Tag Archives: Acne

Mandom Lúcido Ageing Care Oil Control Lotion

14 mai

A Lúcido é uma marca da japonesa Mandom Corporation. Ela tem como target os homens na faixa dos 40 anos que buscam cuidados com a pele e o cabelo.

mandom+lucido+age+care+oil+control5

A linha é bastante diversificada, tem desde produtos para a face (incluindo barba), corpo, banho, cabelo – com uma linha profissional para salões – e higiene pessoal (gente, tem produtos para o suor forte exalado na área da nuca, nunca reparei nisso!).

mandom+lucido+age+care+oil+control4

Uma linha que abrange todas as necessidades.

No público-alvo destinado, temos um tipo de pele que, embora ainda tenha uma produção ativa das glândulas sebáceas, já demonstra sinais de desidratação e envelhecimento.

A perda de água transepidérmica começa por volta dos 25 anos, tornando as linhas dinâmicas mais aparentes com o passar do tempo  A desidratação e ressecamento podem também tornar a pele mais áspera e sem elasticidade. Logo, é preciso equilibrar o excesso de óleo, hidratar – volto afirmar sobre a integridade da barreira cutânea- e prevenir que as rugas se instalem de forma progressiva.

Mas alguém pode questionar: eu não tenho 40 anos, logo não preciso deste produto. Bom, não gosto muito de “rotular” cosméticos por faixa etária e gênero, estamos analisando teoricamente, porque sabemos que cada pele é singular.

Há várias classificações para as rugas, como a do Dr. Richard Glogau, que elaborou uma categorização que avalia a pele conforme o fotodano (linhas/ rugas, distúrbios pigmentares, querotoses/ alterações vasculares…).  Podemos incluir ainda a ptose (flacidez da pele).

Um indivíduo de 20 anos já pode demonstrar sinais de desidratação, manchas e linhas enquanto que uma pessoa com o dobro pode ter uma pele radiante e equilibrada. Inúmeros fatores intrínsecos e extrínsecos, grosso modo, genéticos e ambientais, afetam a funcionalidade da pele e podem levar a alterações nos processos fisiológicos de cada um.

Existe um marketing – ultrapassado – que a pele masculina é mais espessa e oleosa ou que a pele oleosa não precisa de hidratação. São conceitos que já foram revistos e atualizados.

Neste estudo, mostra como o uso de hidratante, em especial, com ceramidas, pode ajudar no processo de combate à acne. E deve ser considerado em pacientes tratados com essae distúrbio.

Algo que eu observo bastante é que os homens preferem produtos mais multifuncionais, devido à praticidade e o tempo, e que tenha um sensorial agradável.

A marca Lúcido foi uma agradável surpresa porque responde as expectativas acima. Pelo menos o produto desta resenha: Mandom Lúcido Ageing Care Oil Contron Lotion:

mandom+lucido+age+care+oil+control1

Frasco de 120 mL.

Alegações: manter a pele hidratada e oleosidade controlada. Possuo um de alta absorção do sebo para um toque sedoso por longo período. Contém Coenzima Q-10 e aminoácidos para repor umidade no estrato córneo e permitir uma pele saudável. Livre de corantes, conservantes e perfume. Contém álcool (etanol).

Indicações: prevenir o de o excesso de oleosidade, ressecamentos, infamações pós-barba (foliculite), acne e queimaduras.

mandom+lucido+age+care+oil+control2

Tampa Flip-top para melhor dosagem do produto.

A textura é incrível, embora seja uma lotion (loção), a sua consistência lembra um gel siliconado, levíssimo, incolor, viscosidade similar à lágrima, que ao espalhar sobre a pele se desfaz como uma água, parecendo, então, uma loção:

mandom+lucido+age+care+oil+control3

O produto sai em “gotas” e seis são suficientes para toda a face.

Espalha fácil e absorve incrivelmente rápido, em questão de segundos, a pele fica com o toque que eu mais amo em alguns produtos japoneses: sedoso e atalcado.

Mas para que não gosta de sensação de “esfriamento”, por causa do Hamamelis e Mentol, pode não apreciar.  Geralmente associam essa percepção à limpeza (frescor). É imediata a aplicação e não perdura, sinto mais na área onde fiz a barba. Outro, porém é a presença de álcool  na fórmula, que pode não ser indicado para peles sensíveis. Incluo-me nesse grupo e não tive problemas, mas fica como observação.

Como citado, não tem perfume, mas o odor natural de Mentol. Diria que lembra produtos masculinos mesmo – um pós-barba.

Quanto mais quantidade você aplica, mais esse sensorial aparece, podendo ser usado até como primer, entretanto não tem efeito de “esconder” imperfeições (poros dilatados, por exemplo). Mas é esse sensação, pele macia e sem óleo, minutos após que se apresenta.

O acabamento final facilita o “deslizamento” de filtros solares e pós, por isso, poderia ser utilizado como primer.

A sua praticidade combina com qualquer tipo de produto: já usei após um tônico; depois do serum antioxidante; como balm pós-barba; hidratante; pré-make; até mesmo como uma loção.

Não entra em “conflito” com nenhuma outra textura. Porém, prefiro usá-lo após um serum ou cosméticos mais leves/ líquidas,  porque, como ele tem silicone/absorvente, conferindo essa sensação sedosa, talvez interfira na absorção de outros produtos.

Na lista de ingredientes temos o Dipotassium Glycyrrhizinate – um quasi-drug no Japão  – que proporciona ação anti-irritante e anti-inflamatória. O ativo é bastante utilizado em fórmulas para peles sensíveis, acnepós-barba, etc., inclusive está presente na nova linha da Cetaphil, DermaControl.

Outro ingrediente destacado é a Ubiquinone (Coenzima Q-10) que teria ação preventiva contra os males da radiação solar.  Como neste estudo onde a Q10 demonstrou suprimir a expressão de colagenase em fibroblastos dérmicos após exposição aos raios UV-A. Neste outro, há indícios que a ativo poderia melhorar o aspecto do foto envelhecimento.

Há também Ascorbyl Glucoside, derivado da Vitamina C, também considerado um quasi-drug,com vários efeitos benefícios à pele: antioxidante, clareador, hidratante

Ainda, o aminoácido Acetyl Hydroxiproline, que poderia aumentar a síntese de ceramidas na pele, melhorando a função da barreira e prevenindo ressecamentos e alívios em sintomas de dermatite atópica.

Este ingrediente é encontrado em quase toda a linha da Astalift como o nome de Pico-Collagen: “um colágeno muito menor que o normal, ele pode penetrar na pele por meio de espaços entre as células córneas, atuando dentro da pele para restaurar a elasticidade da pele”.  Aqui vocês poderão ler melhor sobre as pesquisas da empresa.

Na linha Infinesse, da Albion, a Hydroxipropiline é destinada a ajudar no processo de produção de colágeno por meio das células fibroblásticas.

Podemos citar os benefícios do extrato de Soja, como prevenção dos males causados pela radiação solar, entre outros, O Pedro fez um ótimo artigo sobre o ingrediente e eu sugiro como leitura.

O polímero que dá o aspecto “elegante” à pele (macio, sedoso, levemente opaco, sensação de pó… ), é o Methicone Silsesquioxane Crosspolymer. Aliás, recentemente li que a D’altomare, empresa que atua no mercado de soluções em matérias-primas, trouxe ao Brasil o portfólio da alemã Basf, entre eles, novos tipos de silicones, como Dow Corning ES-9801 Hydro Cosmetic Powder: “elastômero de silicone em pó, fácil de usar em diferentes meios, dispersível em água e óleo. Confere sensorial suave e talcado, efeito “soft focus”, absorção da oleosidade da pele e de óleos e fluidos diversos”.

Será que num futuro próximo poderemos contar com filtros solares e outros cosméticos com texturas similares aos asiáticos?

- Lista Completa de Ingredientes:

Dipotassium glycyrrhizate, ubidecarenone, n-acetyl – l-hydroxyproline, l-Ascorbic acid 2-glucoside, hamamelis extract, soy extract, purified water, ethanol, cross-linked silicone-type silicone block copolymers/ Methicone Silsesquioxane Crosspolymer, trimethylglycine, silicic acid, dipropylene glycol, glycosyl trehalose and water hydrogenated starch hydrolysates of mixture, maltitol solution, polyoxyethylene hydrogenated castor oil, polyvinylpyrrolidone, carboxyvinyl polymer, l-menthol, Potassium hydroxide, acrylic acid and methacrylic acid alkyl copolymer, edetate disodium, 1.3-butylene glycolfrasco de 120 mL.

Lúcido Ageing Care Oil Control é um produto multifuncional (hidrata, protege, previne) para homens que buscam conforto e praticidade. Textura única, agradável e que permite um acabamento sedoso à pele. Pode ser usado como uma loção, hidratante, pós-barba…

Embora indicados para homens, nada impede das mulheres usarem, no @Cosme tem dois comentários de mulheres que “testaram” a lotion.

O efeito oil-control é sutil, como eu uso outros produtos (filtro e pó) tenho melhores resultados. Entretanto, à noite, aplico ele e deixo por umas três horas, sem usar meus ácido noturno e pude observar que nesse meio tempo, o brilho tarda a aparecer. Só de poder usar um cosmético com ótima espalhabilidade, excelente absorção e com bons ingredientes, sem “afetar” os outros produtos, compensa.

O preço é ainda mais convidativo, por volta de sete dólares!

- Onde comprar:

O meu foi adquirido na Makie Cosmetics e custa  R$20,00 + frete. Na Rakuten está por $ 6.24. Que preferir no Brasil, a Vânia Cosmetics aceita encomendas.

Mudando um pouco o foco…

30 jan

Eu já comentei com alguns leitores que a minha rotina mudou depois que comecei a fazer curso profissionalizante para a área de Estética e Beleza. Então, vou passar a intercalar resenhas de produtos com um pouco da minha – nova – área, que tal?

Confesso que eu tinha (tenho) alguns “conflitos ideológicos“, mas, aos poucos, vou conhecendo alguns pontos e, realmente, observando que dá para conciliar procedimentos estéticos, rotina home care (incluindo prescritos por um dermatologista) e somar resultados.

Explico esses conflitos: particularmente, meus estudos sempre foram focados em pesquisas científicas e evidências, o que reflete na área médica e farmacêutica, enquanto que áreas de cosmética e beleza, julgava muito “pseudo-ciência” e marketing.

Bom, no momento estou em fase de práticas, onde fazemos atendimento gratuito. O módulo é de tratamento de Acne.

Nesta semana, acompanhando dois “casos”, fiquei realmente confiante nos resultados. Comentarei melhor a seguir.

O que nos focamos nesse tipo de atendimento é desinflamar a pele, contando com o auxílio de aparelhos de  eletroterapia, que atua na transmissão de fluxo elétrico com diferentes tipos de correntes, como Microcorrente e Alta Frequência.

No aparelho abaixo, meu “colega de trabalho“, tem as duas funções:

rotica+estética1

A Microcorrente é uma técnica não evasiva, que atua como eletroestimulante.  Ele emite uma corrente contínua ou pulsada com baixa voltagem, onde não há sensação de corrente elétrica, por isso, nenhum tipo de incômodo porque é similar ao campo eletromagnético do corpo.

A ação na pele é aumentar o metabolismo celular, assim, melhora a oxigenação, aporte sanguíneo, estimular os fibroblastos (acelera a produção de colágeno) e o sistema linfático, dá energia às células (ATP) para melhor funcionamento da pele.

Como estimula novas células, ajuda na ação de cicatrização e o aumento da síntese de ATP (Adenosina Tri Fosfato), auxilia no processo desinflamatório e de cicatrização da pele.

Basicamente consiste em manter eletrodos sobre pontos da face por um determinado tempo para que a microcorrente possa agir.

microcorrente+ibramed

Foto: Ibramed

A Alta Frequência é um aparelho que trabalha com correntes alternadas de alta frequência e que em contato com gases dentro do eletrodo forma ozônio. Sua ação é bacteriostática, antimicrobiana, fungicida, vasodilatadora, etc.

Ele é usado para desinfecionar a pele, após a extração manual, quando há o rompimento de líquidos com conteúdo de bactérias que podem ocasionar contaminação (lembra aquele velho conselho de nunca “cutucar” uma espinha?).

E também, independente de extração, usamos para efeito antisséptico e para melhorar o aporte de sangue na pele. Quero ter um desses para usar, algumas vezes na semana, após o barbear e prevenir foliculite. Ele “cauteriza” a área.

No protocolo de acne, usamos alguns tipos de eletrodos de vidro, como o esférico (para áreas maiores) e fulgurador, que tem um bico menor, para áreas isoladas. Aplicado em toda a face e também diretamente sobre as lesões.

alta+frequencia+ibramed

Foto: Ibramed

A sensação na pele pode ser de um “leve choque” (nada assustador, depende da sensibilidade de cada um), e, dependendo da intensidade, gerar leve hiperemia por causa do aumento da circulação periférica

Pode-se também usar a ação do Ozônio por meio de um aparelho que emite vapor, este facilita a extração e deixamos o cliente com uma solução emoliente na face e umas máscara feita de bandeletes de algodão. Aquela coisa que a sua avó fazia, colocando o rosto próximo ao vapor da panela para ajudar na extração de cravos.. rs

rotina+estética2

Com esses dois procedimentos, temos alguns efeitos terapêuticos, como bactericida, controle inflamatório, analgésico, redução de edemas, melhor oxigenação, etc.

Outro passo é extrair as lesões inflamatórias, muitas advém de  comedões fechados e nódulo que vão “aflorar” na superfície, e drenar o conteúdo de secreção (pus, sangue e sebo) na pele.

Basicamente consiste em apalpar, sentir os grãos, usar de técnicas para tracionar e extrair cada comedão e pústulas, muitas já na derme que ocasionalmente expelem sangue e pus. Tudo manual, com luva e algodão, além de máscara e toucas descartáveis, respeitando a assepsia.

É a parte mais demorada e chata, mas fundamental. Confesso que já comecei a criar euforia na hora de extrair comedões e pústulas.

Quando você começa, a pele tende a ficar ainda mais avermelhada e aplico compressas com loção calmante. Porém, no término com a Alta Frequência, a pele já melhora consideravelmente do eritema inflamatório.

Por fim, o outro ponto é respeitar a integridade de cada pele, que, em muitos casos, já chega sensibilizada por tratamentos tópicos e orais. Assim, adequar produtos e procedimentos manuais combinado com cada cliente.

Há dois rapazes, acne primária, fototipos diferentes e cuidados distintos prescritos por médicos.

O primeiro, um jovem de 19 anos, fazendo uso de Roacutan há alguns meses, na primeira semana apresentou uma pele bastante congestionada, inflamada, eritema, pústulas e comedões abertos, nódulos e  descamação superficial. Por ser um fototipo mais claro, não presentou tantas hipercromias pós-inflamatórias.

Após três semanas, com protocolos semanais, a pele estava mais “aliviada” por assim dizer, com redução da congestão tecidual, vermelhidão reduzida, visivelmente melhor oxigenada.

Nos três protocolos priorizou-se os três pontos que eu citei: eletroterapia, ozônio, extrações e evitar ácidos, abrasivos – não romper as pústulas antes da extração – e adstringentes na pele.

O segundo cliente foi o que mais me surpreendeu. Jovem, com fototipo mais alto, lesões numerosas, hipercromias e cicatrizes hipertróficas.

rotina+estética3Tratei da pele dele – ele foi minha “cobaia” – quando ainda estávamos em módulo de limpeza Facial. Após 5 sessões, sempre otimizando as extrações e desinfecionando a pele, o resultado foi mais animador. 

Neste caso, topicamente ele usava sobre prescrição um sabonete com Ácido Salicílico e, há duas semanas, uma fórmula com Glicólico e Hidroquinona. Assim, a pele estava com controle seborreico normalizado devido aos ácidos.

Na última semana, ele estava com a pele com praticamente 70% da acne controlada, inflamações superficiais, redução visível das manchas e eritemas. A pele estava melhor oxigenada. Sabe aquele tipo de resultado que chama atenção de todos? Assim mesmo.

Infelizmente, encerrando o módulo não poderei acompanhar novas evoluções, provavelmente eles retornarão para procedimentos de clareamento onde poderemos tratar algumas sequelas, provavelmente, dependendo de cada caso, com técnicas de microdermoabrasão e eletrolifting.

Futuramente, publicarei mais  informações da minha rotina. A ideia para o post de hoje era ter fotografado um “antes e depois“, mas não deu. Resolvi publicar fotos dos dois com o rosto “coberto” para manter a privacidade.

Abraços.

Gift Review: Etude House Real Art Cleansing Oil Light

1 nov

Um dos melhores óleos demaquilantes que eu já usei foi um óleo da marca sul-coreana Amore Pacific, especificamente da linha Etude House Real Art Cleansing Oil.

real+art+light2

O primeiro foi a versão Moisture e, por incrível que pareça, eu nunca cheguei a resenhá-lo aqui, mas o Pedro e a Meire já detalharam tão bem que nem procurei descrever.

O Moisture proporciona uma higienização bastante eficaz, mantendo a pele integra após a limpeza. O diferencial é que rende bastante, desliza suave, tornando-se mais emoliente que os outros óleos que eu testei.

Pode ser usado em pele mais seca, mas não tive problemas aplicando na minha pele oleosa.

Outro diferencial é que não só o Moisture, como os outros óleos limpadores da marca, usam óleos vegetais na composição: óleo de coco, lavanda, laranja, melaleucaargan, etc. Desta forma, quem tem alergia ao óleo mineral, poderá optar por algumas das versões.

Em vista disso, interessei-me por outras versões da marca, como o Etude House Real Art Cleansing Oil Light:

real+art+light1

Alegações: indicado para peles oleosas e propensas à acne. Remove efetivamente maquiagem e as impurezas no interior dos poros, sem sensação gordurosa após a limpeza. Controla a oleosidade e acalma a pele.

Contém óleo de Lavanda e Laranja. Não contém parabenos,  álcool, óleo mineral, ingredientes derivados de animais e artificiais. Dermatologicamente e oftalmologicamente testados.

Nota: a embalagem tem a praticidade de ter informações em japonês e inglês.

O produto vem em um frasco resistente, com a válvula pump separada, além de “trava” de controle, permitindo transportar – possui também uma tampa de rosca para proporcionar maior segurança – o demaquilante em viagens sem correr o risco de causar vazamentos:

real+art+light4

A embalagem é um “primor”: a cara de espanto da Mona Lisa é porque suas sobrancelhas foram “apagadas” pelo óleo de limpeza, mostrando a eficiência do produto, numa alusão que ela tinha sobrancelhas pintadas.

Aplicar dois ou três “pumps” para uma higiene completa. Com dois “pumps” eu consigo um excelente aproveitamento do produto porque a válvula facilita a dosagem.

Ele é um pouco mais líquido que a versão Moisture,  que tem textura consistente – e talvez um pouco menos que o Shiseido Perfect Oil. Tem ótima espalhabilidade, muito suave para massagear a pele e a sensação dele é mais agradável que de um limpador à base de óleo mineral, sem muita viscosidade, entende?

Essa consistência é um ponto positivo porque permite melhor aproveitamento do produto, em menor quantidade, ou seja, percebi que ele rende bem mais que os outros óleos.

Fotografei, mas como é um óleo transparente – as cores observadas nas embalagens são provenientes das próprias e não do óleo em si – fica difícil visualizar:

real+art+light5

Não sei se preciso descrever o seu modo de uso, mas é para ser usado como a maioria dos óleos de limpeza: na pele seca, posteriormente, deve-se umedecê-la – o sugerido é aplicar água morna – e massagear novamente, emulsionando. Enxaguar com água abundante.

Ele tem uma leve fragrância que remete à lavanda – só remente, mas particularmente eu adoro o odor natural da lavanda – e acredito que não deve incomodar quem não goste do perfume com odor similar.

Resultados: foi um dos óleos que eu mais senti uma “limpeza profunda”, retira completamente o protetor solar (seja líquido e/ou em pó) e a oleosidade, aliás, neste ponto, até mais do que eu costumo apreciar num óleo demaquilante.

Eu poderia “pular” a segunda etapa, usando uma espuma para finalizar.

O Real Art Light não deixa resíduos viscosos sobre a pele e nem há a indicação de uma segunda limpeza, mas por hábito, sempre prefiro. Porém, mesmo usando uma espuma suave e hidratante, senti a pele repuxar, aquele efeito tensor de cútis bastante seca.

No início, quando os dias estão mais amenos, preferia nem aplicar a espuma de limpeza.

Por isso, recomendo usá-lo apenas como seu único limpador/ demaquilante, sem a necessidade de “double cleansing”. Eu usava desta forma o Shu Uemura Clarifying Gentle com ótimo resultado.

Eu não fiz teste com maquiagem, mas consultando várias resenhas, pude observar que ele confere excelente limpeza em diversos itens de maquiagem: máscara, batom, lápis, delineador, blush, etc. Algumas blogueiras comentam de 100% de satisfação com o uso dele.

Infelizmente, o mais chato veio depois, porque senti uma maior sensibilidade na pele, tanto ao toque quanto pela presença de placas avermelhadas. Percebi que poderia ser de algum dos óleos do produto.

O óleo de Lavanda, por exemplo, pode ter uma ação antibacteriana, porém, também pode irritar a pele, recomendando evitá-la em produtos de tratamento e usando-a apenas como agente aromaterápico.

Extratos e óleos de lavanda são encontrados em listas de ingredientes potencialmente irritantes/ causadores de alergias e que devem ser evitados.

Neste estudo, mostra que extrato de lavanda – assim como de menta e óleo de tea tree (melaleuca) – estão entre os ingredientes que mais causam dermatite de contato.

E para arrematar, o óleo de Laranja, também presente na fórmula, pode ser facilmente encontrado em listas de ingredientes sensibilizantes assim como a lavanda.

Eu procurei testar o produto por diversas vezes. Usava-o por uma semana, pausava na seguinte, limpando a pele com outro demaquilante, no caso, o Bioré Aqua Jelly. Com este, não sentia nenhum tipo de reação adversa.

Quando voltava para o Real Art Light, a pele ficava sensível a tudo, qualquer ácido já deixava irritada e notava o surgimento de pontos avermelhados no dia seguinte. Sem contar que ela ficava dolorida ao toque ou ardendo quando aplicava qualquer outro produto.

Na embalagem há a recomendação de descontinuá-lo em caso de irritações e ressecamentos e evitá-lo em contato com os olhos:

real+art+light6

Quando procurei ler resenhas sobre ele na eficácia como demaquilante, não percebi reações similares, pelo contrário, o Real Art Light é apontado como um excelente produto, em algumas resenhas, ela é indicado como um óleo removedor até mais prático que o Moisture.

Como sempre deixo claro, coloco apenas a minha opinião (subjetiva) e um cosmético que não me serviu, pode ser apreciado por outro tipo de pele.

- Lista Completa de Ingredientes:

C12-15 Alkyl Benzoate, triethylhexanoin, cetyl ethylhexandate, peg-20 glyceryl triisosterate, caprylic/ capric triglyceride, isopropyl palmitate, peg-8 isosterate, isostearic acid, lavandula angustifólia (lavander) oil, rosa canina flower oil, citrus aurantium dulcis (orange) oil, fragrancefrasco de 200 ml.

Confesso que as reações adversas me desanimaram de continuar usando o óleo de limpeza. Como puderam observar na foto, não utilizei nem metade dele.

O Real Art Light retira toda a maquiagem de forma eficiente, remove as impurezas nos poros e a oleosidade, mas recomendo usá-lo como único limpador. Pode ser usado até como substituto do seu sabonete facial matinal.

Para peles sensíveis e “problemáticas”, no entanto, indico testá-lo antes, principalmente se apresenta intolerância ao óleo de lavanda.

O frasco pode render bastante e o valor dele revendido no Brasil sai mais em conta que um bom demaquilante nacional. Embora não tenha gostado da versão Light, ainda pretendo conhecer as outras versões e recompraria a Moisture.

- Onde comprar: o meu foi uma cortesia da Vânia e custa R$ 59,70. No Cosmetic-Love pode ser encontrado por $20.00. Já na Makie Cosmétics custa R$28,00 + frete. 

Paula’s Choice Resist BHA 9 Spot Treatment

1 ago

Tenho usado continuamente uma loção com Ácido Salicílico para manter a pele sempre renovada e com os poros mais limpos.  Uso esta loção aqui e comentei na resenha sobre as propriedades do Ácido Salicílico na pele, como:

paulas-choice-resistBHA9-2

- Desobstrução dos poros: segundo Paula Begoun, o Ácido Salicílico remove as células mortas na superfície da pele como também atua na remoção dentro dos poros, facilitando o fluxo de sebo até a superfície e prevenindo obstruções, cravos e inflamações.

- Tratamento de Rosácea: BHA permite uma esfoliação mais suave em peles propensas à rosácea, que não suportam tratamentos com Tretinoína e outros derivados da Vitamina A, além de ter propriedade anti-inflamatória, o que ajuda a acalmar a pele (fonte). Também pode ajudar a reduzir o rubor e cuidar da pele com rosácea e que também sofre de cravos e espinhas (fonte). Claro, com orientação médica para observar qualquer reação adversa.

- Tratamento de peles oleosas: por todas as citações acima, o Ácido Salicílico é ingrediente clássico em produtos para peles oleosas e acneicas, por sua ação queratolítica, melhorando o fluxo de óleo na pele; antimicrobiana, evitando cravos e espinhas; redução de manchas vermelhas e cicatrizes de acne do passado; ação anti-inflamatória, reduz a irritação na pele (fonte e fonte).

- Tratamento de manchas, rugas, pele desvitalizada: o Ácido Salicílico bem formulado (isso depende da pH do produto para obter melhor resultado na esfoliação) atua para reduzir rugas, estimular o colágeno e permitir melhor firmeza da pele, melhorando o aspecto de peles danificadas pela ação do sol.

Como aumenta a taxa de renovação celular da pele, usado em conjunto com um ingrediente clareador que interrompa a produção de melanina, funcionam de forma sinergia contra as manchas (fonte e fonte)

- Cuidado para pele masculina, barba, foliculites: com as propriedades queratolíticas (esfoliação) e antimicrobiana, melhora a espessura da pele e evita a contaminação por bactérias, assim, os pelos podem ser removidos de melhor maneira, prevenindo inflamações no folículo piloso (foliculites) e pelos encravados (fonte).

- Tratamento de hiperplasias sebáceas: hiperplasia sebácea é uma desordem das glândulas sebáceas que aumentam de tamanho e tornam-se permantes na face, em forma de pequenos caroços claros. Indivíduos de pele clara, sensível e com maior produção de sebo podem ser acometidos desse problema.

Embora o Ácido Salicílico, em concentração cosmética (0.5% a 2%) não responde de forma eficaz no tratamento de hiperplasias, sendo necessário intervenção de um dermatologista, como o uso de tratamentos mais abrasivos, no geral, um cauterizador para remover completamente as hiperplasias (fonte).

Mas o uso diário de um produto com BHA, mesmo em doses baixas, pode ajudar na manutenção da pele, removendo o acúmulo de células mortas, desobstruindo os poros e reduzindo as inflamações prevenindo assim o surgimento de novas hiperplasias.

Eu sofro dessa desordem e era obrigado, todo ano, a fazer cauterização na pele para retirá-las. Percebi que, embora a loção com 2% de Ácido Salicílico não reduziu as imperfeições, eu observo uma melhora continua no surgimento de novas hiperplasias.

Porém, a Paula Begoun desenvolveu um produto com 9% de Ácido Salicílico, com melhor atuação nas hiperplasias. É o produto que vou resenhar hoje, acrescido de algumas indicações: Paula’s Choice Resist BHA 9 Spot Treatment

paulas-choice-resistBHA9-0

Segundo a empresa, é um produto formulado com a mais alta concentração de Ácido Salicílico em cosmético. Age como um tratamento para imperfeições mais resistentes, com BHA encapsulado e de liberação controlada, reduzindo qualquer tipo de irritação pelo produto, mas sem interferir na sua ação poderosa. Pode ser usado por qualquer tipo de pele, incluindo peles com rosácea ou eczemas.

Resist BHA 9 é multifuncional: redução de danos causados pelo sol, rugas, manchas e ressecamento; minimiza poros dilatados e obstruídos; refina a textura da pele; diminui cravos brancos e pretos, remove e amacia peles ásperas ou espessas; minimiza hiperplasias sebáceas, queratose pilar e foliculites, etc.

Sem álcool, corantes e perfume. O pH do produto: 3.2 – 3.5.

*Sempre informo que para uma ação esfoliativa do BHA, o mesmo deve ser formulado em pH entre 3.0 e 4.0 (fonte), mais ácido. Acima disso, ele já reduz o seu potencial neste quesito e é por isso que eu não recomendo mandar formular loções e cremes com BHA. Por experiência, eu prefiro no pH entre 3.2 e 3.4. Abaixo de 3.0 pode ser mais irritante à pele.

Resist BHA 9  pode ser usado em toda a face ou em áreas menores, onde há imperfeições. Mas tudo depende de como a sua pele vai reagir.

Eu indicaria em áreas isoladas, onde há algum incômodo (cravos, espinhas, manchas, hiperplasias) ou uma a duas na semana em toda a face, substituindo seu produto de tratamento (como Reinóides, AHAs, Hidroquinona…) para observar a reação.

No FAQ na pagina do Facebook, por exemplo, informa que ele pode ser aplicado em pontos isolados e depois manter o seu cuidado diário, como clareador e ou prescrição de um retinóide. Também pode ser usado no contorno inferior dos olhos, para minimizar linhas e reduzir pápulas brancas (milia).

Não deve ser usado por indivíduos alérgico à aspirina e derivados.

O produto vem num frasco cilíndrico, semelhante a um  corretivo, com 8,4 ml ou em Deluxe Sample de 0.83 ml:

paulas-choice-resistBHA9-4

No original, maior, há uma saída dosadora em válvula pump que permite controlar a quantidade, como vocês podem observar na foto abaixo:

paulas-choice-resistBHA9-3

Eu adquiri dois Deluxe Sample para testar em áreas isoladas, então, vou me basear nele.

A textura parece uma loção mais espessa, viscosa, transparente, embora em fotos quando em maior quantidade se mostra levemente amarelada:

paulas-choice-resistBHA9-1

Eu resolvi fotografar quase no final do meu último frasco, por isso, a imagem não está muito boa. Há vários reviews, como este, onde vocês poderão observar melhor a textura do produto.

Eu não usei em toda a face, mas pelos reviews que eu acompanhei, não tem bom espalhamento. Deve-se aplicar e massagear a área para melhor absorção, porém, eu sinto como se tivesse um filme sobre a área por vários minutos. No rosto todo, talvez possa ficar pegajoso, mas em pontos isolados, desaparece em 10 minutos.

Imediatamente ao aplicar o produto, eu senti uma leve ardência que desapareceu em alguns minutos. Não mostrou vermelhidão no ponto, nem tive qualquer outra reação ao aplicar outros produtos, como meu Retinol. E atentem que eu primeiro apliquei minha loção com BHA 2%, depois usei o BHA 9% onde desejava, em geral, em cravos e hiperplasias e, antes de dormir, meu retinóide.

Há relatos de descamações na área aplicada, perfeitamente compreensível, não só pela grande concentração de BHA, como também comum em quem começa a fazer tratamento com este ingrediente, mesmo em concentrações habituais de 2% em pH similar.  Eu não tive irritações ou descamações no dia seguinte, embora tenho já me foi relatado que isso ocorreu com um leitor do blog.

Eu realmente esperava a potencia de um leve peeling! Sério, receava que a minha pele ardesse demais, mas  não ocorreu.

Concentrações, por exemplo, de Ácido Salicílico acima de 6% a 12% são indicadas em tratamentos de calosidades e verrugas (fonte e fonte) e peeling combinado com outros ácidos (fonte); acima de 20% a 30%, em peeling isolado (fonte).

Resist BHA 9 tem ação gradual e controlada, liberando o ativo aos poucos, acrescido de ingredientes que reduzem a irritação, mas é uma “temor” que muitos parecem ter com o produto, veja o que Paula’s Choice responde:

“Resist BHA 9  é “forte”, mas suave. É difícil acreditar, mas depois de muita avaliação e análise de nossos testes mostraram que a forma de liberação controlada de BHA usada não apenas deixou a pele intacta como atuou como um anti-inflamatório (…) BHA 9 não pode ser comparado a qualquer produto semelhante.”

Resultados: bom, como usei esporadicamente, percebi respostas razoáveis com cravos e pequenas inflamações. É eficaz? Sim, mas nada extraordinário!

Sinceramente achei similar a qualquer outro produto com indicação similar para os problemas citados. Eu consigo resultados iguais e até mais rápidos com Galderma Epiduo Gel (Adapaleno e Peróxido de Benzoila) e Stiefel Cindoxyl Gel  (Clindamicina e Peróxido de Benzoila). Um gel com Clindamicina tem resposta em 12 horas na minha pele, enquanto que o Resist BHA 9 e só conseguia ver melhores em 48 horas.

Atuação em manchas pós-inflamatórias, poros obstruídos e outros cuidados, eu não avaliei em testes. Não tenho manchas na pele e meus poros andam bem controlados. Com espinhas? Idem, há quase dois anos que eu não tenho espinhas. Mas, se achei fraco com foliculite, não torço muito com espinhas.

Eu já uso uma loção com Ácido Salicílico há algum tempo, logo, não teria como avaliar melhor. Mas li vários reviews e, de modo geral, são satisfatórios. Vocês podem ler, por exemplo, no Make Up Palley, que há relatos de quem amou o produto enquanto outros desapontados. Há algumas seleções em revistas de Beleza com indicações dele ou sendo o “queridinho“:

paulas-choice-resistBHA9-5Como escrevi, não achei o produto espetacular como foi apregoado. Tenho leitores que adquiriram Deluxe Sample para testar e gostaria de saber a opinião. Aliás. o sample pode durar, dependendo da aplicação, umas 10 a 20 vezes.  Eu aplicava pequenas gotas, por isso tive um bom rendimento.

- Lista Completa de Ingredientes:

Propylene Glycol, PEG-75, PEG-8 , Water, Salicylic Acid, Glycerin, Avena Sativa (Oat) Kernel Extract,  Butylene Glycol, Boerhavia Diffusa Root Extract, Sea Whip Extract, Arginine, Polysorbate 20 , Disodium EDTA.

O ativo principal da fórmula mesmo é o Ácido Salicílico encapsulado. Alguns ingredientes como extrato de Aveia (anti-irritante e anti-inflamatório) , Glicerina (umectante), Arginina (antioxidante, umectante e regenerador) , alem de outros anti-inflamatórios ingredientes (Sea Whip e Celidônia) são usados para manter a pele livre de possíveis irritações e descamações.

Eu não recompraria o produto porque achei caro para os resultados. Efeitos similares eu consigo com outro produto com Ácido Salicílico de porcentagem inferior. Além disso, quero testar mais dois produtos com BHA que aproveito para indicá-los:

- Clean & Clear Advantage Oil Abserbing Treatment Oil-Free:

paulas-choice-resistBHA9-6

O produto da linha C&C não é comercializado no Brasil, ok? Eu não gosto da linha nacional por causa do álcool presente em alguns produtos, mas este, além de ter 2% de Ácido salicílico, atua num pH 3.2, o que permite cumprir uma eficiente esfoliação.

Ele parece interessante para substituir outra indicação aqui do blog, o Neutrogena Oil-Free Acne Stress Control, que tinha pH 3.4.

O Advantage Oil Abserbing tem textura opaca e pó que pode segurar a oleosidade natural da pele por algum tempo. Há um review positivo no site da Paula Begoun, aliás, entrou na lista dos 10 melhores produtos de Skin Care de 2012 pelo Paula’s Choice:

paulas-choice-resistBHA9-7

O melhor: custa cerca de 6,99 dólares em sites como o Drugstore.com.

- Olay Age Defying Classic Daily Renewal Cream:

paulas-choice-resistBHA9-8

Outro produto com 2% de Ácido Salicílico, porém, com pH 2.3. É um produto que eu usaria, casualmente, em substituição ao Resist BHA 9 e até mesmo ao meu ácido noturno de tratamento. Por quê?

O pH deste Age Defying é muito baixo e de certo vai esfoliar bastante a pele, a ponto de descamar (o Pedro já me confirmou isso) e pode irritar peles sensíveis. Não usaria diariamente.

Parece interessante como um bom esfoliante químico para uso conforme eu indico. Este produto já seria mais pertinente para peles não muito oleosas, desvitalizadas e com as primeiras linhas e rugas.

Como utilizaria apenas à noite, não ia me preocupar muito com a textura dele. Ele tem extrato de Aloe Vera, Glicerina e Vitamina E que podem amenizar descamações. Há também um Review da Paula e preço médio de 9,49 dólares.

Concluindo, deixo vocês com três produtos interessantes para quem precisa melhora a aparência dos poros, renovar a pele e outros benefícios. Ah, estou elaborando um mega post sobre Rosácea, já tinha prometendo isso aos leitores. Até breve!

- Onde Comprar:

O site Paula’s Choice entrega no Brasil, mas o frete encarece bastante o produto. Outra maneira é por meio de sites que fazem intermediação, como o Envios Diretos, onde o frete é escolhido de acordo com o tamanho da embalagem, peso, seguro e rastreio, vocês podem comprar o produto, seja o da Paula’s Choice ou da Drugstore, e intermediar pelo site de redirecionamento. Há a página do Facebook do Envios Diretos para maiores informações. Preço: $ 31,41 (8.4 ml) e $ 2,98 (0.83 ml).

Melhores Compras de 2012 e Lista de Desejos 2013

18 dez

No ano passado eu fiz um tópico de futuras compras e produtos que eu gostei e recompraria. Consegui conhecer grande parte da minha lista; outros, eu desisti por falta de interesse mesmo e devido a outras descobertas.

compras+2012+0

Para o próximo ano, pretendo testar poucos produtos (?) e manter uma rotina mais minimalista (tanto em rotina de cuidados quanto em lista de ingredientes) e fiel – se é que eu consigo. Quero evitar desperdícios ou comprar produtos de indicações similares quando ainda tenho frascos abertos. Neste caso, apenas se for para estoque.

Entre filtros, limpadores, consegui encontrar produtos que eu comprei mais de uma vez, mas posso mudar tudo conforme for conhecendo outros itens excelentes, pois em se tratando de produtos asiáticos, quando você parece ter achado o produto dos seus sonhos, eles mudam a fórmula ou descontinua. Sempre é bom fazer estoque, principalmente de filtros solares, por causa dessas contantes mudanças.

Desta vez, irei listar por categorias.

Proteção Solar:

- Allie Extra UV Protector Perfect Alpha SPF 50+/ PA+++

compras+2012+1

Foi o protetor que eu mais usei neste ano. Embora não seja o mais mate, foi dos poucos que não me ocasionou efeito oclusivo ou outro tipo de problema na minha pele. Gosto da textura e da proteção dele. Mas com a chegada do calor escaldante, eu precisa de um filtro que tivesse acabamento mais seco e se comportasse muito bem na minha pele por até 12 horas. Eis que até agora o melhor foi:

Omi Solanoveil Perfect Face Milk SPF 50+ PA+++

compras+2012+2

Quando testei a primeira vez, fiquei receoso que este produto fosse seco ou oclusivo demais. Acabei recomprando na ausência do Allie Perfect Alpha e não me arrependi. É de longe melhor que qualquer protetor matificante vendido no Brasil. Foi a melhor substituição ao Bioré Perfect Face Milk, porque este causava cravos no final do do dia e me dava sensação de sufocamento.

Tenho usado o Solanoveil Perfect em dias escaldantes, ando no sol, e a pele continua com boa aparência e brilho controlado. Para a minha surpresa, até o presente momento ele não obstruiu os meus poros.  Será o meu protetor solar do verão. Talvez eu só teste produtos novos e manterei ele na minha rotina, pois o Custo X Benefício dele é o melhor.

Como citei nos primeiros parágrafos, recomendo estocar filtros solares caso você tenha um preferido.

Para 2013 teremos lançamentos com  a revisão do sistema de Índice de Proteção UV-A, onde alguns filtros mudaram a fórmula para se adequarem a proteção PA++++, ou seja, superior a PPD 16. Como eu suspeitava, alguns filtros, embora constando com PA+++, já tinham proteção superior a PPD 16, como é o caso do Kanebo Allie Mineral Moist FPS 50+. Estou bem curioso para os futuros lançamentos e a nova adequação do PA só reforça minha predileção pelos filtros japoneses. Recomendo a leitura deste texto que a Ratzilla explica sobre revisão dos filtros japoneses e lançamentos para 2013.

Anti-idade:

- La Roche-Posay Redermic R

compras+2012+3

Praticamente o único anti-idade que usei ao longo da minha vida foi o Ácido Retinoico, mas de alguns anos para cá, adicionei também Vitamina C em forma de soro, Niacinamida, etc. Como tenho a pele muito sensível, eu passei a conjugar o Ácido Azeláico (Azelan ou Dermazelaic) com o Retinoico para amenizar a vermelhidão da pele.

Meu Retinoico preferido é o Retin-A Micro, pois a minha tentativa com Vitanol A não deu muito certo. Mas há um mês e meio eu ganhei da leitora Drix o anti-idade Redermic R e tenho gostado bastante. Ainda é muito cedo para falar dos resultados, o que eu posso dizer é que ele não resseca ou descama a pele. A potencia dele é inferior a forma ácida da Vitamina A (Retinoico), mas a combinação de Retinol Puro a 0,1%, com um derivado do Retinol (Linoleato de Retinila 0,2%) e Lha 0,3%, potencializam a ação renovadora da pele e promove uma micro-esfoliação. Cada dia sinto a pele mais refinada, com textura uniforme, além de não piorar o rubor. Eu consigo aplicar, sem problema algum, na área dos olhos. Há dias que eu desperto apaixonado pelos resultados, por enquanto é meu “best seller“.

Parece uma opção excelente para usar no verão e nem tenho utilizado meu Retin- A Micro e o Dermazelaic à noite. Quando completar três meses de uso, talvez eu o conjugue com o Retin-A Micro.

Óleo de Limpeza:

Kracie Naive Natural Deep cleansing Oil

compras+2012+4

Foi o primeiro óleo demaquilante que eu recomprei – já estou no terceiro frasco – e pretendo mantê-lo na minha rotina. Limpa de forma eficiente qualquer tipo de maquiagem, filtro solar à prova d’água e retira o excesso de oleosidade. É perfeito para peles oleosas. Eu tenho o Etude House Real Art, que também gosto, mas uso esporadicamente.

Tônicos/ Loções:

Gostei e quatro tipos de loções que eu usei, mas com finalidades distintas: a primeira é a Aqualabel White UP Lotion S, indicada para prevenir manchas na pele, porém eu uso mais para melhorar a vermelhidão. A loção é leve e parece um Bepantol Solução. A segunda, Sofina Jenne Lotion I Fresh, que hidrata e controla o brilho por meio de pó de argila.

compras+2012+5

Da Paula’s Choice, pretendo recomprar a Clear Regular Strength Targeted Acne Relief Exfoliating Toner para usar como esfoliante químico diário. Junto com meus ácidos, esta loção tem ajudado a manter a pele com textura refinada e luminosa, poros desobstruídos e sem a necessidade de esfoliar fisicamente a pele.  Como a minha pele já se acostumo, até penso em recomprar a versão Clear Extra Strength, que parece ter melhor ação na redução de cravos e esfoliante.

Meu tônico noturno é o Redness Relief Treatment, pois tem efeito hidratante, anti-idade e previne vermelhidão. Gostei e pretendo recomprar, mas um frasco deve durar mais de seis meses!

compras+2012+6Hidratante para peles oleosas:

Aqualabel White UP Emulsion S: um produto tão agradável de usar que consigo usá-lo em qualquer clima. Eu não tenho problemas de desidratação ao longo do dia e minha ele não aceita hidratantes “gordos”, então, esta emulsão é perfeita para a minha necessidade. Antes, era impossível pensar em usar um hidratante no verão carioca, mas hoje uso todos os dias.

compras+2012+7Em outras categorias, continuarei recomprando alguns produtos que já usava e continuei usando em 2012, como o as espumas de limpeza da linha Bioré Skin Care Facial Foam, tanto a versão Moisture quanto a versão Pure Mild, adicionando uma mais específica para controle da oleosidade. Como anti-idade diurno, o Skinceuticals Sérum 10 AOX+ para face e o La Roche Posay Redermic [+] Eyes para a área dos olhos. E o melhor ingrediente para prevenção e tratamento de inflamações (espinhas cravos vermelhos) ainda é a Clindamicina que vocês encontram no Clindoxyl Gel, da Stiefel:

compras+2012+8

E a minha Lista de desejos?

- Olay Professional Pro-X: tenho vários leitores que adoram os produtos da Olay. Infelizmente,a linha Pro-X não é vendida aqui. Tenho interesse em conhecer vários produtos, entre eles o Olay Professional Pro-X Even Skin Tone Spot Fading Treatment:

compras+2012+9

É um soro indicado para manchas na pele, mas a fórmula dele tem uma concentração alta de niacinamida - já escrevi sobre este ingrediente -  que eu acho excelente como antioxidante, anti-inflamatório e hidratante. Usaria ele como um soro noturno, antes do ácido.

O Olay Professional Pro-X Deep Wrinkle Treatment seria uma opção para usar no lugar do Redermic R, pois contém Pró-Retinol e Niacinamida, que promete regenerar a camada externa da pele, suavizar linhas e rugas e melhorar a textura da pele.

Neste estudo há um comparativo que descreve como a combinação presente de Retinol, Niacinamida e Peptídeo como um tratamento cosmético comparado com um tratamento prescrito por médico à base de Tretinoína 0,02%. Tenho vontade de testá-lo, principalmente para usar na área dos olhos e pode ser interessante para quem não consegue tolerar um regime terapêutico com Tretinóina:

compras+2012+10

A Linha Pro-X tem tantos produtos interessante que daria para fazer uma lista só com eles e eu iria deixar os leitores cada vez mais confusos.

A Shiseido lançou este ano um produto que pretende tratar as linhas naso-labiais, o famoso “bigode chinês“. Sou muito cético para acreditar que produtos que “lavante as bochechas”, usaria ele como preventivo, pois tem indicação de redução da flacidez na área das bochechas e minimizar a aparência de linhas do sorriso. Meu trauma de ter bochechas grandes é delas caírem como aconteceu com meu pai e ter aquela aparência de bulldog velho - não quero isso para a minha vida!!

Por meio de estudos, a Shiseido descobriu o mecanismo que favorece a flacidez dessa área, que seria pelo aumento de gordura subcutânea e perda da elasticidade que sustenta as maças, assim, vincos são formado. A empresa patenteou o ingrediente Rubus Leaf Extract AAA como um agente que reverte o processo e miniminiza as pregas labiais. O produto é este Vital-Perfection Science Cream AAA:

compras+2012+11

Uma pendência que ficará para o ano seguinte é testar alguns produtos da linha Freeplus, voltada para peles sensíveis.  São eles: Free Plus Moist Care Emulsion 1 (Barrier Repair Emulsion1) e Free Plus Moist Care Lotion 1 indicados para hidratar restaurar a barreira de proteção natural  protegendo a pele de irritações. A versão 1 seria “fresh“, formulação mais leve e indicada para peles normais, mistas e oleosas. O bacana é que tem sample com os dois produtos para testar:

compras+2012+12

Espumas de limpeza:

Como citei em outro tópico, pretendo adicionar algumas espumas de limpeza indicadas para peles oleosas, minhas preferências são as seguintes: LG Beyond Purifying Facial FoamBioré Skin Care Facial Foam Medicated Acne Care: a primeira tem extrato de Chá Verde e Brócolis para purificar a pele, retirar o excesso de óleo ; já a segunda tem um ingredientes antibacteriano e anti-inflamatório além da tecnologia de limpeza desenvolvida pela Kao que promete retirar a sujeira da pele sem afetá-la (comentei aqui). O Pedro do East to West Skin Care já fez resenha de ambas as espumas.

compras+2012+13

Shiseido Ettusais Pore Care Serum: este produto é da linha Pore Care, indicada para redução do sebo e melhorar e prevenir poros visíveis. Há vários produtos, entre espumas loções e hidratantes  mas gostaria de testar este soro indicado para áreas com poros dilatados – há um ingrediente patenteado pela empresa de “encolhimento dos poros” – além de ter efeito “oil control” e parece ser ótimo como primer.

A linha Ettusais é indicada para peles oleosas e acne na fase adulta, então há produtos desde cuidados básicos, clareadores de manchas inflamatórias, desidratação e maquiagem para prevenir e controlar o sebo. Estou há um tempo querendo conhecer melhor alguns produtos.

compras+2012+14

Eu também tenho alguns filtros solares para encomendar, mas nem sei se irei conhecer todos, pois depois de fevereiro devem surgir novos produtos, mas listaria alguns:

- Mentholatum Skin Aqua Sara-sara-Milk SFP 50+/ PA+++

compras+2012+15

Gostei da fórmula dele, tem Óxido de Zinco, Uvinul A Plus e Tinosor S, acredito que este protetor deve ser levemente matificante, com um acabamento mais neutro na pele, principalmente por ser “sara-sara” (fresco, liso).

- Nivea Sun Protect Mild Milk SPF 50+/ PA+++

compras+2012+16

Filtro 100% físico, livre de álcool e perfume, indicado para peles sensíveis. Estou esperando chegar para testar e observar o grau de matificação dele e se ocasiona efeito oclusivo na minha pele. Uma leitora do blog usa e gosta bastante, parece que não dá white cast.

- Omi Menturm Sun Bears Super SFP50+ PA+++

compras+2012+18O produto é da mesma empresa dos filtros Solanovel e fiquei curioso em testar este filtro porque tem filtros físicos, hidratantes, Licorice e pó absorvente do brilho e para deixar a pele com acabamento  suave e prevenir white cast. Deve ser mais um daqueles filtros sem álcool que fica levemente matificante na pele.

- Omi Solanoveil Watery Gel SPF50+ PA+++

compras+2012+17

Muito curioso também para testar outro filtro da Solanoveil, mas está sempre esgotado. Tem vários filtros UV-A/B na fórmula, textura gel aquoso – será parecido com o Bioré Essence Water Base? – mas sebum resistente.

E ainda não terminou, se for “possível” quero testar o Shiseido Urban Environment Oil-Free UV Protector SPF 42 PA+++, como o nome já diz, é um protetor solar urbano, para uso diário e indicado para peles oleosas. Ele tem 8,6% de Óxido de Zinco,  que seria uma porcentagem ideal para evitar oclusão dos poros. É resistente à água e ao suor.

O que diz as alegações: “Protege contra as três principais causas de danos às células da pele: os raios UV, oxidação e excesso de produção de sebo. Formulação ultra-leve, espalha facilmente e contém pós minerais e extratos vegetais para manter um bom acabamento dos poros e controle do brilho.”

Como ele é da versão global, acredito que deve ser levemente mate ou com acabamento sofisticado. Possivelmente será vendido no Brasil.

compras+2012+19

E se puder sonhar, tem um lançamento da linha global a Shiseido, o Ultimate Sun Protection Lotion + SFP 50+ PA+++:

compras+2012+20

É um protetor solar para exposições intensas, indicado tanto para o corpo quanto o rosto, o diferencial é a sua altíssima proteção UV-A e UV-B de amplo espectro  pois conta com uma tecnologia chamada Super-Veil 360, que permite uma cobertura mais homogênea, mantendo a proteção mesmo em superfície irregular da pele.

Os ingredientes dele conta com 19,3 de Óxido de Zinco, alem de outros filtros físicos e químicos.  Seria o equivalente a uma SPF 80 ou superior. Acabamento transparente, mesmo após reaplicações e sem sensação pegajosa. Não sei dizer – ainda – se ele teria acabamento mate, acredito que não deve ser oleoso como os filtros ocidentais. Mas além da grande proteção, ele conta com outros ingredientes que protegem as células da pele, envelhecimento, manchas e previne ressecamento. Seria preferível usá-lo para longas exposições, pois é resistente á água  transpiração e atrito com areia da praia. O melhor: 100 ml.

Como falei, são “possibilidades” ou melhor, vai depender da minha renda (rs), pois já me satisfaço com meus filtros atuais.Mas fica a critério de indicação. Mas tenho que admitir que meus olhos brilharam com o último produto e ficaria realizado se conseguisse suportar um filtro solar com grande quantidade de filtros minerais; que tivesse acabamento semi-fosco e semi-mate; não esturricasse ou inflamasse meus poros. Posso sonhar? Até cogitaria a hipótese de aplicar somente uma vez ao dia.

Concluindo minha “pequena” lista de desejos, também pretendo testar o Paula’s Choice Resist BHA 9%, um produto que parece espetacular – pelo menos o review dele é – que serve para mil tipos de imperfeiçõestranstornos da pele: espinhas, cravos, poros dilatados e/ ou entupidos, hiperplasias, manchas, linhas, rugas, escamosidades, milias, etc.

A concentração de Ácido Salicílico dele é superior, de forma geral, um produto eficiente costuma ter 2% de Ácido Salicílico bem formulado (leia sobre isso aqui), agora imaginem um produto com 9%? É praticamente um peeling. Eu necessito dele para manter em casos especiais (um cravo indesejável, hiperplasias.. possível espinha…) e conta com a comodidade de ter um Deluxe Sample de 0,83 ml que poderia ser indicado para situações que eu assinalei.

compras+2012+21Bom, os produtos partem de escolhas pessoal, muito subjetivo, seguindo meus cuidados e necessidades. Espero conseguir testar – quase – todos, assim, teremos resenhas por um bom tempo.

Deixe-me saber quais foram o melhores do ano na opinião de vocês. E também compartilhem de sugestões para compras futuras.

Como não sei se esta será a última postagem do ano, gostaria de deixar meu profundo agradecimento a todos que acompanham meu blog, pois embora não seja o mais período em termos de publicações, meus leitores são fieis, críticos e acima de tudo, gentis – sim, tenho que agradecer por nunca aparecer um louco ou grosseiro por aqui.

Gostaria de ressaltar que, assim como o Pedro e a Meire, compartilho de leitores buscam sempre encontrar novos produtos, não importa a barreira da língua ou distancia, pois quando comecei a escrever sobre produtos asiáticos, existia uma certa resistência em adquirir produtos do oriente e hoje tenho leitores que são divulgadores de novidades, ou melhor, pesquisam, compram e compartilham e agora sou eu que aprendo com vocês!

Feliz 2013!!

Paula’s Choice Resist Weightless Body Treatment with 2% BHA

28 ago

Estou virando um “garoto-propaganda” da Paula’s Choice, mas não tem como ignorar o produto desta semana. Já comentei de outros produtos da linha Resist Anti-Aging System (aqui e aqui), que são voltadas para melhorar a textura da pele, prevenir e atenuar os efeitos do envelhecimento, tanto facial quanto corporal,  com agentes esfoliantes como AHA e BHA, além de antioxidantes. Há uma variedade de produtos, para todos os tipos de peles e necessidades, cujo principal foco é o anti-envelhecimento:

No site, há uma variedade de informações e rotinas de cuidados para cada tipo específico de pele. Eu tenho utilizado o tônico esfoliante Clear Regular Strength Targeted Acne Relief todas as noites na minha rotina. Mas ganhei uma amostra da versão para o corpo: Resist Weightless Body Treatment with 2% BHA:

O produto pode ser usado para prevenção e tratamento de acne, cravos e envelhecimento. Redução de manchas, sinais de vermelhidão e aspereza da pele. Melhora a elasticidade e a hidratação. Ele tem como principal ativo o Ácido Salicílico 2%, mas num pH 3,0-3,2, ou seja, excelente para esfoliar a pele. Só que a grande diferença deste produto é que ele, embora seja indicado para o corpo, tem uma textura maravilhosa e que pode ser usado na face:

Eu tenho usado apenas uma pequena quantidade, como observada na foto, para toda a face. Ele tem acabamento sedoso (contém silicones), que espalha de forma confortável, como se tivesse um “filme” hidratado, mas sem deixar a pele pegajosa. Confesso que, embora tenha lido depoimentos positivos de consumidores do produto comentando sobre a textura dele, não esperava que um produto corporal fosse tão agradável para usar na face.

Outro ponto é que não tive “fisgadas” ao aplicá-lo, algo que eu sinto com o Neutrogena Acne Stress e o Clear Regular Strength Targeted Acne Relief. O pH do Resist Weightless Body é menor que a versão do Neutrogena, logo, um pouco mais ácido e melhor para ter uma ação queratolítica,  mas até o presente momento não causou nenhum irritação costumeira.

O que o site explica é que o  Resist Weightless Body contém a mesma porcentagem de Ácido Salicílico que os outros produtos em forma líquida, mas para estas, os seus níveis de pH são ligeiramente superiores. Porque a pele facial é geralmente mais sensíveis do que a pele do corpo. Com o pH mais baixo, a versão para o corpo não só aumenta a capacidade de Ácido Salicílico  para esfoliar, mas torna o produto especialmente benéfico para o uso em áreas de pele áspera, espessa, como cotovelos, joelhos e calcanhares. 

Mas não por menos, a fórmula da versão corporal contém antioxidantes e anti-irritantes para prevenir uma maior sensibilidade. A base dele cremosa também parece restringir um pouco mais possíveis irritações do produto. A versão líquida que eu uso, por exemplo,  é diferente para espalhar, e por absorver mais rápido, pode acumular uma quantidade maior em determinada área e sentir alguma ardência.

Eu uso apenas à note, após a limpeza e tonificação, mas ele pode ser usado em qualquer horário do dia. Porém, recomenda-se usar proteção solar por cima dele.  A pele na manhã seguinte, continuou com aspecto bonito e sem piora na oleosidade ou sensibilidade.

O Arlon Barbieri, leitor do blog e quem me apresentou – e presenteou com esta amostra – sempre comentou que adora este produto, inclusive ele prefere usá-lo na face. Claro que solicitei um depoimento para incluir aqui:

“Antes de comprar um BHA da Paula’s Choice fiquei perdido, porque há diversas opções com variação de concentração, textura e pH. Conferi a lista de ingredientes, pesquisei por descrições de textura e resultados. Tem várias reviews no makeupalley. O Resist Weightless Body Treatment with 2% BHA foi o que me chamou mais atenção. Lí que muitos preferem usá-lo no rosto, acham a textura melhor e relatam que ele é o melhor para se livrar dos comedões resistentes e acne. Acho que ele faz uma esfoliação suave, e acalma a pele. Uso uma ou duas vezes ao dia, dependendo de como minha pele está. Às vezes só uso no nariz, quando percebo que a pele está um pouco irritada. Ele absorve bem, levemente hidratante, e deixa um acabamento mate. O meu frasco já dura um ano.”

Você poderia usá-lo de inúmeras formas: áreas ásperas e ressecadas; espinhas que possam aparecer no dorso; remover cravos escuros; melhorar o tom de pele irregular nos braços e mãos; reduzir manchas; atenuar o foto-envelhecimento; prevenir foliculite decorrente da depilação; renovar a pele de modo geral; além de todos os outros benefícios que eu já venho comentando ao longo das minhas resenhas sobre esfoliantes.

Além do Ácido Salicílico, contem Vitamina E, Chá Verde, extrato de Melão, antioxidantesBisabolol e Alantoína, para prevenir irritações; extratos de Camomila e Salgueiro, com ação anti-inflamatória e antimicrobiana, e silicones. É livre de perfume, corantes e álcool.

Desde que comecei a usar um bom Ácido Salicílico diário, minha pele ganhou uma textura e uma luminosidade melhor, tanto que reduzi o meu ácido noturno (tretinoina) para apenas três vezes de uso semanal. Até a oleosidade natural parece mais controlada. O ponto principal é que tenho usado produtos que não agridem a minha pele e não ressecam demasiadamente, algo que antes era impossível de usar na gama de produtos similares aqui no Brasil.

A melhor parte: como se trata de uma versão corporal, o produto é comercializado em bisnaga de 210 ml. Se você preferir usá-lo apenas na face e pescoço, teria um tratamento para, no mínimo, seis meses.

- Lista Completa de Ingredientes:

Water, Butylene Glycol, Cetyl Alcohol, PPG-14 Butyl Ether, Salicylic Acid, Tocopheryl Acetate, Chamomilla Recutita (Matricaria) Flower Extract, Epilobium Angustifolium (Willow Herb) Flower/Leaf/Stem Extract, Camellia Oleifera, Leaf Extract, Cucumis Melo Fruit Extract, Bisabolol, Allantoin, Dimethicone, Cyclopentasiloxane, Cyclohexasiloxane, Dimethiconol, PEG-40 Stearate, Sorbitan Stearate, Polysorbate 20, PVM/MA Decadiene Crosspolymer, Polyacrylamide, C13-14 Isoparaffin, Laureth-7, Disodium EDTA,  Sodium Hydroxide, Hexylene Glycol, Caprylyl Glycol, Ethyhexylglycerin, Phenoxyethanol - Frasco de 210 ml.

Concluindo, achei um produto excelente, tanto para usar no rosto quanto no corpo. Textura agradável que não vai “pesar” na pele, como tem o pH mais baixo da linha, o resultado dele será superior para renovar, melhorar o aspecto dos poros e aumentar a produção de colágeno. Para quem tem preguiça, como eu, de cuidar melhor da pele do corpo – no máximo uso filtro solar – este produto parece conveniente. Para ser perfeito, o frasco poderia ser king size!!

- Onde comprar: diretamente no site Paula’s Choice. Nas resenhas anteriores ( aqui e aqui) eu expliquei outras formar de adquirir os produtos por meio de sites de intermediação, como o Brazzusa. Preço: US$ 18,36 (atenção: promoção até este mês!).

Poros dilatados, cravos pretos, nariz de morango.

17 ago

Parece “encanto” para “amaldiçoar” uma poção, não? Mas é a realidade de muitos leitores que entram em contato.

Eu escrevi sobre poros em algumas postagens no blog, mas resolvi condensar tudo num único texto, facilitando o debate. A boa notícia é que aproveitei para pesquisar a opinião de dermatologistas que eu acompanho e relatar os tratamentos em comum.

Porém, se você espera encontrar neste texto alguma informação “milagrosa” para fechar os poros de vez, sinto-lhe dizer, todos são unânimes em afirmar que não há! O que se sugere é mantê-los com aparência bonita e limpa.

Aquele nariz de morango, cheio de pontos escuros é o mais prático para resolver, mas tem que compreender que algumas pessoas têm geneticamente a pele com poros mais abertos (óstios dilatados) em algumas áreas da face (nariz, cantos das bochechas.. ) e quanto a isso, mantenha-os limpos, evitando o sebo oxidado, e dificilmente as pessoas vão comentar.

O acervo de produtos para minimizar os poros é incontável, vão desde sabonetes, loções, serum, máscaras, além de tratamentos feitos em centros dermatológicos e de Estética, como limpeza profunda da pele, peeling e terapia fotodinâmica.

Só que não me iludo com nada disso, se o problema não depende da genética, mas de outros fatores, então, podemos esperar alguma solução visível.

Primeiramente, vamos entender como os poros podem ficar escurecidos, entupidos e gerar comedões (cravos).

Consultei alguns textos e livro de duas dermatologistas americanas, Cynthia Bailey e Leslie Baumann, que comentam, por exemplo, que os poros escuros nem sempre são cravos.

E ambos os problemas podem surgir em indivíduos com a pele oleosa quanto outros com a pele mais seca.

Basicamente falando, a pele secreta óleo pelos poros, ou folículos pilosos. É como se os poros fossem “canais” de passagem para o fluxo de sebo. Desta forma, uma pele com grande atividade de glândulas sebáceas terá um fluxo maior, o que pode tornar os poros mais dilatados.

Contrapartida, uma pele com nível de óleo menor, os poros tendem a ser menores também. A natureza é bem sábia na função biológica dos poros.

Este é um ponto claro para, inicialmente, você ter em mente que não pode mudar a sua genética. Todos têm poros, uns tão minúsculos que você nem percebe, que nem pele de criança; outros, imensos feito um queijo suíço.

Agora, quando a pele excreta sebo em excesso e este, por ficar na superfície da pele e exposto ao oxigênio, escurece pelo efeito oxidativo – você já deve ter notado que o mesmo ocorre com uma fruta ou mesmo aquele seu creme com Vitamina C que ficou exposto ao ar – deixa os poros mais evidentes. Basta um dia típico de verão para observar que a oleosidade natural, após um longo tempo, fica com um aspecto amarelado.

A pele ganha um “ranço”, uma aparência suja e você tem a clara impressão que após lavar a face, ela torna-se mais clara e radiante.

No efeito “morango” é justamente isso: acúmulo de sebo oxidado nos filamentos, deixando os poros ainda mais visíveis.

Bom, até aqui tocamos no segundo ponto dos seus poros ficarem esquisitos.

E os malditos cravos? Por vezes, o excesso de sebo (mistura de vários lipídios e ácidos graxos…) retido nos folículos pilo-sebáceos (folículo piloso, onde encerra o bulbo capilar, em conjunto com uma glândula sebácea, que produz o sebo), principalmente pelo acúmulo de células mortas (queratinização) que são despejados todos os dia na pele, geram obstrução dos poros, como “tampões” de fibrose orificial, formando pequenos cravos brancos (comedões fechados).

Não se aflige, cravos brancos ocorrem em qualquer tipo de pele. Em algum estágio da vida, alguém deve ter passado por isso, independentemente até da idade. Vejo, por exemplo,  a minha mãe: ela tem 72 anos de idade, uma pele com pouquíssimo fluxo de sebo, mas, às vezes, um pequeno cravo pode ocorrer por causa do acúmulo de células mortas sobre os poros.

Quando este material retido é exposto ao ar, torna-se escuro formando os cravos pretos (comedões abertos) – que dão uma aparência típica de um morango – por causa do enegrecido de sebo, queratina e melanina.

O excesso de comedões abertos e fechados na pele pode ser indício de um estágio inicial de Acne e um determinante para que surja um processo inflamatório:

Ocorre que  bactérias – Propionibacterium Acnes, Dermodex Foliculorum e Staphylococus Epidermis – que habitam na nossa pele proliferam-se rapidamente nos folículos obstruídos, os comedões são excelentes meios de cultura para estas bactérias, iniciando um processo inflamatório.

Primeiro, ele pode aparecer como pontos avermelhados, inchados e dolorosos, as Pápulas. O próximo estágio é virar uma temida pústula (amarelo pustulento) que, ao se romper, espalha o conteúdo de sebo/ bactéria  pela Epiderme e aumenta a contaminação. Em ambos os estágios, temos a chamada Acne Inflamatória.

Então, você precisará mais que uma limpeza, mas usar algum tratamento prescrito para melhorar a situação.

Feito esta introdução, agora podemos seguir em frente e saber um pouco mais para prevenir e tratar poros congestionados, dilatados e cravos pretos.

São dois pontos que você pode cuidar em casa, com auxílio de cosméticos. Porém,  se o seu estágio são pápulas e pústulas, o auxílio de um profissional será melhor recomendado.

O erro crucial que eu observo é retirar demasiadamente o sebo da pele. O óleo forma uma barreira de proteção sobre a pele, mantendo-a com umidade e protegendo contra as agressões externas. O excesso pode ocasionar o entupimento dos poros, entretanto, a ausência pode acarretar problemas até piores à pele: enfraquecimento da barreira natural, deixando a pele sujeita a inflamações; para suprir a ausência de gordura, as glândulas sebáceas irão produtos mais sebo, aumentando ainda mais o fluxo e cada vez os seus poros vão se dilatar.

A pele com uma barreira enfraquecida sofrerá nos meios externos, como sol, frio, calor, vento, produtos inadequados, stress, etc. A pele constantemente castigada envelhece mais rápida, e entramos em outro ponto alarmante: a perda de firmeza da pele torna os poros ainda mais evidentes. Mas à frente veremos sobre isso.

Agora que conhecemos os “mecanismos” que alargam e obstruem os poros, comentarei sobre os principais cuidados para ter poros “bonitos”:

1 – Limpeza:

Uma limpeza adequada para manter o equilíbrio entre a barreira de proteção da pele e a atividade das glândulas sebáceas, de modo que consiga evitar o sebo em excesso e o acúmulo de células mortas. Limpeza é a palavra-chave para poros bem cuidados.

A Dra. Bailey sugere para a limpeza diária dos poros, quando não há cravos, o uso de escovas faciais associada a limpadores. Para cada tipo de pele, ela sugere alguns ingredientes: sensível (zinco e glicerina), normal, resistente e oleosa (ácido glicólico) e oleosa ou propensas à acne (ácido salicílico, peróxido de benzoíla e ácido glicólico).

Um limpador que você encontra aqui e eu acho excelente é o Avène Cleanance Gel de Limpeza, indicado para peles oleosas e sensíveis. Achei a limpeza dele confortável, sem usar detergentes agressivos, retira o excesso de sebo sem ressecar a pele. Conta com ingredientes anti-inflamatórios e calmantes:

Porém, se os poros estão obstruídos/cravos, o melhor seria usar, após o gel de limpeza, uma loção com Ácido Salicílico. Aliás, o Beta Hidroxiácido foi unanimidade entre as minhas pesquisas para limpar internamente os poros.

Paula Begoun, por exemplo, comenta que um produto bem formulado com Ácido Salicílico é excelente para remover a sujeira dos poros e restaurar o fluxo normal de óleo na pele até a superfície.

Como ele é um queratolítico, ou seja, capaz de dissolver e prevenir a hiper-queratinização nos folículos, tem boa prescrição para tratamentos de cravos e acne, removendo as camadas de queratina que impedem os poros de excretar sebo, suavizando, assim,  a epiderme.

Outra característica é que o Ácido Salicílico é solúvel em lipídios, então, entre outros produtos com as mesmas características esfoliativas – como o Ácido Glicólico – ele tem melhor penetração na pele, principalmente se for oleosa.

Dra. Baumann pontua que: “o ácido salicílico pode penetrar nas gorduras do sebo muito melhor do que o ácido glicólico, o que o torna um tratamento ideal para melhorar a aparência dos poros…” . E também diria para a prevenção de pápulas e pústulas, devida as propriedades anti-inflamatória, anti-micróbio e anti-irritante do Ácido Salicílico.

No Futurederm, há algumas recomendações para melhorar a aparência dos poros, entre elas, o uso de Ácido Salicílico a 2%. Dois trechos que são comentados no texto e eu confirmo por experiência: o uso de Ácido Salicílico cria uma ilusão de poros com redução no tamanho.

Sim, bem simples, como ele limpa o interior dos poros, se antes eles estavam entupidos, com pontos escurecidos e destacados, após a limpeza vai ocasionar um efeito “tensor”. Só salientando que os poros não são como músculos, que esticam e contraem. Como falei, se os poros são abertos geneticamente, não irão “sumir”, mas atenuar.

O segundo ponto é que a Nichi, responsável pelo texto, comenta sobre um amigo que fez uso de Retin A Micro (ativo: Tretinoina) por muito tempo, mas só observou melhoras nos poros quando usou 2% de Ácido Salicílico. Eu digo que a combinação de  Tretinoina e Ácido Salicílico exterminaram os pontos pretos no meu nariz. Nunca mais tive “nariz de morango”.

Um limpador que eu usei e recomendaria é o Shu Uemura Fresh Pore Clarifying Gentle Cleansing Oil: conta com um derivado do Ácido Salicílico, o Lha, remove maquiagem, sujeira e limpa os poros. Dispensa uma segunda limpeza:

Eu usei o Fresh Pore Clarifying para manutenção dos meus poros, mas se tivesse pontos pretos, optaria por uma loção que ficará por um tempo agindo sobre a pele. Para isso, eu uso e indico o Clear Regular Strength Targeted Acne Relief Exfoliating Toner, com Ácido salicílico 2%:

Em formulações com Ácido Salicílico eu dispensaria todas as outras marcas para usar as loções esfoliantes da Paula’s Choice, pois são com pH ideal, livre de álcool e conta com ingredientes calmantes. Eu preferi a versão Regular por ser mais fraca, mas mesmo assim senti um grau imenso de esfoliação na pele.

Até reduzi meu Retin A Micro por não achar mais necessário. Uso Ácido Salicílico apenas como manutenção, mas se o seu caso são cravos, pode usar o Clear Extra Strength Targeted Acne Relief Exfoliating Toner, com ação ainda mais esfoliativa.

Limpadores e esfoliantes, tanto químicos quanto físicos podem ajudar na redução dos poros e a torná-lo ao seu tamanho “natural”. Quando falo “natural”, leia “genético”.

Agora, além dos cuidados caseiros para higienizar a pele, podemos contar também com a ajuda profissional de um esteticista.

limpeza+da+pele

limpeza profunda da pele, feito por um profissional, pode reduzir bastante o incomodo, principalmente para o “nariz de morango”, porque a extração manual remove as impurezas acumuladas tanto na superfície quanto áreas mais profundas da pele, desobstruindo o sebo dos folículos.

Há também uma redução da camada queratinizada da pele e do sebo, no caso de peles mais oleosas. Com todos esses benefícios, a pele reduz a sua impedância e facilita a melhor penetração de ativos. Sim, o excesso de queratina e sebo reduz a penetração de cosméticos.

Já notaram como várias empresas de cosméticos adotam a linha de “passos”?

Passo 1 = higienização.

Passo 2 = esfoliação.

Passo 3 = hidratação.

Justamente porque só após uma boa higiene, reduzindo o espessamento da pele pela camada córnea (superfície da pele), é que a pele permeia melhor os ativos cosméticos.

E, concluindo, o uso diário de maquiagem e filtro solar pode ocasionar entupimento dos poros e piorar sintomas de cravos e espinhas, por isso, a limpeza adequada é a principal maneira para prevenir este transtorno.

Poros limpos dão uma aparência de pele bem cuidada e saudável, não há dúvidas disso! Mas há outros cuidados que você pode fazer.

2 – Manutenção

Para manter os poros “bonitos” e prevenir futuros problemas, a Dra. Baumann sugere usar produtos que aumentem os níveis de colágeno e elastina, pois quando ocorre flacidez cutânea, os poros ficam mais estirados.

A Vitamina C é uma excelente opção, pois age da forma sugerida e como um antioxidante, vai prevenir que o sebo escureça durante o dia. Mantenha no seu protocolo de cuidados um produto tópico à base de Vitamina C.

O meu preferido é o Skinceuticals Serum 10 AOX+, com 10% de Ácido Ascórbico. Uso algumas gotas antes de aplicar o filtro solar para reforçar a proteção contra os radicais livre e manter a firmeza da pele:

Outro ingrediente que eu gosto de ter nos meus cuidados faciais é a Niacinamida, pois além da ação antioxidante, melhores os níveis de hidratação e elasticidade da pele, ajudando a manter os poros com revestimento normal.

Eu tenho sempre um ou dois produtos com este ingrediente, mas indicaria o Olay Regenerist Serum, a textura dele é agradável e ainda tem Peptídeo, Pantenol, Chá Verde e Vitamina E:

Eu escrevi um texto explicando melhor sobre a Niacinamida e com outras indicações de produtos.

Uma boa dica é combinar Niacinamida com Pidolato de Zinco, porque oferece uma ação seborreguladora e microbiana, ou seja, previne o efeito sebo-estimulador ocasionado pelos raios solares, como os infra-vermelhos, e que bactérias não se alimentem da secreção produzida pelas glândulas sebáceas.

E quer saber? Hidrate a sua pele!

Você já deve ter lido em algum manual ou revista de beleza que o melhor caminho para reduzir os poros é aplicar loções adstringentes. Não é de todo errado, pois as loções podem reduzir o excesso de sebo e algumas até limpar os poros.

Mas evite loções com grande quantidade de álcool e ingredientes que vão secar em demasia a pele. Se forem abrasivas, cautela, pois ao invés de reduzir um problema, vai alavancar outros na pele. Mas há quem não se contenta em só lavar diversas vezes a pele, usar loções secativas, inúmeras receitas caseiras para reduzir ainda mais o óleo e cobrir de toda as formas os poros.

A pele extremamente opaca e com desidratada deixa os poros ainda mais visíveis. Então, você troca uma pele de morango por uma de casca de laranja.

A hidratação, ao contrário, vai minimizar, uma vez que vai “inchar” a pele com agentes umectantes – um dos truques que irei comentar dos “pore minimizer”. Percebi que quando dormia só com ácido, a pele despertava com poros evidentes, enquanto que, ao dormir com o rosto bem hidratado, os poros no dia seguinte estavam mais contraídos e lisos.

E faz sentido, pois de acordo com este estudo a pele tende a perder mais umidade durante à noite, então, nem faço uso de produtos matificantes para uso noturno – com exceção, se for para uma balada – e costumo usar produtos úmidos sobre a pele, que de alguma forma, até reduzem possíveis irritações dos meus ácidos.

Um produto que eu vou testar esta semana é o Paula’s Choice Skin Balancing Pore-Reducing Toner, que é basicamente formado por antioxidantes, anti-irritantes e hidratantes. Uma das funções é restaurar a função normal das células e equilibrar as características normais da pele (excesso de óleo na zona T e hidratação nas áreas menos oleosas ou secas), por isso conta com glicerina, niacinamida e ceramidas:

Eu recomendaria os serum da Estée Lauder, como o Perfectionist Wrinkle Lifting/Firming e Idealist Pore Minimizing Skin Refinisher. Ambos são formulados com muitos antioxidantes e hidratantes, sendo que o primeiro vai agir para melhorar a textura e firmeza da pele e o segundo, age na redução dos poros, desidratação e melhorar a sensibilidade da pele.

A textura de ambos é sedosa, age como um “primer”, com silicones que preenche os poros e linhas finas, e elementos que vão “iluminar” (mica e óxido de ferro) a pele e atenuar instantaneamente os poros. Mas, segundo dois reviews, o Perfectionist (aqui   e aqui) me pareceu mais promissor.

Eu usei dois frascos do Idealist e gostei apenas como um hidratante, sem observar melhoras na pele em outros sentidos. Este também é apontando como um produto que pode irritar a pele, mas eu não senti absolutamente nada disso.

Eu tenho hoje o hidratante Neutrogena Oil-Free Acne Stress Control 3-in-1 Hydrating Acne Treatment, com 2% de Ácido Salicílico, e tem funcionando muito melhor que um sérum caríssimoAlém do efeito esfoliativo do Ácido Salicílico já descrito, a textura dele siliconada proporciona um efeito “tensor” discreto nos poros. O diferencial dele, é que não tem álcool e mentol, que você encontra em outros produtos vendidos no Brasil da Neutrogena:

Proteja-se do Sol!!

Se por todos os motivos que você já sabe sobre a radiação solar ser prejudicial à pele, tenha em mente também que o Sol pode tornar seus poros ainda mais evidentes.

No Futurederm diz: “Anos de exposição solar pode dilatar permanentemente os poros. E, como ao longo do tempo favorece a perda de colágeno e elastina, que sustentam os poros, estes começam a esticar cada vez mais.”

A exposição solar aumenta o processo de  envelhecimento e com isso ocorra a perda de gordura, colágeno e e elastina na face, ocasionando a flacidez tissular. Isso vem de encontro à sugestão da Dra Baumann no uso de antixodiantes e também, citaria nos estudos dela, no uso de Retinóides e Retinol para aumentar a produção de colágeno e acelerar a renovação celular da pele como forma de “fortalecer” as paredes ao redor dos poros.

Baumann também alerta sobre o “mito” que o sol melhora o aspecto da acne, onde segundo ela, a radiação ultravioleta causa alterações na oleosidade natural da pele e eleva ao aumento do números de cravos.

Eu incluiria ainda que o sol reduz os níveis de Ácido Hialurônico na pele resultando na perda de volume. Eu percebo que após os 40, uma pele foto-envelhecida, os poros parecem ainda piores, aliás, tudo parece pior.

A sugestão para o uso diário é o Laneige Brightening SPF 50+/ PA+++: protetor solar em pó compacto com alta proteção UVA e UVB, que por ter Vitamina C previne  a oxidação do sebo ao longo do dia. Há ingredientes também que podem atenuar os poros, como talco, sílica e mica:

Dra. Bailey prescreve  retinoides, assim como Ácido Glicólico, Peróxido de Benzoila, além do Ácido Salicílico já comentado. Todos são queratolíticos e eu ainda incluiria o Ácido Azelaico. Alguns agem mais na superfície da pele, favorecendo na redução dos cravos abertos e fechados, porém, a ação antibacteriana do Peróxido de Benzoíla e do Azeláico, por exemplo, melhoram as pápulas e pústulas.

Retinoides como a Tretinoina e Adapaleno são prescritos por médicos para ajudar no funcionamento dos poros e o fluxo de sebo, portanto, converse com o ser dermatologista sobre um protocolo de tratamento com estes ingredientes.

E você poderia saber deles dos seguintes produtos: Retin A Micro (Tretinoina), Vitanol-A (Tretinoina), Epiduo (Adapaleno e Peróxido de Benzoíla) e Dermazelaic (Ácido Azeláico):

O uso de ácidos, como os retinoides, deve ser acompanhado por um dermatologista. O uso inadequado pode deixar a pele com aspecto irritado e não favorecer muito no tratamento dos poros.

Até agora, quase tudo que foi indicado não é especifico para poros, mas para o cuidado geral da pele. Bons hábitos com a pele refletem em poros bem cuidados. Simples.

3 – Corretores de Poros:

Se todos os cuidados ainda não te faz satisfeito diante do espelho, a solução é “maquiar” o problema. Então, você pode preferir os pore minimizer: os famosos produtos que corrigem os poros de forma “instantânea“.  Mas te digo que não há nada mágico neles, são bases ou loções compostas por silicones, corantes, pós de argila, hidratantes, antioxidantes e sílicas para disfarçar os poros. Tudo com efeito temporário, como um corretivo, depois que você retira da pele, seus poros ainda estão lá como antes.

Silicones, por exemplo, pode preencher ou alisar os poros e gerar uma aparência menor; hidratantes, confere um efeito inchado para reduzi-los, argila e sílicas, absorvem o excesso de óleo, alguns tem efeito de refração de luz para restringir o brilho natural; antioxidantes, melhoram a firmeza e hidratação da pele e revertem o quadro de oxidação do sebo; renovadores epidérmicos, retiram as células mortas que obstruem os poros, melhoram a textura, alguns, tendem a “irritar” a pele e, assim,  ajuda a contrair os poros; mica e óxido de ferro, atuam como difusores óticos e dão aparência mais bonita à pele/poros.

Se alguém questionar que silicones podem ocasionar entupimentos dos poros, segundo Paula Begoun, “a maioria dos silicones são substâncias voláteis. Isso significa que a sua textura inicialmente viscoso evapora-se rapidamente e não penetrar o interior do poro onde acne ocorre.”

Eu não sou fã de produtos para minimizar os poros, porque sempre achei dispendiosos demais para apenas “mascarar” o problema. Prefiro investir em produtos que vão cuidar da pele, e por tabela, melhorar os poros. Tenho certeza que o leitor Roberto, “expert em poros”, irá compartilhar sugestões com todos aqui! :)

Eu tenho apenas um matificante, o Sofina Jenne Oil Control Mousse, que por ter silicones e um pó que absorve o brilho, atuam como difusor de luz, gerando um efeito liso à pele e atenuando os poros. Dependendo da quantidade, você reduz uns 80% dos poros:

Como eu já uso muitos produtos com antioxidantes, sílicas e silicones, quando eu quero dar um up na pele, eu aplico uma leve camada do Avon Magix Face Perfector e pronto, tenho uma pele mais apresentável. Ele sozinho não acho tão eficiente, mas conjugado com outros produtos que reduzem o brilho, funciona melhor:

4 – Terapia Fotodinâmica:

Dra. Baumann no livro “Pele Saudável” afirma que nenhum produto tópico ou via oral é eficaz para tratar poros abertos, mas enfatiza que há tratamentos dermatológicos que pode auxilar, como a Luz Intensa Pulsada em conjunto com um medicamento, o que podemos chamar de Terapia Fotodinãmica.

Terapia com luz azul melhora a acne e quando usado com o medicamento tópico Levulan (ácido 5-delta-aminolevulínico ou ALA), atua sinergicamente reduzindo a secreção das glândulas sebáceas, melhorando assim, a oleosidade, o aspecto dos poros e prevenindo a aparecimento da acne.

Um medicamento fotossensibilizante (como o Levulan gel) é aplicado sobre a pele durante um tempo e torna a pele e as glândulas sebáceas sensível à luz, potencializando o efeito da luz que é dirigida ao foco do tratamento. Após cada sessão, a pele pode ficar avermelhada e deve fazer uso de proteção solar forte para evitar queimaduras. Como um método não-evasivo para tratamento de acne e excesso de oleosidade,parece-me uma ótima opção para quem não quer se submeter a um tratamento com Roacutan.

Terapia Fotodinâmica também tem prescrição para rosácea e vasos capilares (telangiectasias) e manchas (fonte). O número de sessões pode variar conforme o tratamento, em médio de quatro a dez, mas não é um tratamento barato. Eu conversei com a minha dermatologista sobre o tratamento, ele disse que tem bons resultados, mas que há necessidade de manutenção.

Só uma recomendação, depois de tantos produtos para tratar, atenuar e camuflar os poros, não esqueça que a limpeza é fundamental!!

Retire bem o filtro solar, a maquiagem e os corretores de poros, é o mínimo que deve fazer no final de um longo dia. Tenha com você lenços antibrilho, os blotting papers, são práticos na hora que o calor fala mais alto e você quer evitar  a tentação de lavar o rosto.

Por fim, tenho que dizer que cuido da minha pele há bastante tempo e aprendi a conviver com os meus poros. Consegui reverter o quadro de “nariz de morango” – foi assim que a minha primeira dermatologista definiu o meu nariz no primeiro encontro – e hoje preocupo-me mais com cravos brancos.

Os poros do meu nariz ainda são bem predominantes e não tenho muito que fazer. Observo a minha família e vejo que é um quadro genético. Por outro lado, minha pele não reage bem quando tento usar muitos produtos e, embora tenha citado vários, de loções, soros e hidratantes, menos no meu caso e muito.

Se eu “cobrir” a minha pele com mais de quatro tipos de cosméticos, mesmo com excelente textura e indicação, posso ter pequenos cravos brancos ou vermelhos no final do dia. Então, encontre o seu tratamento ideal com a sua experiência.

E deixe-me saber quais são os seus cuidados e truques para ter poros bem cuidados.

*Bibliografia consultada: Pele Saudável – Dra. Leslie Baumann/ Ed. Campus.

*Fotos: http://cloggedporesguide.com/

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 624 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto:
- nice8 - price6