AHA by Cleansing Research Oil Cleansing N

2 mai

AHA by Cleansing Research é uma marca japonesa da BCL Company. É uma linha especifica de limpeza com Alpha-Hidroxiácidos (AHAs) e indicado para quem busca uma pele mais fresca e refinada.

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil1

São várias séries de produtos recomendadas para cada tipo de necessidade: regular, acne, sensitive, formada por limpadores em barra, óleo, gel, espuma, mousse, creme e .

Vocês poderão mais detalhes no site japonês da marca.

O AHA utilizando na composição dos produtos é o Ácido Málico, encontrado em frutas como maçã e pera (olhem o ícone da marca: uma maçã). Ele atua reduzindo a queratinização da pele, melhorando a superfície córnea, mas também pode ser utilizado como regulador de pH e aromatizador. Alguns produtos podem ter também Ácido Lático e Cítrico.

O produto que estou usando é um óleo bem diferente dos que eu já testei: AHA by Cleansing Research Oil Cleansing N:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil2

Frasco de 145 mL.

Embalagem em frasco com válvula pump que permite melhor economia do produto. Utilize dois “pumps” para toda a face:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil3

Saída dosadora pump.

Alegações: óleo de limpeza indicado para higienização profunda e renovação da pele. Remove maquiagem, mesmo rímel à prova d’água, células mortas e o sebo oxidado dos poros, prevenindo a formação de comedões.

Pode ser usado sobre a pele seca ou úmida, inclusive durante o banho.

Como afirmei acima, é um óleo diferente, porque tem uma textura mais espessa, amarelada, alguns comentam que lembra um “soro” – sabe a densidade de um mel? – e espalha suavemente sobre a pele, sem precisar esfregar o produto. O melhor é que também não escorre durante a aplicação:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil8

Um “pump” do produto e vejam como rende.

Utilizo dois “pumps” como indicado e consigo perfeitamente massagear toda a face.

Outra diferença é que pode ser utilizado com a pele úmida como se fosse um sabonete em gel ou líquido. É exatamente assim que parece.

Durante a execução, pode-se perceber o óleo “dissolvendo” o protetor solar e maquiagem, criando uma aparência de emulsão, mas isso é a mistura dos cosméticos com o óleo, porque praticamente não emulsiona quando umedecido com os dedos – não de formar uma consistência mais leitosa – e, após o enxágue, sai completamente da pele, sem deixar resíduos oleosos.

A leitora Makie, por exemplo, usa este produto com a pele úmida, no chuveiro.

Outra característica é que eu não sinto a necessidade de utilizar uma espuma após o enxágue do produto. No site eu não vi a indicação de dupla limpeza. Mas eu aplico um gel de limpeza para concluir a higienização, e ainda, assim, não sinto ressecar a pele.

Como eu já tinha lido resenhas da versão soap, que atua como um peeling químico, fiquei com receio de usar o óleo, prevendo ardência ou repuxamento, mas nada disso aconteceu

O que eu observei foi que, além de remover bem o suor, sebo e cosméticos (filtro e ), também percebi que suaviza a camada mais superficial da pele: meu nariz costuma ficar mais áspero no final do dia, com uma textura mais grossa (células mortas, sebo e protetor solar), e após a limpeza, sinto que a pele fica mais lisa. Porém, é bem sutil, mas para um óleo de limpeza, já considero um quesito positivo.

Para melhor resultado, seria indicado após o óleo, utiliza a espuma ou barra de limpeza da marca.

Não uso maquiagem, mas resolvi fazer um pequeno teste usando alguns produtos da minha mãe (batom, , lápis, sombras, rímel…):

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil4

Alguns itens de maquiagem: batom, pó, sombra…

Apliquei um “punp” de óleo:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil5

Produto antes de emulsionar.

Em seguida, massageei com a pele úmida:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil6

Durante a massagem com a pele úmida todo os produtos de maquiagem já se foram.

E, após o enxágue:

aha+by+cleansing+research+cleansing+oil7

Bastante eficiente, não?

Observem que retirou praticamente tudo. Claro que eu usei pouca quantidade de alguns itens, mas acredito que deu para mostrar a eficiência do produto. No @Cosme, comunidade virtual de cosméticos, o AHA Oil Cleansing N está com boa cotação (4.6) e tem 447 reviews. Muitos confirmam o “poder” dele em remover produtos à prova d’água.

Alguns podem não apreciar o perfume de maçã, mas eu achei bem suave e agradável (adoro odor de maçã!).

O produto não leve óleo mineral, mas óleo de girassol e derivado de óleo de coco. Já utilizei um óleo demaquilante à base de óleo de coco e gostava, o Etude House Real Art Moisture, mas óleo de girassol ainda não tinha experimentado.

A empresa alega que utiliza um óleo híbrido de girassol para facilitar a a combinação com o Ácido Málico, ajudando na remoção de células mortas (queratinócitos) escurecidos e maquiagem mais resistentes.

O óleo de girassol é rico de ácido linoleico, um dos lipídios que compõe o manto hidrolipídico, e excelente emoliente. Este ingrediente pode ajudar na reparação do barreira epidérmica, além de outros benefícios, como ação bactericida, cicatrizante, anti-inflamatório  e até mesmo anticancerígena.

A dermatologista americana Leslie Baumann corrobora que a aplicação tópica de óleo de girassol aumenta os níveis de ácido linoleico na pele (sendo necessário níveis adequados para a manutenção  da saúde da pele), reduz a perda de água trans epidérmica e diminui os sintomas de ressecamento da pele.

Além dele, o produto conta com outros ácidos graxos essências proveniente do óleo de coco, Glicerina (umectante), Ácido Málico, etc.

Na introdução comentei sobre a função do Ácido Málico, Alpha-Hidroxiácido oriundo da maçã. Os AHAs são ácidos orgânicos, extraídos de frutas, leite, cana de açúcar e do arroz. O mais popular e comumente usado é o Ácido Glicólico.

De modo geral, dependendo da concentração e pH, podem agir como agentes hidratantes ou renovador celular e são solúveis em água (hidrófilas).

Como renovadores, agem para que ocorra um aumento de novas células, tornando o estrato córneo mais liso e flexível. Podem também atuar nas camadas profundas para que haja aumento de fibroblastos e síntese de colágeno.

Obviamente não podemos esperar todos esses efeitos destacados num mero limpador. Avaliando a lista de ingredientes, pode-se notar que ambos os princípios (óleo de girassol e ácido málico) estão bem no final da lista, longo, em concentrações menores. Entretanto, o produto cumpre apenas para que a pele tenha uma higienização adequada, desvanecendo impurezas e a camada escurecida ao longo do dia.

Para concluir, é livre de óleo mineral, corantes e álcool.

- Lista Completa de Ingredientes:

Water, coconut oil fatty acid PEG-7 glyceryl, ethylhexyl palmitate, DPG, tetraisostearic acid sorbet -30, Cyclopentasiloxane, glycosyl trehalose, tocopherol, apple juice, hydrolysis hydrogenated starch, carbomer, glycerin, hybrid sunflower oil, polysorbate 60, malic acid, hydroxide K, butyl paraben, propyl paraben, methyl paraben, fragrancefrasco de 145 mL.

AHA Oil Cleansing N é óleo interessante para retirar protetor solar, maquiagem e remover o excesso de sebo e sujeiras da pele. Textura espessa, agradável, sem escorrer, boa espalhabilidade e não deixa filme oleoso após o enxágue.

Quem gostou do Etude House Real Art Moisture, talvez goste mais deste pela eficiência na limpeza, sem ressecar a pele.

E o mais interessante: pode ser usando na pele úmida durante o banho.

- Onde comprar: o meu AHA Oil Cleansing N foi adquirido com a Makie Cosmetics, custando R$ 29,00+ frente. Toda a linha AHA by Cleansing Research também está disponível no site Ichibankao, saindo por volta de R$ 45,70 (convertido para a nossa moeda).

About these ads

14 Respostas to “AHA by Cleansing Research Oil Cleansing N”

  1. Adriana Prado 4 de maio de 2014 at 14:38 #

    Olá Nando! Gostei da versatilidade deste produto. Os dias estão começando a ficar mais frios por aqui e logo dá aquela preguicinha de lavar o rosto na água fria da pia. Fazer a limpeza completa no chuveiro é tudo de bom no inverno. No fim do dia acho difícil não usar uma espuma após um limpador como este, sempre acho que a limpeza não está boa. Acha que casaria com uma espuma Bioré?

    Beijo

    • Nando Goober 6 de maio de 2014 at 10:18 #

      Casaria sim.. aquela sensação de óleo na pele pós enxágue n fica.. eu tbm faço uso de outro limpador, pelo costume mesmo.

      Bj

  2. wilhelmtheonly 4 de maio de 2014 at 18:18 #

    Comprei a barra de limpeza para pele acneica… Muito suave, na verdade não remove a oleosidade como gosto… Tenho que usar uma “redinha” faz bastante espuma, mas no fim não gostei não, e o pior é que ainda comprei a outra que é esfoliante. Vamos ver como vai ser…

    • Nando Goober 6 de maio de 2014 at 10:16 #

      Os sabonetes em barra eu não usei, sei que a versão esfoliante remove mesmo as células mortas e a gordura.. talvez goste mais… eu já prefiro produtos mais leve mesmo, que não remova em excesso a gordura..

  3. lopesgui 6 de maio de 2014 at 18:20 #

    Tava de olho nesse óleo faz teeeeempo. Agora que você me contou que dá pra usar ele com a pele úmida é que eu vou comprar mesmo.

  4. Makie 8 de maio de 2014 at 7:44 #

    Até hoje é o que mais gostei e depois que o Nando começou a comentar entendi pq gosto mais dele do que dos outros que testei… justamente pq eu uso com a pele molhada então todos os outros que testei não se mostravam eficientes. :0)

  5. Liza 8 de maio de 2014 at 19:49 #

    Olá! Primeiramente parabéns adoro seu blog já me ajudou muito a melhorar minha pele. Minhas postagens favoritas são das suas rotinas amooo
    sobre o limpadores em óleo queria te perguntar pessoalmente qual tu mais recomenda ? Minha pele é mista e quero eliminar meus cravos alguma dica?

    • Nando Goober 9 de maio de 2014 at 14:19 #

      Obrigado.. no seu caso recomendaria da Shu Uemura,

      http://vanitypills.net/2012/02/15/shu-uemura-fresh-pore-clarifying-gentle-cleansing-oil/

      É especifico para peles mistas/ oleosas e comedogênicas..

      • Marcos 24 de junho de 2014 at 22:34 #

        Olá Nando. No site da Vânia tem o óleo da Shu Uemura por R$157,70 o frasco de 150 ml, mais do que o dobro da maioria dos óleos de limpeza. Sem querer duvidas da Vânia (deve ser caro lá fora) será que vale mesmo todo esse preço?

      • Nando Goober 25 de junho de 2014 at 9:18 #

        OI,

        A Vânia revende co um preço que seria o produto caso comercializado no Brasil (com taxas de importação e lucro)…mas os óleos da Shu Uemura são mais custosos que os outros.. eu já testei óleos mais em conta e achei similar em resultados.. como o AHA..

  6. Gustavo Alves 9 de maio de 2014 at 13:45 #

    Oi Nando,

    Adoro seu blog.
    Acompanhando e recomendando.

    Como voce consegue comprar pela Makie?
    Sempre que acesso o site diz que está fechado para novos pedidos. =/

    Abraço!

    • Nando Goober 9 de maio de 2014 at 14:16 #

      Nos coments ela comentou que o site está passando por reformulações.. e no mesmo ela postou e-mail de contato para pedidos..

      Obrigado.

      • Gustavo Alves 12 de maio de 2014 at 13:19 #

        Obrigado Nando!

Trackbacks/Pingbacks

  1. AHA – Oil Cleansing N | Makie Cosmetics - 9 de maio de 2014

    […] AQUI (Vanity […]

Os comentários estão desativados.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 640 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto:
- nice8 - price6