo comparado ao resto. Minha barba não era homogênea e sim concentrada nessa duas parte. Pois bem, fiz 5 sessões com eles e é aquilo (gostaria de uma redução de 50 a 60%) não mais que isso, para não ficar completamente sem pêlos na região, comparado ao resto que não mexi. Mas assim, eles sumiram por um tempo, quase tudo, mas voltaram e com falhas. Na parte da “sujeirinha” praticamente voltaram todos, ficando como antes, e no buço ficou falhado tendo que fazer a barba nessa região quase todo dia para não ficar feio. Se o tratamento valeu a pena? Sinceramente, acho que não. Hoje não o faria. Tinha maiores expectativas e acho que grande parte mente sobre os efeitos duradouros. Não são. Voltam com o tempo. Mas confesso a ti que não farei novas sessões. Acho que pior que falhado (buço) e já não está tanto como já esteve , é ficar sem nada. A única coisa que penso agora é se vale ou não a pena fazer a depilação com cera mesmo para eles irem nascendo mais devagar, não destruindo o folículo, ou se continuo como faço, fazendo essa região (biço e sujeirinha) todo dia. Não sei. Gostaria do seu conselho. Mas assim como você, é fato, fiquei mais insatisfeito que satisfeito. Não acho que ficou algo tão natural como prometiam. E realmente é aquilo, fiz o tratamento com luz pulsada, dói e bastante as sessões. Foi a pior dor que experimentei na vida. Gostaria de seu retorno a respeito da depilação com cera ou fazer a região todo dia. Obrigado. No seu caso, seguiria com o tratamento até o fim já que fez a barba inteira. Caso interrompa agora, acho que ficaria ridículo. Sua barba ficou com bastantes falhas.

      • Nando Goober 12 de novembro de 2012 às 21:43 #

        Oi Luiz,

        Eu não fiz mais comentários sobre a conclusão do meu tratamento porque eu parei.. cheguei até a 8 sessão, não atingi nem 40% de redução.. os pelos voltaram quase que 100%.. fiquei muito insatisfeito.. é um desconforto danado, durante e depois, para resultados pífios.. sempre a desculpa que ocorrem o retorno por causa dos hormônios..

        Também não posso generalizar, pois fiz num desses pacotes de promoções, algo que eu não faria novamente.. maseu não pretendo mais fazer nem no futuro.. odeio fazer barba todos os dias, irrita e me dá foliculite.. o laser era a minha única opção.. cera? Sinceramente eu não faria.. meu tipo de pele não ia tolerar..

        Sim, após alguma sessões a barba fica falha e com uma estética pior, o que te obriga a barbear TODOS os dias para esconder isso… acho que quem tem poucos pelos e não serrados usufruir melhor do tratamento..

        O que contou também foi o local que eu fiz.. você era obrigado a fazer todo mês..embora tenho lido que tem que dar um tempo para o crescimento dos pelos..

        Eu parei no oitavo mês, no mê seguinte já tinha voltado quase tudo.. então, desisti.. eles iam me enrolar par fazer mais 10 sessões.. nem de graça!!!

      • Ricardo Dantas 11 de dezembro de 2013 às 14:33 #

        cara ja li duas vezes a sua matéria muito bom! eu fiz a primeira sessão na semana passada e não imaginei que seria aquela dor horrível. Fiquei uns 3 minutos pra faze a região da garganta mas foi o suficiente rsrsrs, minha pele queimou bastante, to nervoso pois parece que não vai sarar. quando começaram a cessão e eu senti dor eu não parava de dar risada alto e berrar cada vez que quele lazer entrava na pele. Minha pele é morena por causa do Sol. Mas vou continuar a cessão com muito medo rsrs

  2. Roberto 1 de agosto de 2012 às 23:21 #

    Nando, não preciso mais comentar sobre a Luz Intensa Pulsada que fiz, a gente já trocou muita ideia sobre, fiz na região do tórax uma unica sessão, onde os pelos cairam em 50%, não foi dolorido (no meu caso era como um estalar os dedos sob a pele), mas como nesse caso a gente tem que ganhar pela insisteênvia, quer dizer, se não prosseguirmos com o mínimo de sessões indicadas, eles voltam com tudo, no meu caso com uns 2 meses já estavam todos de volta.
    Positivo: Rápido, seguro, ZERO de foliculite ou vemelhidão, os pelos cairam muito!!!
    Negativo: Utilizaram um potência abaixo da indicada, onde num primeiro momento os pelos foram reduzidos, mas depois (devido a essa “baixa potência”), houve uma eletro estimulação do pêlo,eles viram mais e maiores,e a esteticista “esperta” ainda “pulou” alguma áreas, mas percebi e voltei p ela terminar o serviço.
    Veredito: Recomendo, mas se voltasse a fazer falaria do erros deste caso que tive.

    PS: Não confundam…. eu fiz a LIP, daquelas que tem frânquias espalhadas pelo mundo….Já o Nando fez o Lazer de fato!

    • Roberto 1 de agosto de 2012 às 23:32 #

      KKK …. Nando… fiz em homenagem ao Shame on you…repara que cito em não comentar sobre e……… ao invés faço um relato. kkkkkkk

    • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 9:45 #

      Pois é, fez o relato. Mas foi ótimo, porque agora podemos debater no lugar certo..rs

      Mas assim, a área que tu fez é mais cômoda, os rapazes que fazem tórax com light sheer não reclamam de dor ou colaterais, os pelos não são grossos e rentes como da barba. Para ter uma ideia, há dois rapazes que fazem tórax todo mês, mas não se arriscam de fazer barba por causa do desconforto durante e depois. A área que você fez fica coberto a maioria do tempo, não tem que ir trabalhar ou fazer eventos sociais com o rosto todo carcomido (rs). Eu abro mão até de balada quando estou na semana pós-laser. Hoje, que consegui fazer a barba melhor, as manchas vermelhas estão mais destacadas, então, só mesmo um Dermablend da vida para disfarçar.

    • Lucas 25 de outubro de 2012 às 17:19 #

      Qual nome do aparelho de luz Intensa Pulsada que você fez?
      Qual é o nome da clinica ?
      manda no meu email por favor!! abraços!

      • Nando Goober 26 de outubro de 2012 às 9:41 #

        Oi Lucas, eu não fiz com LIP. O meu foi o Light Sheer Duet. A clinica que eu fiz é ruim, não indicaria.. ganhei um pacote, desses de compras coletivas. Melhor procurar um dermatologista para fazer isso.

  3. Joseane 2 de agosto de 2012 às 12:26 #

    Eu já fiz no rosto todo com light sheer também e sou mulher :-)
    Como tenho ovário policistico, excesso de hormonios, tenho excesso de pelo no rosto fazia depilação com linha e não posso usar ceras já que tenho pele sensível e propensa a manchas
    Tem um baita cheiro de pena de galinha queimada na hora não tem? :-)

    Fiz algumas sessões e nem me lembro de fiz todo o tratamento ja que briguei com a clínica que também não tinha dermato, era só luxo e nada mais.

    Paguei caríssimo o pacote também.

    Melhorou sim mas, como o meu problema é o ovário que nunca irá parar de produzir os tals hormónios deveria fazer de novo, claro não tenho barba, só penungenzinhas que incomodam toda mulher nunca tive barba excesso somente mesmo as tal penungenzinhas que nada como pele peladinha pra nos realizar e indico sim, cada flash era um susto, doia mas eu achava bem suportavel ja que pareço mazoquista fazia depilação com linha ficava vermelha na hora e nem reclamava de dor nenhuma :-) sou forte

    Bom post

    • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 12:47 #

      Oi Joseane,

      Quantas sessões?

      Mas a fisioterapeuta comenta que as meninas que fazem buço sentem de forma diferente, é um penugem. Só as meninas que fazem virilha reclamam mesmo da dor. O pelo da barba masculino é mais grosso, rente. Para o meu azar, ela comenta que sou o paciente atual mais complicado para tratar, porque ela tem que usar quase uns 30 disparos na face!

      Tem uma mulher lá, alta, bonita, que quando entra na sala fechada, você só escuta os “ui” num tom grave.. então, percebe-se que é um homem! :P

      • Roberto 2 de agosto de 2012 às 13:39 #

        Nandoooo….Não entendi, é um travesti, eh isso?

      • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 13:50 #

        Não sei como ela (ele) se define… :P… mas êla fez barba completa.

      • Joseane 2 de agosto de 2012 às 16:40 #

        Nando eu o rosto todo, até testa.
        Sim para os homens a dor é muito maior devido a grossura dos pelos. Desculpe não quiz dizer que não doia, eu quiz dizer que mesmo a mulher tem pelos indesejáveis :-(
        Foram umas 10 sessões não me lembro bem.
        O problema é a falta de treinamento na tal clínica que fui, era muita baboseira, muito luxo e nenhuma competência.

        Sim os pelos mais grossos doem muito mais, qu quiz dizer que como fazia o rosto todo tanto com linha anteriormente quanto com o laser depois senti pouco as dores.

        Sim sou mulher, que por causa de problema hormonal tinha pelos fininhos em todo rosto que ninguém via mas, antigamente que me incomodava hoje tenho muito menos mas, o resultado não é pra sempre, eles volta com tempo…. é necessário estar sempre retocando. Já fiz faz 4 anos e hoje tenho menos mas, eles voltaram não como antes mas ainda tenho pelos que não gostaria de ter, claro que meu caso é pior porque é hormonal e que tem casos que talvez nem precise de retoques mas, é muito bom ter essa oportunidade de limpar a face desses pelos chatos.

      • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 17:41 #

        Ui, você fez aplicação no rosto todo??? E teve manchas vermelhas e crostas? Nem pensar.. só faço na área da barba que é mais limitada..
        E você teve algum problema decorrente da clínica ser ruim?
        Eu não sei se vou continuar após as 20 sessões, que na verdade, são 10 para barba completa. Ainda não pensei nisso, vou esperar até o término e ver se ficou muitos pelos. O valor que é cobrado para passar por isso todo mês não me agrada :-(

    • Roberto 2 de agosto de 2012 às 23:05 #

      Joseane
      Quando perguntei sobre ser Homem ou mulher, me referi a um caso que o Nando comentou, na clínica onde ele frequenta, Vê no commment a baixo…e gente aqui no blog é tranquilo.

      • Joseane 3 de agosto de 2012 às 10:44 #

        Não te preocupa Roberto.
        Eu não disse “sou mulher sim” para qualquer comentário feito antes.
        Eu apenas reforcei sou mulher, sofria e sofro com pelos indesejados no rosto todo talvez como homens sofrem para chegar a fazer depilação mas, não barba claro, pelos grossos e chegar a me depilar com gilettes e tals como homens. Só estética mesmo, fazer uma maquiagem e ter a pele lisinha e tals
        Tranquilo mesmo… é só para reforçar como algumas pessoas sofrem mesmo com casos especificos.

  4. silvia 2 de agosto de 2012 às 14:05 #

    Sempre tive inveja de vocês homens, sempre falei que se pudesse escolher teria nascido homem, mas nunca tinha pensado nesse incomodo chamado barba, com certeza deve atrapalhar muito os cuidados com a pele, agora deu até alívio ser mulher!

    • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 14:11 #

      Aahaha, não um incômodo para todos, mas eu não gosto :P mas vocês, mulheres, também passam por sofrimentos parecidos, como depilar axilas, buço, virilha.. se bem que hoje em dia os homens estão aderindo a isso. Lá no centro de estética o homem pode depilar o que quiser com lazer. Dá medo de imaginar como deve ser depilar com laser as “partes baixas”… aahahah

      • Joseane 2 de agosto de 2012 às 22:33 #

        Nando com o light sheer eu fiz 1 sessão em uma clínica e gostei mas, achei o preço dessa outra “ruim” mais barato e como o lugar era chiquetérrimo, puro luxo e glamuor optei por trocar por essa e me ferrei, pois odiei o resultado.
        Lá fiz algumas sessões de luz pulsada também que na primeira sessão fiquei tão vermelha que nem dava pra me reconhecer.
        Já com light sheer não tive problemas não.
        Já a luz pulsada dava umas casquinhas sim.
        O pior era o cheirão de pelo queimado hahaha a sua sessão também tem?

        Recebi o meu dinheiro investido de volta pois, fiquei com manchas escuras agravou meu estado de melasma que era apenas no buço e hoje por falta de técnica e qualidade e nenhum responsável ou melhor dermato lá responsável pelo que faziam que deveria analisar meu caso, o melasma agravou por todo o rosto.

      • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 22:54 #

        Pois é, por segurança é melhor fazer num centro dermatológico. Onde você fez tinha algum preparo: pomada, gelo..? Onde eu faço o povo nem passa filtro solar. A responsável recomenda na primeira consulta, mas não vejo ninguém aplicar para sair do consultório.

        Sim, um cheiro horrível.. mas se ainda fosse só isso.

        Um amigo faz uma clínica também, mas lá é um plano anual, então el faz até acabar de vez com os pelos..

        Não tive complicações, mas a minha pele se fosse propensa a ter manchas, acho que ia apresentar algumas.. já voltei com os meus ácidos para ver se ajuda a cicatrizar melhor. Cinco dias após a sessão e a pele continua feia e apresentando foliculites. :-(

        O pior é que você mal consegue recuperar a pele e já tem outra sessão.. eu cheguei a implorar para ter sessões bimensais.. mas alegaram que o tempo ia prejudicar o tratamento e o meu plano não permitia.

  5. Roberto 2 de agosto de 2012 às 15:19 #

    Nando, olha só isso…mas assim, nunca vou falar nunca…mas que é feio, é!
    http://blogueirashame.blogspot.com.br/2012/05/baphao-do-dia.html

  6. Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 21:10 #

    Eu lembro desse post.. não sei se a empresa se retratou

  7. Roberto 2 de agosto de 2012 às 21:12 #

    Nando, pelamor……….apaga e deixa só uma, né!

    • Mariah Lacerda 3 de agosto de 2012 às 12:24 #

      Oi Nando
      até que enfim consegui postar um comentário, o blog tá de cara nova! ficou show de bola parabéns!!!!bjoss!!!!!!!!

      • Nando Goober 3 de agosto de 2012 às 15:34 #

        Obrigado e agora pode comentar sempre.
        Bjs

      • Drix 3 de agosto de 2012 às 18:22 #

        Nando amo seu blog e vc eh responsavel por muita coisa boa que aprendi, mas agora estou vindo aqui te agradecer porque conheci atraves do seu blog o blog shame on you blogueira e to rindo ha umas duas horas direto… obrigadaaaa!

      • Nando Goober 3 de agosto de 2012 às 19:21 #

        Poxa, não conhecia?? É muito bom, mas há uma infinidade de blogueiras de moda querendo a cabeça da “titia”.. rs

  8. Rafael Ox. 2 de agosto de 2012 às 21:57 #

    NOSSA!
    sério agora eu DESISTI!

    • Nando Goober 2 de agosto de 2012 às 22:02 #

      Pera, rapaz… só tem que pensar bem antes de começar, porque é um tratamento caro, deve ter, no mínimo 5 sessões para avaliar e cada pele reage de uma forma.. não é como fazer uma sessão de aparelho corporal, entende? Depois de um número de sessões, sua barba fica estranha, como na última foto que eu inseri..

  9. Joseane 3 de agosto de 2012 às 12:16 #

    Nesse clínica eles fazemd e um tudo até cirurgias plástica.
    Por isso me enganei com a impressão.

    Eles não aplicam nada, só os óculos e olha lá.
    Mas, sabe Nando hoje em dia tem muitas clínicas assim, sem um dermatologista só com dermatofuncional tentando nos enganar que são a mesma coisa mas, não é.

    Nem pré e nem pós sessão teve alguma coisa ia lá, aplica e tchau

    Vc está fazendo de quanto em quanto tempo? Acho que eu fiz 1 vez por mês
    Fiquei tão frustada com esse “tratamento” que tudo que eu queria era esquecer mas, é impossível já que acabou me prejudicando e não se retradando.

    Claro recebi o meu dinheiro de volta mas, eu preferia ter hoje eu rosto como antes do que ter recebido de volta o dinheiro.

    Por isso, eu acho impostantíssimo que sejam feitas todas e qualquer sessão com laser ou peelings e afins com dermatologista registrado.

    Aparência da casa “clínica” não quer dizer que seja limpa, etc sem ter um dermato lá trabalhando não vale a pena.
    Eu realmente espero que vc tenha muito mais sorte do que eu tive.

  10. Roberto 3 de agosto de 2012 às 13:42 #

    Nando…já pedi p Vania ver se vai chegar algum destes filtros Solanoveil:
    Protect Face Milk
    Medicated Bihaku Milk
    Watery Gel 50+
    Moist Face Milk
    Achei bacana o fato de alguns não conter (ou conterem, help!) alcool e as fórmulas são mais ricas em ingredientes, hidratantes e tal, digo comparado aos Biore.
    Nando, mas ainda tô na dúvida, sabe…se eles vão ficar branco,,,tipo assim…sei que os tipo gel não ficam, mas os milk da vida…O Allie já tá reservado, pq é certeza de não ficar White cast, mas os Solanoveil, sei que vc já comentou trocentas vezes, mas to perguntando pq tipo…desses Solanoveil quero fazer coleção..ter um de cada…só assim p saber qual vou gostar mais.hehe

    • Nando Goober 3 de agosto de 2012 às 15:33 #

      Espera, rapaz, ou vai estragar a surpresa de hoje. Vem ai o “Ranking Goober”.. rs

      • Roberto 3 de agosto de 2012 às 15:47 #

        kkkkkk…Só garanto que vou comprar todos os tipos do Solanoveil…

  11. @meire_g 3 de agosto de 2012 às 15:58 #

    Nando,
    Ki dó :(( Eu fiz laser para me livrar dos pelos nas axilas. A dor é muito grande mesmo; a cada sessão fiz uso de corticóide tópico por dois dias, mas não tive nada mais complicado. Acho que fiz umas 5 aplicações, não lembro. Na última dose tinha um rapaz que estava fazendo um reforço, disse que 6 meses depois os pelos voltaram a crescer. Meu marido está decidindo se faz na parte entre o queixo e o pescoço, onde a pele dele irrita muito.

    • Nando Goober 3 de agosto de 2012 às 16:15 #

      Oi,

      Mas você fez há muito tempo e com qual aparelho? A versão atual do Light Sheer, com a ponteira maior, mas mulheres que fazem não reclamam de nada.. anteriormente sim, tinha que queimar com a ponteira menor..

      Pois é, por isso que deixe claro que o termo “definitivo” não é bem assim, os leigos ficam seduzidos pelas campanhas assim. Tem que fazer reavaliação a cada seis meses..

      A ele do pescoço é mais chata para barbear, onde eu sofro mais de foliculite. Se soubesse do transtorno que era, tinha marcado todas as sessões apenas para o pescoço, pelo menos sofreia menos. ia pode fazer as 20 sessões nesta área e teria um resultado maior.

      • @meire_g 3 de agosto de 2012 às 17:24 #

        Nando, sabe que nem sei qual foi o aparelho? Eu fiz a última aplicação ha mais ou menos duas semanas. Mas ele usa uma ponteira que é grande e as pessoas não reclamam muito não, acho bem rápido. Eu que sou manhosa, admito. Tudo em mim dói mais, hehehe.

      • Nando Goober 3 de agosto de 2012 às 19:22 #

        A ponteira “suga” a pele, como um vácuo? Pode ser o light sheer duet.

  12. Gabriela 3 de agosto de 2012 às 16:36 #

    Nando, eu faço Light Sheer e não sinto nada nada nada na axila, mas mesmo assim uso pomada anestésica antes. E também uso Desonol no pós. Mas, confesso a você que já fiz virilha e realmente senti dor, mas nada insuportável. Ao meu ver, quem agüenta cera quente, agüenta fácil o laser.

    Em 2007, quando usei o Light Sheer mais antigo aí doía pra caramba mesmo! Mas a ponteira modernizou e sinto muito menos dor.

    Eu indico para todas as pessoas, minha vida mudou após o laser….eu não tenho mais pelos! Mas faço uma sessão a cada 4-6 meses para manutenção.

    Já fiz em clínicas de compra coletiva e com dermatologista, não posso comparar. A dermatologista tem todo um cuidado e preparo, além de várias orientações. Mas, isso tem um preço muito maior.

    • Nando Goober 3 de agosto de 2012 às 19:25 #

      Mas eu uso a ponteira do light sheer antigo..rs, na verdade, o que mudou na versão atual é a inclusão da nova ponteira, maior, e mais ágil. Só que no rosto não adere, então, tem que ser a ponteira antiga.. agora sabes do meu sofrimento.. rs

      Por enquanto eu não indico… quero só ver quando eu terminar, dai, eu reavalio.

      • Iuna 1 de setembro de 2012 às 13:23 #

        Nando, depois que acabar o seu pacote, porque vc não tenta fazer um de luz pulsada. Vc tem a pele clarinha, o que é uma grande vantagem pra esse tipo de tratamento.
        Eu decidi fazer depilação “definitiva” porque não posso nem sonhar com epilação tradicional (com cera ou aparelhos), pois meus pelos simplesmente não conseguem romper a barreira da pele ao crescer (meus pelos não são grossos nem finos). Por isso eu sempre depilei (corto os pelos rente à superfície da pele).
        Mas como nas depilações “definitivas” o pelo queimado cai e não volta a nascer (em tese isso resolve o problema de foliculite), resolvi tentar.

        Eu já fiz luz pulsada e laser e posso dizer que tudo depende do empenho de quem aplica.
        Explico: quando fiz com LIP (perna e axilas), a moça que aplicou usou frequências diferentes (porque eu tinha dois calibres de pelo) e a cada disparo ela conferia os pelos para ver se todos estavam queimados. Claro que demorava uma vida, mas eu não reclamava porque caiam TODOS os pelos (sério, caiam todos mesmos, não sobrava um pra contar história). Nas axilas, depois de 3 sessões já tinha diminuído 70% dos pelos. Zero dor.

        Mas como era muito caro, resolvi tentar uma clínica que cobrava R$50,00 (pensei: na pior da hipótese, perder R$50,00 não vai me deixar na miséria). Resultado: caíram 3 pelos. Não é força de expressão não; realmente caíram só 3 pelos.

        Aí, nesses sites de compra coletiva, saiu uma oferta de laser. Comprei, mas só consegui fazer umas três sessões. Numa, cairam pelos de forma falhada e na outra caiu quase tudo. Foram duas pessoas diferente que aplicaram o laser; a moça da segunda sessão era super cuidadosa (não tanto como a da primeira clínica, mas ainda assim era muito boa). No fim das contas, a clínica faliu (!!!) e eu não consegui continuar o tratamento.

        Tempos depois, saiu uma outra oferta de pacote de laser light sheer numa clínica boa aqui da minha cidade e eu comprei pra continuar o tratamento lá (a clínica parecia mais confiável e eu arrisquei de novo). Eles usam a ponteira pequena e iam disparando sem parar pra conferir. Não posso dizer que a dor era insuportável, mas nas duas últimas sessões me incomodou (porque a potência já estava bem alta). Resultado: as axilas estão ok (mas a maior parte do resultado que credito à LIP) e as pernas quase estão na mesma (na perna eu fiz 1 sessão de LIP, umas 3 sessões de laser na terceira clínica e mais três na quarta).

        Além disso, sempre que eu fazia perna com laser, ela ficava falhada, tanto falha bem marcada (como a da sua barba, dando a impressão que o aparelho nem foi passado em certas partes), como falha de pelos numa mesma área. Eu sempre reclamava (afinal, a perna acabava ficando com pelo do mesmo jeito e eu tinha que ficar passando lâmina diariamente) e em toda sessão eu ficava de olho e pedindo pra atendente (fisioterapeuta) caprichar. E sempre que eu reclamava das falhas, a resposta era padrão: isso é normal. E eu pensava: normal nada, pois com LIP, que é mais fraca, caiam todos; isso não é normal, é pressa mesmo (afinal, ali a sessão estava saindo uns R$20,00 – nem vou entrar na discussão sobre o tiro no pé que essas empresas que fazem essas ofertas coletivas se dão quando tratam o cliente com cupom diferentemente do cliente “normal”).

        Conclusão: vou juntar $$$ e voltar na mesma clínica da luz pulsada pra fazer com a mesma moça, porque, no fim das contas, achei que vai compensar, mesmo sendo MUITO mais caro. Ou então vou procurar um dermatologista bem cuidadoso, porque percebi que, na verdade, conta muito mais a perfeição da aplicação do que o método utilizado.

        Quanto à periodicidade, te falo que estão te enganando. Eles falam que tem que ter um intervalo de 30 dias porque 1) assim o pacote que você comprou acaba mais rápido e 2) assim o tratamento exige mais sessões. Veja só a diferença de tratamento nas duas clínicas que frequentei: na primeira, eu voltei depois de 20 dias pra fazer uma avaliação dos resultados e a moça me disse que tinham nascido poucos pelos e que se eu fizesse a sessão com 30 dias iria perder dinheiro; na segunda eles não marcaram sessão para ver os resultados e eu, já esperta, nem dei chance de me falar nada e já fui falando que a próxima sessão tinha que ser marcada entre 2 e 3 meses (pra evitar discussões desnecessárias, eu inventava que iria viajar, que iria fazer um curso, etc).

        Uma vez, uma moça que aplica laser me disse que tinha acabado de fazer um curso do light sheer e que eles falaram que esse negócio de intervalo de 30 dias é furada: tem que analisar cada caso. Então, fala pra eles que sua pele é sensível e quando eles falarem que isso vai prejudicar o tratamento, fala que você prefere prejudicar o tratamento a prejudicar sua pele. Eles vão te olhar com cara feia (porque eles sabem que não prejudica nada o tratamento) e vão ter que aceitar.

        Putz, desculpa o tamanho do comentário, mas precisava te dar essas dicas. Depois de ter passado por 4 clínicas, pagando todo tipo de preço, acho que já tenho uma certa experiência no assunto. Te digo: tem muita gente picareta nesse meio. Fique esperto!

      • Nando Goober 1 de setembro de 2012 às 16:04 #

        OI, tudo bem?

        Hoje eu fui fazer minha oitava sessão, mas fui quase que arrastado.. coloquei o despertador para tocar cedo, mas levantei, olhei-me no espelho e disse: não irei..rs

        Fora três semanas com manchas, vi redução, mas na última semana, parece que voltam a nascer.. porque eu podia ficar uns 3 dias sem me barbear, porém, agora, um dia já deixava aquele manto cinza.

        Fiquei mais 30 m na cama e resolvi ir.

        Depois de atravessar uma cidade, 1:15 m depois, lá estava eu na clinica, a primeiro coisa que eu fiz foi me olhar no espelho, vendo a pele clara, sem manchas, que em poucos dias estaria coberta de inflamações… quase desisti. Por fim, falei para a mulher que a última sessão detonou a minha pele, para ela reduzir a potência das duas ponteiras. Fiz, sofri um pouco.. se com redução de potência não surtir qualquer efeito, eu dou por encerrado.. deixo para trás as duas últimas sessões.

        Acho que nem com um dermato, numa clinica, eu tenho vontade de fazer.

        Não tenho muita vontade de fazer LIP, não para pelos.. com o LIP ainda corro risco de estimular os pelos.. e eu ainda tenho mais desconfiança com LIP: de cada 10 pacotes de depilação, 8 são com LIP.. oferecem ate 50 sessões por menos de 200 reais..

        O problema deve ser a minha pele, os rapazes que fazem não cuidam da pele, não usam ácidos, protetor solar.. saem da clinica sem nada no rosto.. e não reclamam de foliculite, manchas… estão com a pele lisinha.. tem até um transex lá com pele de menina de tão lisa.

        Obrigado por compartilhar a sua experiência.

        bejos.

  13. Roberto 3 de agosto de 2012 às 19:40 #

    Nando, me deu na cabeça agora vendo as imagens, essa esteticista tá realmente fazendo a área certinho? Tem um “buracos como c cita, dá p pensar que umas áreas são puladas.
    Qto aos Solanhos. ela recebeu hoje, mas só chegou o que ela já havia anunciado, o que vc tem, vou esperar p ver seu post e decidir se quero a família completa.

    PS. Qto a Titia Shame eu acredito que seja um homem.

    • Nando Goober 3 de agosto de 2012 às 19:50 #

      Sim, está, não pula não, mas não cai de forma homogênea.. tood mundo fica com buracos mesmo.. veja a foto no final que mostra bem isso.

      É “titia” mesmo, a blogueira se revelou há uns dois meses..

  14. adrianamprado 5 de agosto de 2012 às 22:00 #

    Quanto sofrimento! Espero que tenha resultados positivos.

    Beijo

    • Nando Goober 6 de agosto de 2012 às 14:06 #

      Oi Adriana, obrigado. Vou esperar até completar a última sessão. Bj

  15. Renata 15 de agosto de 2012 às 20:23 #

    Olá, fiz o tratamento a laser Light Sheer nas aréolas (7 sessões) e não nasce mais pelos, ahh que maravilha, me incomodava demais…agora vou começar na virilha espero ter o mesmo resultado… recomendo! Desde que seja com um profissional qualificado.

    • Nando Goober 15 de agosto de 2012 às 23:15 #

      Que bom, espero ter a msm satisfação… mas são áreas distintas.. sabes que até agora ainda tenho marcas da última aplicação? :(

    • munik 1 de novembro de 2012 às 20:05 #

      Olá Renata
      Também tenho alguns pelinhos que me incomodam muito nas minhas aureolas. Semana que vem tenho uma consulta com o dermatologista que utiliza esse equipamento: Light Sheeer Duet. Mas estou preocupada de ficar manchada ou queimada. Você teve algum efeito colateral pos depilação?!

      Grata!

      • Nando Goober 2 de novembro de 2012 às 11:44 #

        Bom, no seu caso que terá consulta com um médico pode ser uma boa.. meu tratamento foi inválido, além de doloroso, não teve êxito.. praticamente 99% dos pelos voltaram. Vários, não viu nas fotos? Sempre fico manchado, com inflamações… mas na auréolas deve ser mais tranquilo.. os pelos são finos e poucos.. boa sorte.

      • Renata 10 de novembro de 2012 às 11:27 #

        Oi Munik, desculpe a demora mas hoje que vi sua pergunta…
        Olha, na verdade, eu estava esperando o resultado das aréolas pra iniciar na virilha, porém 70% dos meus pelos da aréolas voltaram, ontem conversei com a minha derma e ela me falou para fazer uma pesquisa de hormônios, que pode haver algum distúrbio hormonal ou talvez fazer mais algumas sessões( já tinha feito 8), pois nas aréolas é mais difícil acabar com os pelos.

        Quanto a sua preocupação sobre manchas ou queimaduras, não tive problemas nenhum com isso…bjussss!

        Agora, lembre-se de procurar um profissional qualificado para o procedimento ok!

  16. Luiz Villarinho 27 de agosto de 2012 às 22:15 #

    Nossa nando, vc deveria colocar um aviso de: “Imagens fortes.. tem certeza que deseja continuar?” rsrs … O uso de antidepressivos faz parte desse tratamento? Pra quem usa vários ácidos e produtos pra deixar a pele legal… Ficar nesse estado é muito triste!! Eu só consegui fazer 5 sessões e o meu rosto também ficava em um estado lamentável. Tomara que funcione bem pra você e que valha a pena todo esse sofrimento

    • Nando Goober 27 de agosto de 2012 às 22:24 #

      Aahaah.. eu não fotografo a parte mais crítica.. rs… nem me fale.. esta semana tenho outra sessão..!! Quase 4 semanas e ainda tinha algumas manchas..

  17. Bruno 9 de novembro de 2012 às 18:09 #

    Estou pensando em fazer tal tratamento com laser pois sofro com foliculite :S

    • Nando Goober 11 de novembro de 2012 às 13:02 #

      Bruno, ajuda sim… mas o pós-laser também me dava foliculite..

  18. Luis Felipe melhado 12 de novembro de 2012 às 20:58 #

    Apagou meu comentário?

    • Nando Goober 12 de novembro de 2012 às 21:03 #

      Oi, eu não apago nem modero comentários.. é que o WordPress deixa em suspenso quando é comentário novo para aprovação..

  19. Luis Felipe Melhado 13 de novembro de 2012 às 1:04 #

    É, Nando….não sei o que te recomendar. Sites de compra coletiva são complicados rs. Um serviço ou refeição mais porcaria que outro fora o atendimento. Quanto à Onodera, a época, por ser uma clínica de estética, tem a parte comercial de vender o tratamento mas acho que eles iludiram um pouco. Eu também, pelo menos no meu caso, não voltaria ao tratamento. Agora você não sei o que seria melhor. Talvez devesse consultar uma outra clínica de estética mais profissional. A Onodera não acho que seja das piores. Tem nome pelo menos. Outros serviços de estética como limpeza de pele pelo menos não tive o que reclamar.

    No meu caso, na parte entre buço e queixo, voltaram todos praticamente (95%) e não ficaram falhas por ser uma região menor. Mas no buço, apesar de ter voltado a nascer alguns e mesmo novos pêlos (já tenho 8 A das 5 sessões), o que me deixou mais feliz, ficaram umas falhas sendo que tenho passar a lâmina todo dia, como você, para uma melhor estética. Não sei se te ajuda a dica, mas às vezes, para corrigir essas mini imperfeições comparando os 2 lados, uso a pinça e tiro um ou outro folículo, tentando deixar a região mais homogênea. Fica a dica pelo menos para essa região do rosto. Abração velho

    Ps: Quanto a fazer a barba todo dia como você tinha o hábito, era realmente necessário? Geralmente em Banco o pessoal pede, mas outros trabalhos, não vejo essa obrigação. Ainda bem que no meu não tem isso pois realmente machuca a pele.

    • Nando Goober 13 de novembro de 2012 às 9:42 #

      Bom, eu não gostei do tratamento.. 5 sessões é o máximo que dá para tolerar… não faria mais em clinica de estética, só se fosse com dermato e todo aparato para a pele não ficar feia. Mas eu não pagaria 350 reais por uma aplicação.. ia e sentir um masoquista.. nossa, sofrer um bocado na cadeira com aquele light sheer.. você fez LIP, né? Quem já usou os dois jura que o Light Sheer é bem mais dolorido..

      Eu faço barba todos os dias porque realmente não gosto.. se for u domingo e eu não sair de casa, não faço.. mas se precisar colocar o pé na rua, eu faço.. eu acho difícil usar cosméticos com barba, mesmo rala, filtro físico não pega direito.. não espalha..mancha..

      Abraços.

  20. Luís Felipe Melhado 13 de novembro de 2012 às 12:26 #

    Que filtro físico tem usado? Como as peles são parecidas, talvez seja útil para mim. Saio às vezes com a barba por fazer na rua, mas sem protetor solar jamais rs. Ouvi falar desse da clarins que é voltado especificamente para a pele masculina mas achei muito caro pelo pouco que oferece. Nunca o vi também então não sei é mais gel ou creme. http://www.sepha.com.br/cat/solares/9556.html

    Tenho usado esse http://www.kutiz.com.br/gel-protetor-solar-fps-50-374.aspx/p e acho que até hoje foi o que melhor se adaptou na minha pele, apesar de acho que dá para encontrar algo melhor. Dizem que para o protetor ser eficaz, mais que o FPS, é ter as gradações de UVA na embalagem tipo o famoso +++ e esse não possui. Então, não sei se de fato protege mesmo, apesar de ser 50. Recomenda algum outro? Conheci já esses 2? Abs.

    Você parece ser branco como eu então dizem que o mínimo é fator 30. Um que achava bom era o Ansolar FPS 30 +++ mas diz que tem que reaplicar ao longo do dia, e isso não vira. Queria um que durasse pelo menos 12 hs. Já experimentei os da Adatina e achei uma droga. A dermatologista falou mal também.

    • Nando Goober 14 de novembro de 2012 às 10:20 #

      OI,

      Uso os do meu blog, no momento o Solanoveil White Milk.. dá uma excelente cobertura, mas se tiver barba rala já deixa esbranquiçada, mas isso notava até com Minesol e Anthelios..

      Clarins é uma excelente marca, alguns comentam que em termos de filtros ocidentais, são os melhores.. lembram os filtros asiáticos.. ah, esse masculino parece interessante, mas por esse valor, prefiro ficar com meu Solanoveil que custa 9 dólares..rs.. O Pedro comentou que já usou ele, mas ele só tem Dioxido de TiTãnio na fórmula..

      Como era a textura do Heliocare gel 50? Vi que tem óxido de zinco.. depende do método de avaliação do UVA, ele não diz o PA, que deve ser PA+++, pois informa o PPD 30, que é altíssimo!! Se gostas, continue usando.. gostei dele :) Vou ver se a minha dermato tem amostras dele, gostaria de testar por curiosidade..

      Sobre reaplicar, eu te respondi na pergunta acima..

      Abraços.

  21. christiane 13 de novembro de 2012 às 16:20 #

    acho que seu pelo voltou pq usastes corticoide…alguma dermato disse ok por usar budesonida???

  22. Luís Felipe Melhado 13 de novembro de 2012 às 17:23 #

    Nando, que protetor solar você usa e recomenda? Tenho usado um da heliocare fator 50 em gel pois minha pele é oleosa perto da zona T nariz e testa. Até hoje foi o que mais de adaptou mas não creio ser o melhor do mercado. Ansolar e Adatina não gostei. Gostaria de um que não tivesse que reaplicar.

    • Nando Goober 14 de novembro de 2012 às 9:48 #

      Eu uso os que aparecem no meu blog.. não são ocidentais. Já usei o Ada Tina Mate 50 e até gostava, mas comparado com os outros no mercado brasileiro..o “queridinho” Minesol OC 30 eu usava antes, mas enchia minha pele de cravos.. e comparado com os que eu uso hoje, o Minesol é longe de ser “oil control”.. nunca usei o Heliocare.. não sei se ia gostar… o fato de ser gel por até ser pior, porque tudo que eu usei de filtro em gel por aqui tinha textura horrível, pior que loção.. Anthelios, na minha opinião, é um filtro que eu só consigo usar na praia, quando eu prefiro algo bem “gordo” – até porque não vejo muto sentido usar filtros matificantes na praia.

      Filtro para não reaplicar só se tiver filtros minerais, de preferência 100% físico ou quase..os que eu uso nem preciso reaplicar, mas aplico um pouco mais no meio do dia. O meu atual – breve, resenha – eu passo ás 8 da manhã.. por volta das 13 h eu reaplico só um pouco… mas ele ainda tá intacto na pele.. ás 20 horas o filtro ainda continua lá..mesmo após treino exaustivo de quase 2 horas na academia..

      Mesmo filtro foto-estáveis como Tinosorbs não tem como prever o tempo de exposição e foto-estabilidade.. mas para isso você teria que ficar horas exposto diretamente ao sol.. para o dia a dia, uma aplicação correta pela manhã e reaplicaria umas 5 horas depois.. reaplicar a cada 2 horas é loucura, só se estiver na praia, piscina..

  23. Fernanda Maciel Maia 12 de dezembro de 2012 às 14:31 #

    Eu te aconselho a continuar, ainda por cima, porque vc já está na sétima sessão, eu faço depilação a laser a mais de 1 ano e meio, mas eu sendo vc começava a espassar essas sessões, eu só tenho 4 pêlos na axila (ela era horrorosa) e já estou na fase de depilar a próxima vez em 6 meses e assim, é um processo, vc passa para 2 meses, depois, 3, depois 4, até chegar a uma vez por ano. na minha perna eu só precisei fazer 3 vzs, como já tinha pouco, ficou mais fino e mais falhado ainda, nem manutenção faço, o buço realmente dói e eu tb faço, é bem falhado e fino, melhorou muito, mas tenho esperanças q um dia acabe.

    Só te dou um conselho, passe a fazer a manutenção numa clínica que te dê mais assistência, principalmente com o ar aplicado no local, n causaria essa sua vermelhidão, pq n permite que a pele queime dessa maneira e que tenha um médico responsável, como as sessões serão distantes uma da outra, o valor, apesar de caro, deve ficar mais acessível. A pomada que eu uso e que é ótima, normalmente, só passo ela uma vez, é a Diprogenta, acho que se vc usasse ela não ficaria com tanta mancha feia.

    Bjos e boa sorte!

    • Nando Goober 14 de dezembro de 2012 às 9:43 #

      Oi, obrigado.

      Mas meus pelos voltaram totalmente, nem sinal que eu fiz laser.. foi péssimo ter feito no final de tudo. No momento não penso em fazer mais, num futuro, com algo melhor, com menos colaterais.. posso pensar. Lá na clínica também me indicaram a Diprogenta.

      Bj

  24. Villa 12 de janeiro de 2013 às 2:16 #

    Faça com alexamdrite, NAO dói muito…resultado, bom a critério do cliente. Minha pele eh uma merda, a alto estima haaaa que que isso. Sofro com a foliculites no pôs laser. O light me deixava horrível, usava base pra ir trabalhar…mas mudei de laser e descobri o alexamdrite. Fica vermelho por umas 2 horas depois volta ao normal!

  25. mariana 14 de janeiro de 2013 às 1:48 #

    Olá Nando! seu blog é muito bacana mesmo… mas como profissional da área digo que você não teve sorte na escolha dos profissionais que te atenderam, Fisioterapeuta é um profissional capacitado e com profissão independente e regulamentada, por isso não é necessário um médico para supervisionar o trabalho que está sendo realizado. O que existe em muitas áreas chama-se interdisciplinaridade as profissões se complementam na realização de um mesmo trabalho e na busca pelo bem estar do paciente.
    O que ocorre muito e em qualquer lugar é o profissional escolhido não ter gabarito para realizar o procedimento, e isso vale para médicos (conheço muitos que fazem barbaridades) e fisioterapeutas. Existem cursos dados por empresas que locam os aparelhos de laser que duram 2 horas, 4 horas… e a pessoa já sai aplicando… Laser é uma tecnologia antiga para a fisioterapia mas só agora está sendo bem compreendida e novas pesquisas saem todos os dias. no caso do laser de diodo várias teorias ainda precisam de confirmação. é comum em pessoas jovens como você hirsutismo e flutuações hormonais, muitas vezes não perceptíveis no momento do exame, mas que são suficientes para estimular o crescimento dos pelos. e existem muitos tipos de laser no mercado talvez você não tenha se adaptado ao LS. As tecnologias desses aparelhos são diferentes e a adaptação dos pacientes a cada uma delas também. Abs.

    • Nando Goober 16 de janeiro de 2013 às 10:47 #

      Oi Mariana, tudo bem? Obrigado por sua observação. Realmente eu não seis e foi o tratamento ou a minha pele.. na verdade, porque eu tenho conhecidos que fazem em períodos e mostraram resultados.. além de não tolerar o desconforto – não costumo ser medroso, faço cauterização sem pomada, já fiz outros procedimentos.. – o pós-laser era terrível: foliculite em toda a área. O fato de ser uma pessoa que cuida muito da pele pirou tudo.. minha pele é afinada por ácidos.. já os meus amigos têm aquele pele maltratada, curtida de sol, ressecada… bom, eu desanimei também porque com 9 sessões completas eu não obtive nem 50% de redução e hoje estou com 100% de pelos novamente. Já pensei em tentar com LIP, a longo prazo, se não for muito descontável..

      Abraços.

      • Mariana 16 de janeiro de 2013 às 12:29 #

        Olá Nando já vi pelo blog que você se cuida mesmo e se interessa em saber como as coisas funcionam o que é difícil de ver em homens né!? mas você vai ter muito mais benefício disso com a sua pele no futuro… outra sugestão é tentar a tecnologia do laser milesman que possui uma ponteira refrigerada, preservando melhor a pele durante a fototermólise. e dar intervalos maiores que 30 dias… entre 45 e 60 dias e claro suspender o uso dos ácidos (aí teríamos que saber exatamente o que vc está usando) 10 dias antes e 10 dias depois de cada sessão. Abs boa sorte aí com o q vc resolver!!!

      • Nando Goober 21 de janeiro de 2013 às 9:43 #

        Oi, não conheço essa técnica.. eu sei que já um aparelho que refrigera a área antes da aplicação, mas não são todos os profissionais que disponibilizam. E para interromper o uso de ácido por 20 eu teria que dar um tempo maior, porque não ia dar certo um tratamento mensal por meses sem suar ácido.. minha pele iria ficar muito pior.

        Obrigado.

  26. Renan 22 de março de 2013 às 12:34 #

    Olá amigo, me identifiquei bastante com o seu relato, tenho a barba bem grossa e serrada (minha namorada diz que parece arame farpado rs) e no ano passado, fiz 3 sessões com o light sheer na onodera, o resultado foi R$ 1.200,00 a menos na minha conta corrente e algumas falhas que duraram alguns meses me obrigando a fazer a barba todo dia pra não ficar com a cara toda falhada. A barba já voltou 100%. Joguei dinheiro fora, esse papo de que pacote de 4 sessões é suficiente é balela. Continuo em busca de um tratamento eficaz e definitivo pois acabo ficando com cara de velho por causa do rosto “verde” de barba kkk ( típico de quem tem barba densa)… Abs.

    • Nando Goober 26 de março de 2013 às 11:26 #

      OI Renan. hoje eu posso afirmar que após 8 aplicações o resultado foi ZERO.. 100% dos pelos voltaram. Eu não faria novamente, pelo sofrimento que foi, e resultados a longo prazo, perdi a esperança. Num futuro remoto, quem sabe?

      Abraços e obrigado pelo seu relato.

  27. Daiane Souza 27 de março de 2013 às 15:14 #

    Olá Nando, gostei muito de ler como foi a sua experiência, eu estou seriamente pensando em me submeter ao procedimento com laser, a clínica que procurei utiliza o aparelho SOPRANO XL. Bom até o presente só ouvi bons comentários à respeito desse aparelho. Se vc souber de alguma crítica sobre ele peço que me informe, pois estou procurando fazer o melhor possível pela minha pele e acabar de vez com esse incômodo.

    Abraços.

    • Nando Goober 3 de abril de 2013 às 12:51 #

      Oi, espero que tenha sucesso no tratamento.. faça numa clinica dermatológica com acompanhamento e segurança.. converse com o profissional para ter ideia dos resultados. Não conheço o soprano,mas já ouvi que ele pode ser menos doloroso que o Light Sheer (mt subjetivo).

      abs

  28. Mimi 30 de março de 2013 às 21:20 #

    Ao ler os diversos comentários já estou na dúvida se faço ou não o light sheer a clínica é boa com dermatologista e tudo mas eu tenho problema hormonal (a vida inteira sempre fui obrigada a tomar pílula por causa dos ovários policísticos,ou seja produzo muita testosterona) já faço depilação com cera quente na virilha há um tempo e é ótimo(minha depiladora é sensacional) não tenho pelos encravados e não tenho um exagero de pelos ,porém devido aos hormônios eles podem crescer rápido eu queria o laser pela idéia de ser “definitivo”,por assim dizer(sei que existem as manutenções).Mas é um caso a se pensar porque não quero fazer e depois em pouco tempo(devido aos hormônios) voltar tudo ,e ainda pagar super caro. Vcs me ajudaram bastante expondo as experiências de vcs ,obrigada á todos!!

    • Nando Goober 3 de abril de 2013 às 12:44 #

      OI, talvez no seu caso funcione, vejo relatos de meninas que conseguiram bons resultados com depilação nas axilas, virilha.. é que a área da barba é realmente um martírio.. :(

  29. Roberto 9 de abril de 2013 às 16:47 #

    Nando, vc já viu o aparelho da Philips Lumea, ele é com Luz Pulsada, tem na Europa por uns 400 euros, acredito que deva não ter tantos colaterias (no max pele vermelha por alguns minutos) e surtam resultados iguais ao das clínicas de LIP.
    Existe o feminino e o masculino:
    http://www.darty.com/nav/recherche?text=lumea
    Tenho vontade de comprar p usar no tórax.

    • Nando Goober 24 de abril de 2013 às 9:58 #

      Eu já vi vários, mas não tenho certeza de como funcionaria perto dos profissionais.. mas tenho vontade de ter um para usar no rosto como tratamento para melhorar oleosidade :-)

  30. Rafael Medeiros 10 de abril de 2013 às 19:08 #

    Olá Nando

    Eu sempre procuro pesquisar sobre relatos e o seu é fenomenal, muito engraçado. Principalmente na parte de ter que esperar no ponto de onibus e os olhares estranhos quando se tem uma rotina de trabalho ativa. Chega a ser depressivo ficar com a barba falhada e ter o rosto em processo de cicatrização por 15-20dias. Eu como farmacêutico, sempre fico avaliando os resultados que por vezes não são satisfatórios. Eu me senti contando a minha própria história aqui, até porque são muito semelhantes. Estou indo p/ minha sexta sessão e acredito que não irei parar na oitava como dizem. Acho que será necessário no mínimo 12. Tirando as manutenções necessárias. Tem uma série de fatores hormonais envolvidos, para alguns individuos funciona e outros demanda mais tempo e sacríficio. Eu entendo completamente o seu depoimento. Se você reside em São Paulo, procure a clínica Emagrecentro no Butantã. Além do processo ser feito também por uma fisioterapeuta, que te permite esclarecer qualquer dúvida, é coordenada por uma farmacêutica. Com relação ao uso de ácidos, não se pode usar durante todo o tratamento, mesmo em concentrações baixas. Se o seu dermatologista te indicou isso para amenizar as manchas, então troque de dermatologista pois está colocando sua pele em teste.Entre os fatores envolvidos podem estar o uso de finasteride, exercícios físicos diários, sumplementos alimentares e até mesmo a sua alímentação interfere no resultado. Não digo para seguir a risca, até porque ninguém segue, mas tenha paciência. É um processo muito doloroso e com certeza num futuro próximo quando vc se animar vai ver que vale a pena. Procure não somente uma categoria de profissionais, todos podem participar desse processo desde a sua alimentação, uso correto dos medicamentos, procedimentos pré e pos estéticos até chegar no ponto crucial que é o acompanhamento com o dermatologista, leve a informação sobre o seu caso, ele é o único profissional capaz de diagnosticar. Não se esqueça que o bom profissional é aquele que sabe valorizar o desempenho multidisciplinar, sozinhos não somos capazes de discenir informações competentes a aréas não estudadas por nós.

    Abraço

    • Nando Goober 24 de abril de 2013 às 9:54 #

      Oi, pois e, o fato de ter uma pele tratada com ácidos piorou tudo… eu desisti por isso, não abriria mão de usar meus ácidos e atividades físicas, suplementos, apenas para ter uma barba rala.. como pode levar ate 12 meses, eu não ia ficar esse tempo todo sem cuidar da minha pele que precisa de ácidos para manter o tônus, poros e cravos cuidados..

      Obrigado pelo relato.

  31. Renata 12 de abril de 2013 às 12:36 #

    Li seu post, mas não li todos os comentários, então perdoe se disser algo já dito.

    Minha experiência com o Light Sheer foi maravilhosa. Fiz várias sessões e os pelos realmente caíram 95%. Depois de uns 2 ou 3 anos, volta de 10 a 20%, porém fracos, finos.

    Agora faço retoques a cada 2 anos, mais ou menos, mas foi a melhor coisa de já fiz para o meu corpo. Valeu cada centavo!

    Diante de minha longa experiência (já faço há mais de 10 anos, em virilha, axilas, e pernas), posso afirmar com plena certeza que o Light Sheer é o melhor, e que o resultado depende um pouco do tipo da pele (minha pele é morena, mais difícil), e principalmente de quem aplica, que potência usa, etc.

    Faça um teste com uma potência e veja se suporta bem, aumente a potência, e aumente mais, o quanto suportar e sua pele aguentar. O bom resultado depende disso, porque os pelos mais grossos não morrem com baixa potência. (Nas primeiras vezes fazia com 20 e aumentei para 42. Foi tranquilo e o resultado muito melhor).

    Já fiz com outros aparelhos e com Luz Pulsada, e não obtive nenhum resultado. É como se fizesse com cera, ou seja, volta em poucos dias/semanas. Não recomendo.

    Ah, nunca compre esses cupons de compra coletiva: Ninguém faz milagre, nem caridade. E o aparelho é caro demais para isso.

    Espero ter ajudado.

    • Nando Goober 24 de abril de 2013 às 9:30 #

      Oi, obrigado. Mas eu parei com o tratamento.. na 8 aplicação n tive redução nem de 50%.. e eu n suportava aumentar a potencia, minha pele ficava semanas fragilizada e como era mensal, sofria na seguinte…

      Bj

  32. fabi c 24 de abril de 2013 às 22:56 #

    Fiz luz pulsada na axila e foi excelente, tanto o resultado quanto a pouca dor. O aparelho se chamava Palomar Starlux. Este ano fiz uma de manutenção igualmente com luz pulsada, mas a dermato tinha comprado um aparelho para ela (em vez de alugar como antes) daí não reparei no nome do aparelho..

  33. Gustavo 24 de maio de 2013 às 0:15 #

    Eae blz ? bem eu tenho um problema de excesso de barba, no rosto até que é normal, mas no pescoço tenho e muito. Resultado ? pescoço cheio de caroços, pelos encravados e manhas. Com qualquer tipo de gillete deixa esse estrago no meu pescoço. Passei pra cera quente (apenas no pescoço) e nada adiantou, até piorou os pelos encravados.

    O que eu queria era uma solução definitiva pra acabar com isso, sério não aguento mais. Como é apenas no pescoço não teria problemas quanto a falhas. O que eu queria saber é, qual o melhor método: Laser ou LIP ?

    • Nando Goober 28 de maio de 2013 às 12:46 #

      Eu tenho problemas com gillete, minha pele dá foliculite e uso loção anti-inflamatória para isso.. tentei laser mas foi só sofrimento e não vi resultados, na época era mais indicado que o LIP, como nuca usei LIP eu não sei se vale mais a pena que o laser..mas se fizer um dos dois, procure uma boa clinica dermatológica para isso.. há mts centros de beleza oferecendo pacotes baratos de LIP que eu não confiaria..

      bos sote.

  34. Luiz 22 de junho de 2013 às 22:29 #

    Pensei que so fosse eu …

  35. Daniel 27 de junho de 2013 às 22:57 #

    Nossa, deu vontade de chorar ao ver seu post e is comentários, acabei de comprar 66 sessões pra mim e pra minha esposa, tórax barriga, virilha buço e etc…
    Gastei 1250,00 que estava guardando pra isso, não me atentei ao fato de haver ou não uma dermatologista no local, sinceramente, estava pensando em fazer na “não +pêlo” que é luz pulsada, mas algumas áreas do corpo não pode ser feito….
    Espero que não fique como vc ficou…nem vou mostrar isso pra minha esposa, ela desiste na hora, e não sou o tipo de pessoa que pede o $ de volta por desistência.
    Espero ter melhores resultados que você.

    • Nando Goober 29 de junho de 2013 às 13:37 #

      Oi Daniel, mas depende de cada profissional, hoje só faria na mão de um dermato ou assessorado por um, aliás, não sei se faria de novo.. barbear todos os dias me irrita, de todas as formas, mas fazer depilação por longos meses e depois todos os pelos retornarem.. outros métodos, como pinça, cera, estão fora de cogitação.

      Abraços e depois comente como foi.

      • Daniel 29 de junho de 2013 às 14:12 #

        Sinceramente, se não gostar das primeiras sessões vou dar um jeito de receber meu $ de volta, não tive coragem de agendar barba e pernas, do resto, vou tirar tudo, tenho fobia a pelos, minha esposa também, marquei pra mim e pra ela. Fiquei com o pé atrás de ler seu post, mas em muitos lugares li que tem resultados muito bons.
        Quando começar a fazer venho postar os resultados.

      • Nando Goober 3 de julho de 2013 às 11:55 #

        Ah, mas vc fará só no corpo.. o mais chato é a face.. os pelos da barba são mais grossos.. fora isso talvez não tenha problemas. Mas resultados só com o tempo, nas primeiras sessões você pode notar pouca diferença.. mas é muito subjetivo.. pelo menos 4 sessões e espaçadas.. acredito que até a dor será diferente..rs…

        Já li muitos relatos tbm, mas depende da clinica.. tem algumas que usam até um aparelho com gás frio para ‘anestesiar” a pele e evitar a irritação.. a minha não tinha cuidado algum assim. Eu ganhei as sessões, não faria la de novo.. nem de graça.

      • Daniel 3 de julho de 2013 às 21:21 #

        Olha Nando, sinceramente, não acredito que a clinica seja boa não, mas como disse, já paguei, primeira sessão sexta que vem, dia 12, a proprietária me atendeu, depois que paguei vi seu post e surgiram muitas duvidas. Como disse, vou esperar pra ver. Se a primeira sessão não for conforme andei lendo pela internet, vou conversar com ela e ver se pego minha $$$ de volta.
        Vamos esperar, obrigado pela força.
        Você pode citar o nome da clinica onde você fez? Fica em qual cidade?

      • Nando Goober 4 de julho de 2013 às 9:25 #

        Mas chegou a conversar com a responsável pela aparelho, se é esteticista, se tem um médico avaliando, higiene? O meu pacote foi desses de compra coletiva, eu ganhei como já comentei, mas não gostei, eles vendem para 200, sabe? Fica uma fila de gente esperando pelo serviço.. na última vez nem tinha o óculos de proteção. Eu fiz em Copacabana, mas nem comento o nome da clinica porque não quero divulgá-la. Se alguém me perguntar, em pvt, sobre ela eu não indicaria.

        Na primeira sessão aind anão dá para avaliar, porque a potência do aparelho é aumentada gradativamente, então, pode ser que não sinta dor na primeira (na face eu acho impossível ..rs ), e conforme aumenta, pode apresentar alguns colaterais. E sempre converse antes para saber qual potência será usada.. tem clinicas que usa alto numa sessão, depois reduzi, há uma progressão nos pelos, aconteceu comigo: vi áreas que estavam com buracos, surgirem mais pelos.. ai podem alegar que foram os seus hormônios.. eu ia preferir hoje fazer com um médico confiável, leia: ética.

        Boa sorte e depois comente.

        Será laser light sheer?

  36. hugo 29 de junho de 2013 às 12:49 #

    to em tratamento minha pele apos cada sessao incha e ate sai pus mas o resultado ta indo :) doi, fere, machuca mas prefiro a dor do que os maus bocados que passei com cera, pinça, e o terror gilette, que engrossou meu pelo e ia me deixar parecendo um lobisomem

    • Nando Goober 29 de junho de 2013 às 13:34 #

      Deus, até pus? Mas está vendo resultados satisfatórios?

  37. Gianchini 18 de julho de 2013 às 16:02 #

    Olá! Gostei do seu Blog. Eu sempre tive problemas com a minha barba, os pêlos são grossos e com tendência a encravar. Assim sendo, fiz algumas pesquisas sobre o procedimento à laser para eliminar de vez com a barba. Fui informado que atualmente os melhores métodos seriam o SOPRANO XL(não mancharia a pele, e teria menos dor), e o LIGHT SHEER DUET(o mais indicado para a barba). Optei pelo segundo, tendo em vista que a dermatologista de minha confiança que tem consultório em Ipanema faria a aplicação. Ela afirmou que seriam necessários 6 aplicações para “quase” eliminar por completo os pêlos da área do pescoço, tendo informado que no ”dia seguinte” eu teria vida normal, podendo fazer a barba e pegar sol(usando protetor solar), sem maiores complicações. Ela mentiu, pois além de cobrar caro pela aplicação do laser(R$550,00 cada uma), na primeira aplicação foi usado a ponteira mais moderna(maior), não fazendo nenhum tipo de preparo(gelo, pomada etc…) para amenizar os efeitos. Após esta primeira aplicação, a médica receitou a pomada ‘diprogenta’ para ser usada no local por 2 dias. A minha pele ficou vermelha e com diversos pontos de foliculite, o que perdurou por 1 semana, voltando ao normal após este prazo. Cometi após, o erro mortal de continuar o tratamento, e na 2ª aplicação ela utilizou a ponteira antiga(menor) sem me comunicar com a devida antecedência, e o resultado até agora está sendo desastroso, pois com mais de uma semana da aplicação, a minha pele está um pouco vermelha, totalmente irritada, com foliculite, e diversas manchas escuras, e não consigo fazer a barba, pois a irritação piora. Retornei ao consultório, e ela me receitou o antibiótico (tetralysal), o qual já tomei até agora por 4 dias(sem resultado). Estou com receio de que a minha pele irá ficar para sempre com estas manchas escuras. Pretendo ir a outra médico para obter uma outra opnião sobre o real estado da minha epiderme, pois perdi a confiança na médica. Se fosse hoje eu não faria o laser light sheer, e tentaria o soprano(com menos risco de manchar a pele).

    • Nando Goober 20 de julho de 2013 às 13:14 #

      Olá, obrigado pelo depoimento.

      Também optei pelo Light Sheer Duet por ser o mais indicado para a área da barba e tive só reações desastrosas, assim como você.

      Você fez barba completa ou só pescoço? Posso te garantir que a área do pescoço é a mais “suave” comparado com a área do buço, queixo.. nesta, só pega a ponteira menor, os pelos custam mais a cair.. eu teria optar pelas 10 sessões só no pescoço tbm…

      Senhor Deus.. usar a ponteira menor em toda a área é um sacrilégio.. acabava com a minha pele..

      As manchas somem com o tempo.. ficou com casquinhas?

      A foliculite é a pior coisa, porque você não consegue fazer a barba direito.. o que era para resolver a sua vida, vira um problema.

      Ela passava alguma pomada com antibiótico após a aplicação e proteção solar?? Eu não tive nada disso e levava de casa mesmo.

      Hoje eu não faria nem o Light Sheer, custou-me mt aporrinhação, desgaste e resultado ZERO.. após descontinuar as sessões.. fiz 9.. 100% dos pelos retornaram..

  38. Daniel 21 de julho de 2013 às 21:19 #

    Nando, fizemos (eu e a esposa) nossa primeira sessão em cada area, a ponteira é a pequena sim, mas a profissional pareceu ser muito competente, me deu algumas informações e dicas, o que mais gostei foi saber que ela fará todo o tratamento, isso ajuda a gente a ter mais confiança, pois ficar trocando de profissional a cada sessão me parece meio perigoso, pois não tem histórico.
    A dor é muito suportável, doí muito menos que fazer uma tatuagem, algumas áreas os resultados já começaram a aparecer (vejo que nascem menos pelos que antes), em outras parece que não fez nada…nossa próxima sessão é dia 14/8.
    Sobre a recuperação, realmente a pele fica vermelha, e arde um pouco apos a aplicação, mas some em poucas horas.
    Ela indicou que usássemos a pomada “Topisson”, que pelo menos no meu caso foi muito boa para cicatrização, não chegou nem a formar casquinhas.
    Uma coisa diferente de tudo que já havia visto é a forma de aplicação.
    Ela usa gel para aplicar, nunca havia visto o sheer ser aplicado dessa forma. A dor é muito menor que aplicando ele sem nada sobre a pele.
    Em algumas áreas formaram-se bolinhas com pus (foliculite) que sumiram por completo em 2 dias.
    Estou gostando do resultado.
    Só acho que se fosse a ponteira maior o resultado teria sido ainda melhor.
    Vou atualizando conforme for fazendo, tenho mais 6 sessões em cada área, e minha esposa mais 5.
    Abraço e boa sorte aí.

    • Nando Goober 22 de julho de 2013 às 9:02 #

      OI Daniel, quais áreas você fez com a ponteira pequena? Porque ele susam apenas em áreas menores, como buço, queixo, contorno facial, pois a ponteira maior precisa de maior espaço para “sugar” a pele.. eu usava a ponteira maior só no pescoço, dó até menos.

      A dor é muito relativo.. eu só via estrelas quando era usada a ponteira menor na face e conforme ia aumentando a potência.. eu já fiz uma tatoo que levou 5 horas.. se eu tivesse que passar o mesmo tempo numa depilação, nem iria fazer..rs

      Mas que bom que deu tudo certo.. continue relatando.. assim teremos opiniões diferente para contrapor.

      Abs

      • Daniel 22 de julho de 2013 às 19:14 #

        Nando, eu e minha esposa temos verdadeira aversão a pelos, das pernas ao pescoço contratei o sheer, tanto pra mim quanto pra ela. No meu caso, o torax e o abdomen foram as maiores áreas, mas como não é o duet, foi com a ponteira pequena mesmo, como te disse, o gel alivia muito a dor, saí de lá sem sentir dor alguma, a pomada foi apenas pra evitar formação de casquinhas.
        Tenho uma tatoo de 15 horas na perna (3 sessões de 5 horas) te falo tranquilamente que a dor nem chega perto do que senti na tatoo. Assim que vier a segunda sessão posto aqui o andamento.

      • Nando Goober 22 de julho de 2013 às 22:29 #

        Ah sim, mas eu me refiro ao rosto.. no corpo eu tbm ia tolerar bem mais.. agora o rosto e ainda ter que se barbear todos os dias com a pele inflamada..rs.. se eu tivesse optado por tórax teria sido mais feliz.. mas eu já uso um depilador elétrico mesmo e talvez até faria com luz pulsada.. mas face: pele mais sensível e sensibilizada + barbear + exposição.. eu realmente me arrependo..

        O certo seria não usar ácidos durante o tratamento, mas eu não ia ficar 10, 11 meses sem usar um ácido por causa da depilação, trocaria a barba por uma pele deplorável :P

        Mas não tem a ponteira nova, quer dizer, nem é tão nova assim.. porque a maior a depilação é mais rápida..

  39. Thiago Carioca 28 de julho de 2013 às 15:28 #

    Tadinho,que sofrimento.Eu estou fazendo laser em várias partes do corpo.Nas axilas,com o light sheer antigo,é um sofrimento terrivel,desde a primeira sessão.No rosto e pescoço com o milesman premiun,já fiz 2 sessões,e até agora foi tranquilo,só no buço que dói mesmo,no resto é suportável.O tenso mesmo é no koo,estou fazendo com o alexandrite,dói pra burro.Mas koo peludo ninguém merece né?
    Pq não tenta com o milesman?
    Se eu fosse voce nao desistia.Eu estou tentando com o milesman,se não der resultado,eu me jogo na eletrólise.Mas light sheer no rosto,eu não faço nem que me paguem.

    • Nando Goober 29 de julho de 2013 às 9:55 #

      Meu problema é que a minha pele do rosto é tratada diariamente com ácidos, eu não abro mão disso, como é um tratamento a longo prazo, embora eles gostam de afirmar que 4 a 5 sessões são suficiente (mentira!!), eu não quero interromper meus cuidados com a pele por causa da depilação. Eu vou esperar num futuro remoto um tratamento mais eficaz, com mínimo colateral..rs.. porque o light sheer é um dos melhores e eu detestei.. sem contar que tive regresso de 100% dos pelos logo após o término..

      Eletrólise? Deus me livre… depois me fale como foi..

      Abraços

  40. José Santos 4 de outubro de 2013 às 7:42 #

    Nossa… Estou na minha primeira sessão e posso dizer doí muito, mas pode suportar….
    A unica coisa que me deixou triste foi a foliculite que aumentou em 70%… Mas nem estou saindo de casa, pois a cara tá horrível, mas não vou desistir do tratamento…

    Forte abraço Nando.

    • Nando Goober 5 de outubro de 2013 às 10:46 #

      Na primeira sessão eles usam uma potência mínima para obter resultados.. depois vão aumentando conforme os resultados.. você fez Light Sheer tbm?

      Foliculite foi meu terror, era insuportável para aplicar cosméticos e até mesmo barbear depois.

      abraços.

  41. Carol 4 de outubro de 2013 às 12:25 #

    Muito boa sua matéria, eu fiz uma sessão na axila e simplesmente sumiram os pelos quase que 80 só na primeira sessão exatamente por eu ser branca com pelos grossos e negros…funciona melhor….e se os homens que tiverem dúvida em fazer ou não, não irão se arrepender…fica bem melhor (se eu objetivo não é ter mais pelos).

  42. sabrina 4 de outubro de 2013 às 13:33 #

    Nando , eu comecei a fazer a depilação á laser ontem e vi que não teve esses sintomas que vc falou , apareceu umas bolinhas na hora que sai da clínica e hoje já não tenho mais nada , fiz no rosto e no buço , doeu sim tive vários choques kkk . mais gostei .

    • Nando Goober 5 de outubro de 2013 às 10:44 #

      Oi, que bom, qual aparelho você usou? No meu caso, os pelos são mais grossos e agrupados.. e por toda a extensão da face e pescoço. Espero que tenha mais sorte.

  43. Érico 19 de outubro de 2013 às 16:10 #

    fiz a depilaçao a laser no rosto ha uma semana, sou de BH-MG,tenho 34 anos,com light sheer, custou 180 a sessao, mas consegui essa por indicação de um amigo que ta fazendo com essa fisioterapeuta e o resultado nele tá ficando otimo, doeu mais que tatuagem, bem mais, mas tudo pela beleza…..rs no outro dia ja tinha parado a vermelhidao, uns pelos começaram a querer incravar, mas aí ei passei buxa neles, e parece que estão saindo da pele agora, eu tirei uns com pinça pra ver se eles tavam caindo mesmo, mas nao sei se vao cair todos, tem uns bem duros na hora de tirar ainda, vou deixar pra fazer a barba só sexta que vem, espero que muitos caiam mesmo! daqui um mes volto lá para a segunda sessao, to rezando aqui!:)
    muito bom o blog, tb sou fissurado em estética, até fiz curso de esteticista, mas nao quero trabalhar com isso! mas aprendi muita coisa pra cuidfar da minha pele!!
    abraço!

    • Nando Goober 19 de outubro de 2013 às 21:42 #

      Que bom.. mas tu conseguiu “esfoliar” a pele? Comigo nem dava, porque tive foliculite em várias áreas.

      Obrigado. abraços.

      • Érico 24 de outubro de 2013 às 16:04 #

        ao invés de esfoliar a pele, quando os pelos começaram a se soltar , eu respei a barba mesmo os pelos que estavam meio com folicuilte, foi um estrago total, sangrou muito, mas agora que cicatrizou ta crescendo normalmente, só estou preocupado de nao ter matado muitos pelos, porque parece que ela tá crescendo por inteiro, isso que me deixa preocupado…

      • Nando Goober 26 de outubro de 2013 às 12:18 #

        Eu não fiz esfoliação, mesmo porque não dava, a pele ficava com pontos de pus da foliculite e eu poderia contaminar toda a face.. a barba eu fiz todos os dias, após a depilação, porque continua crescendo normalmente e depois, quando alguns pelos caem, fica alguns buracos e ai mesmo que você fica escravo da lâmina.

  44. Flávia 22 de outubro de 2013 às 1:13 #

    Eu também sou mulher e fiz depilação a laser no meu rosto. Usei este mesmo aparelho que foi comentado na postagem do blog e quase não senti dor e nem fiquei com hematomas e nem machucados. Talvez, seja por que, os pelos de uma mulher não se comparem aos de um homem, não sei. Houve incomodo, dor, porém suportável. O meu problema era mais buço, mesmo( e muita mulher tem bigodes, vejo várias por ai e em algumas é bem forte, assemelhando-se ao do homem ). Como me cobraram por parte do corpo e meu buço fica no rosto, seria o mesmo preço, assim eles me disseram. Então, resolvi fazer tudo, no sentido que, onde houvesse pelo, fosse exterminado. Não senti dor alguma na face, só doeu um pouco no buço, mas nada daquilo, ”para se não vou morrer”. Quem fez uma tatuagem na nuca, uma definitiva nas sobrancelhas( é praticamente uma tatuagem ) faz uma depilação a lase numa boa.

    No meu caso a dermatologista colocava gelo e disparava o laser.. colocava o gelo e disparava o laser. Foi praticamente indolor e foi muito rápido.

    • Nando Goober 24 de outubro de 2013 às 12:02 #

      Oi, sorte que você fez com um médico. Até comento sobre isso, de profissionais usarem gel ou gás gelado para amenizar dor e eritema.

      Obrigado por sua opinião.

  45. Paulo 23 de outubro de 2013 às 17:42 #

    Gostaria de saber se após as outras sessões, os pelos não voltaram de fato.
    Porque eu fui fazer numa clínica a tal da foto depilação, que usa a LIP, e digo que o resultado foi completamente insatisfatório.
    Eles prometiam eliminação indolor dos pelos de 6 a 8 sessões.
    Eu cheguei a fazer umas 10, até desanimar e parar de vez, afinal os pelos na primeira impressão até diminuiram, mas em certos lugares eles estão maiores, em mais quantidades e mais grossos…
    Ai procurei saber melhor (coisa que deveria ter feito antes) e fui numa dermatologista que disse que o único laser que elimina os pelos mesmo é esse Light Sheer. Só que no meu caso (peito, abdome e costas) fica muito caro e estou com medo de continuar não dando resultado!
    Por isso queria saber quantas sessões você fez e se realmente os pêlos foram extintos.
    Obrigado

    • Nando Goober 24 de outubro de 2013 às 11:46 #

      Paulo, se ler todos os depoimentos, verás que o que funciona para um, não deu certo para outros. Uns gostam e aprovam LIP; outros, o contrário. Eu usei Light Sheer, que seria o mais recomendando, mas não tive êxito: vi redução num período, aumento no outro, e 100 dos pelos voltaram.. fiz 9 aplicações. Mas dentro disso, há muitos fatores: profissional, sazonalidade, reações do corpo, até mesmo no quesito dor tem divergências: quem tem muito pelo grosso, sente mais.. e depende da potência, sensibilidade individual.. ali está apenas a minha experiência.

      Eu não acho que fiz numa boa clinica, se não tivesse ganho, nem teria optado.. mas comigo foi um fiasco, outros rapazes lá estavam satisfeitos.. entende? Não tem como ter garantia que 5, 10, 15 aplicações serão suficientes e como o seu corpo vai reagir.. eles falam de fatores biológicos individuais, então não há exatidão.

  46. Eduardo 30 de outubro de 2013 às 17:20 #

    Meu camarada parece até que foi eu que te contei tudo isso. Eu passei a fazer minha barba a cera, mas depois que minha esposa insistiu tanto para tentar i método a laser fui até a clínica da professora dela. Ao chegar na clínica aquele papo de sempre o procedimento e rápido e a dor tolerável, para quem faz com cera o laser e moleza. Não é bem assim! Só sei que achei a dor insuportável, mas a primeira foi tranquila já na segunda fiquei com o rosto parecendo o cara do quarteto fantástico igual pedra e queimaduras, mesmo assim fiz a terceira quase sai no meio da sessão. Bom é um procedimento muito dolorido e as reações não são nada boas, ainda prefiro a cera e depois de três sessão pode afirmar que não vi nada de resultados somente dois pequenos pontos com falhas. Obeservacao tenho a pele negra e na clínica nao tive nenhuma orientação quanto a pomadas, anestésico e assistência após as queimaduras. Agora vou continuar o procedimento com luz pulsada. Então para você que pensa em fazer antes de tudo procura todo tipo de informação necessária na internet e tenha certeza que a clínica tem o suporte necessário, também converse com pessoas que já fez.

    • Nando Goober 31 de outubro de 2013 às 13:51 #

      Mas eles nem recomendam usar Light Sheer em fototipos VI como o seu.. sorte que você não deve ter tendência a ter queloides.. e cada pele reage de uma forma, que pode variar tbm conforme área, tipo de pelo, potência usada.. eu já fiquei horas fazendo uma tatoo, mas odiei a sensação do laser na pele.. sorte ae na luz pulsada, porque eu nem em atrevo a tentar isso..rs

  47. Lucia 31 de outubro de 2013 às 17:35 #

    Eu fiz na virília e axilas e descordo dessa coisa que em homem doi mais… Nao consegui terminar a sessao e achei a dor INSUPORTÁVEL. Acredito que a dor possa ser facilmente comparada a dor de espetadas de agulhas, uma em cada póro.
    Escolhi a melhor clinica da cidade com a melhor dermatologista e saí de lá segurando o choro pois o stress é tanto por causa da dor que desabei a chorar quando entrei no carro para ir embora.
    Fiz uma sessao com direito a retoque e nao voltarei a fazer a segunda!!!
    O equipamento era o Laser de Diodo LightSheer.

  48. Ana 5 de novembro de 2013 às 19:05 #

    Olá Nando, tenho problemas hormonais por tanto bastante pelos indesejaveis no queixo e no pescoço, estava pesquisando sobre depilação a laser e achei seu blog o qual gostei muito, marquei uma avaliação no final do mês em uma clinica de estética, e gostaria de te perguntar a que devo ficar alerta quanto ao procedimento utilizado na clinica…
    Abraços

    • Nando Goober 10 de novembro de 2013 às 18:11 #

      Oi, então.. primeiro avaliar a clinica, higiene, o profissional… ele deve fazer uma análise, avaliar o seu fototipo, se faz uso de ácidos ou medicamentos fotossensibilizantes. Veja se há algum tipo de cuidado pré e pós laser – nem sempre há, mas pergunte. Neste caso, você teria que levar alguma pomada anti-inflamatória e um protetor solar. Se for numa clinica dermatológica o cuidado pode ser diferente, com aplicação de gele antes e depois. Converse sobre os possíveis resultados.. será com Light Sheer mesmo?

      Abs

      • Ana 10 de novembro de 2013 às 21:43 #

        Oi…o laser é o Milesman, e ñ é uma clinica dermatológica, é uma fisioterapeuta quem realiza o tratamento… Tô ansiosa pois ñ conheço a clinica, obrigada pela atenção.
        Abraços

      • Nando Goober 13 de novembro de 2013 às 14:42 #

        Ainda n conheço esse laser… mas veja como será no primeiro procedimento e volte para comentar. boa sorte.

  49. Andreia 16 de novembro de 2013 às 15:07 #

    Fiz umas sessões de luz pulsada – buço e virilha – há alguns anos. Tudo muito tranquilo, aguentei muito bem.
    Ano passado, como já estava com vários pelos no buço, resolvi fazer uma sessão de laser. Foi tranquilo também.
    Recentemente, resolvi fazer várias sessões no buço, até que os pelos fossem de vez exterminados. Fiz então a primeira sessão e doeu bastante, bastante mesmo. Na hora até que aguentei bem – fui elogiada pela resistência -, mas depois fiquei com uma sensação de estar com o rosto queimado, algo parecido com uma queimadura com água quente, o que durou uns dois ou três dias. Na sessão seguinte, avisei que havia doído bastante, pois foi atípico em relação ao que já havia vivenciado com a luz pulsada e com a sessão anterior de laser. Porém, a moça logo me disse que era normal e que o protocolo determinava que não havendo as ditas “casquinhas” ela deveria aumentar a potência. Reiterei que havia doído bastante e ela disse novamente que era normal. Fiz então sessão na última quinta-feira e já na sexta me acordei horrorosa, toda pintada e dolorida… Sinceramente, abandonei o barco. Deus me livre de fazer um troço desses no verão. Não tive sequer coragem de sair na rua hoje com as manchas que estou (e, obviamente, um medo pavoroso de tomar sol com essa sensibilidade).
    O que me assusta em tudo isso é despreparo das clínicas (ao menos a que conheci). Ninguém te avisa que deves estar depilada (com lâmina), ninguém te pergunta se é a primeira sessão, enfim, tudo muito mal explicado…
    Fiquei imaginando a tua dor… já que os homens têm pelos mais grossos… Deve ter sido horrível mesmo.

    • Nando Goober 19 de novembro de 2013 às 15:08 #

      OI, obrigado por compartilhar.

      Na segunda vez, feito no ano passado.. você disse que deu tudo certo, mas usou o mesmo laser que usou recentemente? Pode variar muito isso. A Luz Intensa eu observo que reclamam menos da dor.. já o Light Sheer, depende do local.. pra mim foi um suplício, que apensar da dor e infortúnios após, não vi bons resultados para justificar e dar continuidade.. e era assim mesmo: queriam aumentar a potência p garantir melhores resultados.. só que isso significava ver a estrelinha de Belém..rs.. e ter um rosto machucado por duas semanas.. vou esperar, num futuro remoto, por uma tecnologia melhor.. fato.

      Bj

  50. ariane 7 de dezembro de 2013 às 22:24 #

    Olá!
    Agora você me deixou uma dúvida, sempre ouvi dizer que em pelos grossos e escuros a eficacia é maior.. mas com você foi diferente. Eu sofro com pelos em todo o corpo, inclusive costeleta infeliz, pelos nos queixos e pescoço que tiro sempre com pinça, e são grossos e muito escuros.. minha pele é branca. Estou pensando em comprar um pacote só do rosto pra testar. Mas confesso que estou com medo de não dar certo também. Bom. é isso.. boa sorte sempre e obrigada desde já.

    • Nando Goober 11 de dezembro de 2013 às 8:53 #

      Mas vc está certa.. só que na prática vai depender da sua resistência e sensibilidade da pele.. no meu caso, ia precisar aumentar mais a potência e eu não aguentava.. além do fator profissional.. analise bem antes de comprar um pacote de depilação com laser, sabe qual o tipo de laser.. tempo de sessões..

      Boa sorte.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 524 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: